Menu
2019-04-05T10:20:34-03:00
Estadão Conteúdo
Em alta

Produção de veículo cresce 6,7% em 2018 e tem maior nível desde 2014, diz Anfavea

Em comparação aos últimos anos, o volume de 2018 só não é maior que o de 2014, quando as unidades fabricadas somaram 3,15 milhões e o país entrava em recessão econômica

8 de janeiro de 2019
13:00 - atualizado às 10:20
carros-transito
Imagem: Oswaldo Corneti/Fotos Públicas

A produção de veículos no Brasil cresceu 6,7% em 2018 e somou 2,88 milhões de unidades, informou nesta terça-feira, 8, a Anfavea, associação que reúne as montadoras instaladas no País.

Trata-se do segundo ano consecutivo de crescimento da produção. Em comparação aos últimos anos, o volume de 2018 só não é maior que o de 2014, quando as unidades fabricadas somaram 3,15 milhões. Naquele ano, o Brasil iniciava o período de recessão da economia.

O aumento da produção em 2018 foi impulsionado principalmente pela maior demanda dos consumidores. No ano passado, as vendas de veículos cresceram 14,6%, para 2,56 milhões de unidades, também a segunda alta seguida.

O volume produzido só não foi maior no ano passado porque as exportações caíram, pressionadas pela crise da Argentina, principal destino dos veículos que o Brasil vende para o exterior. Em 2018, as exportações, em unidades, caíram 17,9%, para 629 mil unidades, depois de atingir o recorde de 766 mil unidades exportadas em 2017.

Dezembro

O último mês do ano, no entanto, teve resultados negativos na produção. O número de veículos montados caiu 16,8% em dezembro ante igual mês de 2017, no menor resultado para o período desde 2015. Em relação a novembro também houve queda, de 27,4%.

A exportação, em unidades, recuou 48,1% em dezembro ante igual mês do ano passado, para 31,7 mil. Na comparação com novembro, caiu 7,9%.

No mercado interno, as vendas, porém, subiram 10,3% em dezembro ante igual mês do ano passado e avançaram 1,6% em relação a novembro.

Emprego

Com o aumento da produção em 2018, as montadoras mais contrataram do que demitiram. Foram 2,176 mil vagas abertas no ano.

Em dezembro, no entanto, o saldo foi negativo, com o fechamento de 803 postos de trabalho. Hoje, o setor conta com 130,451 mil funcionários, número 1,7% maior que no fim de 2017.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Olha o Gol

Boeing 737-8 Max é autorizado a retornar operações no Brasil pela Anac

A informação é vista com bons olhos pela Gol, que é a única credenciada a operar o modelo no Brasil.

bc americano

Dirigentes do Fed esperam manter juros até que meta de emprego e inflação seja atingida, mostra ata

Grupo avaliou que a atual crise sanitária continuará impactando a atividade econômica, a inflação e o emprego no curto prazo

Posto Ipiranga

Guedes elogia Caged e cobra Congresso por reformas

O Ministério da Economia irá divulgar todos os dados na quinta-feira (26)

balanço do mês

Dívida Pública Federal sobe 2,47% em outubro e chega a R$ 4,6 trilhões

Instituições financeiras foram as principais detentoras da Dívida Pública Federal interna, com 28,1% de participação no estoque

reajuste

Petrobras aumentará gasolina em 4% e diesel em 5% nas refinarias

Este é a segunda elevação de preços em novembro e segue a alta do petróleo no mercado internacional

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies