2019-06-07T18:39:46-03:00
Estadão Conteúdo
Câmbio galopante

Argentina intervém com leilões para frear escalada do dólar, diz imprensa local

Banco Central da Argentina ofertou 100,388 milhões de Letras de Liquidez, a uma taxa média de 70,036%

25 de abril de 2019
20:05 - atualizado às 18:39
Peso argentino
Peso argentino - Imagem: Shutterstock

O Banco Central da Argentina (BCRA) realizou alguns leilões cambiais hoje, para tentar frear a escalada do dólar, em meio à nova onda de deterioração dos mercados locais.

Segundo o jornal Âmbito Financiero, na primeira licitação do dia o BCRA ofertou 100,388 milhões de Letras de Liquidez, a uma taxa média de 70,036%.

No segundo leilão, ofertou 82,995 milhões de pesos, a uma taxa média de corte de 72,252%. Com isso, a taxa média total do dia, equivalente à taxa de política monetária, ficou em 71,039%, de 68,366% na quarta-feira, aponta o diário, destacando que com isso ela superou os 70%.

O jornal El Economista, por sua vez, destaca a piora da confiança do consumidor local em abril e também o fato de que o avanço do dólar complicará o processo de desaceleração inflacionária antes das eleições presidenciais, marcadas para o fim do ano.

Além disso, a imprensa local diz que há expectativa no mercado sobre uma eventual resposta política do presidente Mauricio Macri às tensões. Macri cancelou uma entrevista que teria e realiza reuniões internas.

O país enfrenta um cenário de alta inflação, dúvidas sobre a trajetória da economia e também com a política, em ano eleitoral.

No mercado local, o dólar era vendido a 45,90 pesos hoje. Em Nova York, a moeda americana avançava a 45,020 pesos, às 15h39 (de Brasília).

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

NOVO MODELO DE NEGÓCIOS

Varejo adota ‘loja-contêiner’ para fugir dos custos de shoppings e aluguéis; conheça o que são os estabelecimentos modulares

A estreante no formato é a Chilli Beans, de óculos de sol. “Acho que não teria uma Eco Chilli se não houvesse pandemia”, afirma o CEO, Caito Maia

NÃO MEXE NO MEU QUEIJO

Membros do mercado financeiro defendem Lei das Estatais em documento enviado ao ao Congresso; revogação seria ‘retrocesso’

O texto também cita o relatório de 2020 em que a OCDE afirma que a Lei das Estatais deixou os conselhos de empresas públicas mais independentes de interferências

NESTA SEGUNDA-FEIRA

Governador de São Paulo fará coletiva nesta segunda-feira após Bolsonaro aprovar isenção do ICMS sem garantia de compensação aos estados

O presidente da República vetou o fundo de ajuda aos estados após sancionar o teto do imposto estadual

SEU DOMINGO EM CRIPTO

‘Compre na baixa’ anima e bitcoin (BTC) busca os US$ 22 mil; criptomoedas aguardam semana de olho no Fed

Entre os destaques da próxima semana estão o avanço dos juros nos Estados Unidos e um possível default da Rússia

DE OLHO NO FUTURO

Goldman Sachs quer entrar no mundo da ‘renda fixa’ em criptomoedas e lidera grupo para comprar a Celsius por US$ 2 bilhões

O staking vem crescendo nos últimos meses e é motivo de certa preocupação após o caso da Celsius — e o banco de Wall Street quer um pedaço dele

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies