Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2018-10-31T14:55:30-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Fluxo Cambial

Entrada de dólar voltou a superar saída no país na semana passada

Entre os dias 22 a 26 de outubro, quarta semana do mês, o fluxo cambial ficou positivo em US$ 706 milhões

31 de outubro de 2018
14:55

Após duas semanas em que a saída de dólar superou a entrada da moeda no país, o movimento voltou a se inverter. Mas ainda de forma pouco expressiva.

Entre os dias 22 a 26 de outubro, quarta semana do mês, o fluxo cambial ficou positivo em US$ 706 milhões, informou o Banco Central nesta quarta-feira, 31. Na semana anterior, o BC divulgou fluxo cambial negativo em US$ 2,120 bilhões.

O canal financeiro apresentou saída líquida de US$ 144 milhões no período, resultado de aportes no valor de US$ 12,518 bilhões e de envios no total de US$ 12,662 bilhões.

No comércio exterior, o saldo na semana passada ficou positivo em US$ 850 milhões, com importações de US$ 4,271 bilhões e exportações de US$ 5,121 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 959 milhões em ACC, US$ 1,788 bilhão em PA e US$ 2,375 bilhões em outras entradas.

No mês

Depois de encerrar setembro com saídas líquidas de US$ 6,138 bilhões, o País registra fluxo cambial positivo de US$ 857 milhões em outubro até o dia 26, informou o Banco Central. O montante reflete as operações registradas nas quatro primeiras semanas do mês.

O canal financeiro apresentou entradas líquidas de US$ 514 milhões no período. Isso é resultado de aportes no valor de US$ 43,063 bilhões e de retiradas no total de US$ 42,549 bilhões.

No comércio exterior, o saldo de outubro até o dia 26 é positivo em US$ 343 milhões, com importações de US$ 14,340 bilhões e exportações de US$ 14,683 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 2,491 bilhões em ACC, US$ 5,031 bilhões em PA e US$ 7,161 bilhões em outras entradas.

No ano

O fluxo cambial do ano até o dia 26 de outubro ficou positivo em US$ 18,897 bilhões, informou nesta quarta-feira, 31, o Banco Central. Em igual período do ano passado, o resultado era positivo em US$ 10,170 bilhões.

A saída pelo canal financeiro neste ano até 26 de outubro foi de US$ 18,489 bilhões. O resultado é fruto de aportes no valor de US$ 414,597 bilhões e de envios no total de US$ 433,086 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

PAPAI NOEL NA B3

CPFL Energia (CPFE3) pagará R$ 1,5 bilhão em dividendos antes do Natal; parte da grana ainda pode ser sua

Parte do valor corresponde à última fatia dos R$ 1,7 bilhões em proventos anunciados em agosto e divididos em três parcelas

Reconhecida no exterior

Luiza Trajano é a única brasileira entre as 25 mulheres mais influentes de 2021

Luiza é apontada como uma das empresárias e líderes sociais mais notáveis do país, além de inspiração para empreendedores de todos os lugares

VÍDEO

O metaverso numa casca de noz: os analistas do Seleção Empiricus mostram como investir nas tendências do futuro

Confuso com o metaverso? Pois saiba que é possível ganhar dinheiro com ele hoje — e os analistas do Seleção Empiricus mostram como

bitcoin (BTC) hoje

Bitcoin (BTC) luta para se manter nos US$ 56 mil, mas Solana (SOL) e Cardano (ADA) sobem após notícias positivas; confira

A pandemia de covid-19 pressiona os ativos de risco, como ações e criptomoedas; o bitcoin (BTC) segue em queda

O futuro é roxo?

Nubank quer ser a maior fintech do mundo, não só da América Latina, e pode vir a ser ‘muito lucrativo’, diz BTG

Analistas do BTG destacaram os principais pontos da apresentação dos fundadores do Nubank a investidores, e consideram que, para justificar o valuation de US$ 40 bi no IPO, roxinho terá de atingir um retorno de 30% em cinco anos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies