Menu
2018-10-17T13:06:16-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Câmbio

Brasil perdeu dólares na semana passada, mas nada preocupante

Segundo dados do Banco Central (BC) o fluxo cambial foi negativo em US$ 812 milhões

17 de outubro de 2018
13:06
Dólar
Imagem: Creative Commons/Pixabay

O Banco Central (BC) apresentou os dados semanais sobre a entrada e saída física de moeda americana no país. Na semana passada, o resultado foi negativo em US$ 812 milhões, captando saída líquida na conta financeira de US$ 837 milhões, enquanto a conta comercial relegou magros US$ 25 milhões em ingressos.

O que os números evidenciam, mais uma vez, é que a movimentação do mercado à vista praticamente não tem relação com a formação de preço da moeda, pois mesmo com essa saída, o dólar caiu 2,3% no acumulado da semana encerrada dia 11.

O que tem ditado a formação de preço são as expectativas eleitorais – dólar caiu 2,4% no pregão posterior a eleição – e o comportamento do mercado externo – dólar subiu 1,28% na quinta passada, dia de forte aversão ao risco no mercado americano.

O mesmo exemplo pode ser dado olhando os dados do fluxo no acumulado no ano. Há uma sobra de US$ 20,311 bilhões, enquanto a cotação da moeda americana ainda acumula alta de quase 14%.

Nesta quarta-feira, mesmo com um cenário externo menos favorável, o movimento de venda de dólares continua pelo terceiro pregão seguido, e a moeda firma posição abaixo da linha de R$ 3,70. Por volta das 13 horas, o dólar caía mais de 1%, negociado na faixa de R$ 3,67.

O comportamento do real destoa, também de outros pares emergentes, que perdem valor para o dólar no pregão de hoje, como o peso mexicano e o peso colombiano.

Mercado futuro

A formação de preço ocorre no mercado futuro, onde os investidores montam apostas e protegem suas exposições. Isso acontece em função das limitações para diversos tipos de operação com moeda à vista.

Os dados referentes à terça-feira mostravam os estrangeiros com posição comprada em dólar futuro mais cupom cambial (DDI – juro em dólar) somando US$ 38,1 bilhões. Na ponta oposta, estavam os bancos, com posição vendida de US$ 18 bilhões, e os fundos de investimento, também vendidos em US$ 22,4 bilhões. Essas posições têm se alterado pouco nos últimos dias.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

hoje não

Holanda rejeita acordo Mercosul-UE

Questão ambiental, relacionada à agricultura no Mercosul, foi o argumento central para o voto dos holandeses

de olho na varejista

Via Varejo anuncia oferta que pode movimentar R$ 4 bilhões

Recursos da oferta serão usados em investimentos em tecnologia e logística, inovação e desenvolvimento

covid-19

Brasil registra 1.349 mortes por coronavírus em 24 h, novo recorde

Balanço divulgado pelo Ministério da Saúde trouxe 28.633 novas pessoas infectadas com o novo coronavírus, totalizando 584.016

efeito coronavírus

Vendas no varejo da zona do euro sofrem queda histórica de 11,7% de abril

Resultado ficou acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam contração ainda mais acentuada nas vendas, de 19%

Exclusivo SD Premium

As melhores ações na bolsa para junho, segundo 14 corretoras

Após consultar 14 corretoras, o Seu Dinheiro selecionou as três ações favoritas de cada uma delas. No pódio, duas velhas conhecidas voltam para mais uma presença no ranking após um bom desempenho em maio.

Agenda BC#

BC estende regras para débito automático a contas de pagamento pré-pagas

A diretoria do Banco Central decidiu estender para as contas de pagamento pré-pagas (aquelas cujos recursos devem ser depositados previamente) as regras sobre autorização e cancelamento de débitos em conta que já estavam previstas para contas de depósitos e para contas-salário

Aprovação concedida

Tim e Vivo recebem aprovação da Anatel e do Cade para compartilhamento de rede

Serão compartilhadas infraestrutura de redes móveis para as tecnologias 2G, 3G e 4G

Empresa diz que não comenta

MPT-RS pede interdição de planta da JBS no Estado por surto de coronavírus

A JBS respondeu, sobre a ação civil pública movida nesta quarta, que não comenta processos judiciais em andamento

seu dinheiro na sua noite

Despiorou

Acabou a crise? Nesta quarta-feira, os mercados mantiveram o otimismo dos últimos dias. As bolsas subiram aqui e lá fora, ao mesmo tempo em que o dólar assistiu a mais um dia de alívio, chegando perto dos R$ 5 novamente. Está até difícil entender de onde sai tanto apetite por risco, dado que a pandemia […]

ANÁLISE

Quarentena de pijama? Não, no mundo cripto tem muita coisa rolando

Nas próximas linhas, Helena Margarido vai mostrar a você um mercado que caminha na contramão de todo establishment e permanece com alta demanda em meio à crise atual: a revolução está somente começando.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements