Menu
2018-10-15T13:39:59-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Banco Central

BB, Bradesco e Santander lideram ranking dos mais reclamados no segundo trimestre

15 de outubro de 2018
13:29 - atualizado às 13:39
Banco do Brasil
Imagem: shutterstock

Banco do Brasil, Bradesco e Santander estão entre as instituições mais reclamadas, segundo Ranking de Instituições por Índice de Reclamações, divulgado nesta segunda-feira, 15, pelo Banco Central.

O levantamento considera as instituições com mais de 4 milhões de clientes. Veja os números:

  • Banco do Brasil - 25,22% - (1.590 reclamações de 63,027 milhões de clientes)
  • Bradesco - 22,55% - (2.151 reclamações de 95,352 milhões de clientes)
  • Caixa Econômica - 21,64% - (933 reclamações de 42,206 milhões de clientes)

Além delas, entraram no índice também:

  • Itaú - 18,18%
  • Banrisul - 15,81%
  • Votorantim - 12,93%

Reclamações

Entre os assuntos que mais motivam reclamações por parte dos clientes está a" oferta ou prestação de informação a respeito de produtos e serviços de forma inadequada". Ao todo, de acordo com o BC, este assunto gerou 1.470 reclamações com indícios de descumprimento das regras em vigor.

Na sequência dos assuntos mais reclamados aparecem " irregularidades relativas a integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços, exceto as relacionadas a cartão de crédito, cartão de débito, internet banking e ATM" e, em seguida, "irregularidades relativas a integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços relacionados a cartões de crédito".

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

NÚMEROS DA PANDEMIA

Covid-19: Brasil registra 24.468 casos e 272 mortes em 24 horas

Nas últimas 24 horas foram computados 24.468 novos casos e 272 mortes, segundo Ministério da Saúde

o que vem por aí

Os segredos da bolsa: PIB do Brasil ganha holofotes após rali de novembro

PIB do 3º trimestre pode aumentar ainda mais a euforia dos investidores vista em novembro ou frear os ânimos

Análise

Como ficam as peças do xadrez da política após as eleições municipais

A eleição marcou a conquista de peças importantes, vitórias que serviram apenas para demarcar território e derrotas claras. Mas houve também avanços importantes mesmo de quem perdeu nas urnas

Barroso cita Shakespeare ao falar sobre 2º turno: “vai bem quando tudo acaba bem”

Barroso disse que o TSE conseguiu “neutralizar” as tentativas de cancelamento das eleições por causa da covid-19, o que, segundo o ministro, teria impactos negativos para a democracia

Eleições 2020

Doria comemora vitória de Bruno Covas com recado a Bolsonaro

Na visão do governador, o PSDB foi o grande vencedor destas eleições no Estado de São Paulo, sabe conjugar união e não foi negacionista no combate à pandemia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies