Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-05-17T11:13:49-03:00
Estadão Conteúdo
Sem parada em Curitiba?

AliExpress quer entrega em um mês no Brasil

Empresa disse que o Premium terá uma “solução inovadora” de desembaraço junto á alfândega e parceiros locais nas entregas terrestres

17 de maio de 2019
9:24 - atualizado às 11:13
AliExpress
AliExpress - Imagem: Shutterstock

O AliExpress, site de comércio eletrônico chinês pertencente ao grupo Alibaba, anunciou ontem uma nova modalidade de serviço para reduzir o tempo de entregas para o Brasil para menos de um mês - atualmente, as entregas podem levar entre 30 e 60 dias para chegar ao País. A empresa revelou o AliExpress Premium Shipping, que deve fazer o tempo de entregas cair para entre 22 e 28 dias.

O novo programa é possível após uma parceria entre a AliExpress e a Cainiao Network, o braço logístico do Alibaba. A encomenda no Premium será rastreável e, segundo as empresas, proporcionará aos usuários economia de até 59% no custo de envio. Os compradores de lotes pesados devem se beneficiar mais com a modalidade.

"O lançamento do AliExpress Premium Shipping para o Brasil representa o nosso compromisso com este importante mercado e a melhoria contínua da experiência do consumidor", disse, em comunicado, Kang Huang, diretor regional do AliExpress para a América Latina.

Sem dar detalhes, a empresa disse que o Premium terá uma “solução inovadora” de desembaraço junto á alfândega e parceiros locais nas entregas terrestres.

Crescimento

Ontem, o Alibaba informou ter superado as previsões de receita estimadas para o primeiro trimestre de 2019 - seu quatro trimestre fiscal. Os números se devem ao bom momento de seu principal negócio e à diversificação para a computação em nuvem e outros serviços.

A receita do grupo subiu para US$ 13,6 bilhões no período, alta de 51% na comparação com o mesmo trimestre de 2018. Já a receita do negócio de computação em nuvem da empresa aumentou 76% no trimestre. O segmento ainda é parte relativamente pequena dos negócios globais da Alibaba, respondendo por 8% da receita do grupo.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

GETT11 chega à bolsa com o pé direito, novo auxílio emergencial no horizonte e outros destaques do dia

Com as duas maiores economias do mundo frustrando as expectativas dos investidores e o futuro das contas públicas em um limbo, o Ibovespa não teve muito fôlego para escapar do vermelho e encerrou o dia em queda de 0,19%, aos 114.428 pontos. O Produto Interno Bruto (PIB) chinês, que cresceu 4,9% no terceiro trimestre, veio […]

Arrumando a mala

Locaweb (LWSA3) vai deixar a B3? Empresa estuda listagem nos Estados Unidos, afirma portal

Avaliada em R$ 13,5 bilhões, a empresa estreou na B3 em fevereiro do ano passado, mas pode estar prestes a abrir capital em outro país

FECHAMENTO DO DIA

Getnet (GETT11) e Lojas Americanas (LAME4) sobem forte, mas Ibovespa derrapa e dólar avança 1%

Nos Estados Unidos, a indústria também decepcionou com uma queda de 1,3%. Sinais de desaceleração nas principais economias do mundo é ruim para países como o Brasil, que dependem da exportação de commodities.

Três vezes sem juros

CPFL Energia (CPFE3) parcela pagamento de R$ 1,7 bilhão em dividendos; primeira fatia cai na conta dos acionista ainda neste mês

O pagamento das primeiras duas prestações está marcado para os dias 22 de outubro e 16 de novembro, enquanto a terceira e última fatia cairá na conta dos acionistas até 31 de dezembro

MagaLu fora das urnas

Luiza Trajano confirma que não disputará as eleições, mas reforça que é uma ‘pessoa política’; entenda o posicionamento da empresária

A presidente do conselho de administração do MagaLu pretende assumir uma posição política apartidária ‘para defender causas que sejam boas para o Brasil’

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies