Menu
2019-05-27T17:26:09-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
Olha como ele vem!

Novidades no ar? Alibaba pode fazer nova emissão de ações e levantar US$ 20 bilhões

A informação é do serviço de notícias Bloomberg. Depois de Nova Iorque, a companhia pode fazer o IPO em Hong Kong

27 de maio de 2019
16:32 - atualizado às 17:26
shutterstock_194329550
Imagem: Shutterstock

E a temporada de IPOs no mundo não deve ficar focada apenas nos Estados Unidos. Segundo fontes ouvidas pela plataforma de notícias Bloomberg e divulgadas hoje (27), o gigante do comércio eletrônico, Alibaba Group está avaliando fazer uma nova emissão de ações, só que desta vez em Hong Kong.

A previsão do grupo é levantar US$ 20 bilhões por meio de um IPO, de acordo com fontes. A ideia de fazer uma emissão de ações fora dos Estados Unidos ocorre semanas depois do anúncio de Donald Trump sobre a elevação das tarifas de 10% para 25% sobre produtos chineses. Hoje, o grupo possui papéis listados apenas na bolsa de Nova Iorque (NYSE).

Ainda de acordo com a Bloomberg, o Alibaba já entrou em contato com consultores financeiros e planeja terminar o processo de aplicação para fazer a nova emissão de ações até o segundo semestre deste ano.

O objetivo é diversificar os canais de financiamento e aumentar a liquidez dos papéis da companhia. No ano, os papéis do grupo (BABA) apresentam valorização de 13,08%.

Quando procurado, o Alibaba não quis comentar o assunto, segundo a Bloomberg.

O primeiro IPO

Em sua primeira abertura de capital, o Alibaba Group atingiu o valor recorde de US$ 25 bilhões, em 2014. Na ocasião, a expectativa inicial era que a companhia levantasse US$ 21 bilhões.

Com isso, o grupo superou em US$ 3 bilhões o recorde mundial estabelecido anteriormente pelo Banco Agrícola da China em 2010.

O Alibaba ganhou destaque no comércio eletrônico ao fazer frente a gigantes como Amazon e eBay. Entre os seus sites espalhados mundo a fora, o mais conhecido aqui no Brasil é o AliExpress, que é uma loja virtual famosa preços baixos.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

US$ 2 bilhões em 12 dias

Warren Buffett compra mais de US$ 300 milhões em ações do Bank of America e passa a deter 12% do banco

Conglomerado do bilionário continua aumentando sua posição no BofA. Em menos de 15 dias, a fatia já cresceu 9%

SD Premium

Mapa dos balanços: veja as datas de divulgação das empresas do Ibovespa

É a primeira vez que os balanços compreendem um período totalmente impactado pela pandemia; números ajudam a calibrar tomada de decisão dos investidores

Quem te viu, quem te vê

Ações da Petrobras e PetroRio disparam na B3 com rali do petróleo

Ambas as empresas se beneficiam das cotações internacionais do petróleo, em meio a um movimento de valorização generalizada das commodities

sinal verde

Cade aprova aquisição do controle da Tempest pela Embraer

Embraer já tinha participação indireta na empresa desde 2016

medida emergencial

‘Não dá para continuar muito’, diz Bolsonaro sobre prorrogação de auxílio emergencial

Guedes, no entanto, confirmou hoje que o governo avalia a reformulação do auxílio emergencial de R$ 600

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements