Menu
2019-04-04T13:41:55-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Após operação com o Itaú

XP recebe aval do BC para ter seu próprio banco

Com instituição em casa, grupo poderá oferecer crédito com condições especiais e uma maior carteira de produtos; operações devem começar no segundo semestre de 2019

19 de dezembro de 2018
9:17 - atualizado às 13:41
coluna estela
Fundadores da XP, Guilherme Benchimol (à esq) e Juliano Custódio (à dir) - Imagem: Divulgação

O Grupo XP recebeu o aval do Banco Central para ter seu próprio banco. A informação foi divulgada pela coluna "Broadcast", do Estadão, desta quarta-feira, 19.

A ideia da corretora, que deu um salto este ano após vender 49,9% de sua operação ao Itaú Unibanco, é ofertar a nova 'instituição' como mais um produto de sua prateleira. A previsão para o início das primeiras operações é o segundo semestre de 2019, ainda segundo a coluna.

Mais empréstimos

Com um banco dentro de casa, o grupo poderá ofertar crédito com condições adicionais aos de bancos do varejo. Entram nas possibilidades os empréstimos colateralizados, ou seja, com investimentos de seus clientes como garantia em troca de taxas menores.

Além disso, haverá a possibilidade de antecipar investimentos com prazos mais longos. O cliente poderá, por exemplo, receber hoje um CDB com vencimento de dois anos. Para ter acesso aos produtos bancários do grupo, será necessário uma conta na XP. Atualmente, a instituição soma cerca de 1 milhão de clientes.

Diferente, mas completo

Os produtos tradicionais de um banco de varejo no Brasil, como cartão de crédito e conta corrente, também estão na mira da XP. Aos poucos, seu objetivo é ter um banco completo. Tanto é que, em paralelo, o grupo já estrutura uma seguradora com foco no segmento de previdência privada.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Mais uma recomendação

Técnicos da Anvisa recomendam uso emergencial da vacina de Oxford/AstraZeneca

Mais cedo, área técnica havia defendido aprovação da CoronaVac

Ainda falta...

Anvisa devolve pedido de uso emergencial da Sputnik

Laboratório russo não apresentou os requisitos mínimos para que o pedido de uso emergencial pudesse ser analisado pela agência

Quase lá

Área técnica da Anvisa recomenda uso emergencial da CoronaVac

Diretores da agência analisam pedidos de uso de vacinas. No momento, a área técnica ainda faz a apresentação. Em seguida, a relatora do tema, diretora Meiruze Freitas lerá seu voto, com os outros quatro diretores da agência votando depois

coronavírus

Covid-19: Brasil tem 8,4 milhões de casos e 61 mil novos diagnósticos nas últimas 24h

Segundo ministério, 7.388.784 pacientes recuperaram-se da doença

Melou

Carrefour e Couche-Tard anunciam encerramento das negociações

O Couche-Tard e o Carrefour, contudo, destacaram que estenderão as discussões para avaliar “eventuais oportunidades na área de parcerias operacionais”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies