Menu
2018-11-01T10:40:34-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
IBGE

Produção industrial cai 1,8% em setembro ante agosto

No ano, indústria avançou 8,5% na produção de bens de capital; já no acumulado de 12 meses, a taxa é de 9,2%

1 de novembro de 2018
10:17 - atualizado às 10:40
Indústria de automóveis
Imagem: shutterstock

A produção industrial caiu 1,8% em setembro ante agosto, divulgou nesta quinta-feira, 1º, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse foi o pior desempenho para o período desde 2015. Os dados integram a Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física (PIM-PF).

A queda foi maior que a mediana das projeções, de 0,90%. Mas ainda assim o resultado veio dentro das expectativas dos analistas ouvidos pelo "Broadcast", do Estadão, que estimavam uma variação negativa de 2,80% a uma alta de 0,90%.

Na comparação com o mesmo período do ano passado, houve uma queda de 2%. Esse recuo também foi maior que a média das estimativas, que indicavam uma queda de 0,70%.

A produção da indústria de bens de capital teve queda de 1,3% em setembro ante agosto. Na comparação com setembro de 2017, o indicador mostrou avanço de 3,9%. No ano, avançou 8,5% e, no acumulado de 12 meses, a taxa é positiva em 9,2%.

Em relação aos bens de consumo, a pesquisa registrou redução de 1,5% na passagem de agosto para setembro. Na comparação com setembro de 2017, houve queda de 2,0%. No ano, a produção de bens de consumo subiu 2,4%. No acumulado em 12 meses, o avanço foi de 3,2%.

Na categoria de bens de consumo duráveis, o mês de setembro foi de recuo de 5,5% ante agosto. Em relação a setembro de 2017, houve redução de 4,5%. Entre os semiduráveis e os não duráveis, houve queda na produção de 0,7% em setembro ante agosto. Na comparação com setembro do ano passado, a produção diminuiu 1,4%.

Para os bens intermediários, o IBGE informou que a produção caiu 1,0% em setembro ante agosto. Em relação a setembro do ano passado, houve uma queda de 2,6%. No ano, os bens intermediários tiveram aumento de 1,0%. Em 12 meses, houve elevação de 1,7% na produção.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

agora vai?

Caixa Seguridade retoma análise de oferta de ações

Empresa também pretende aderir ao Novo Mercado, segmento de mais alto padrão de governança corporativa da B3; processo havia sido interrompido no ano passado

balanço do ano

Tesouro Direto encerra 2020 com quase 1,5 milhão de investidores ativos

No último mês de dezembro, a STN registrou 67.839 novos investidores ativos. Ao todo, o Tesouro Direto possui 9,2 milhões de investidores cadastrados

balanço

Apple tem lucro de US$ 28,76 bilhões e recorde de receita no 1º trimestre fiscal

Segundo o gerente financeiro da Apple, o desempenho foi puxado por um crescimento de dois dígitos em todas as categorias de produtos da empresa

seu dinheiro na sua noite

Quando as sardinhas engolem os tubarões

Como bem disse o economista John Maynard Keynes, “os mercados podem se manter irracionais por mais tempo do que você é capaz de se manter solvente”. Isso é especialmente verdade para quem resolve apostar na queda de um ativo e o vende a descoberto. E, nos últimos dias, alguns fundos de hedge americanos sentiram isso […]

MERCADOS HOJE

Ibovespa até tenta, mas discurso de Powell deixa a bolsa no vermelho; dólar vai a R$ 5,40

Cautela com recuperação econômica em escala global levou o Ibovespa a fechar em baixa e dólar acumular uma alta de 1,5%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies