🔴 ESTA CRIPTOMOEDA DISPAROU 4.200% EM 2 DIAS – VEJA SE VALE INVESTIR

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
PIONEIRO

De olho no futuro: o que o Itaú (ITUB4) vai fazer em aliança global com AT&T, Comcast e Broadcom

O banco será o primeiro a fazer parte da Wireless Broadband Alliance (WBA), uma aliança de conectividade que reúne algumas das maiores empresas de tecnologia e de telecomunicações do mundo

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
15 de fevereiro de 2024
19:51 - atualizado às 18:30
Novo logo do Itaú, em laranja, com o nome da marca em branco, com os dizeres: "Feito de futuro"
Imagem: Divulgação

Enquanto o Bradesco (BBDC4) trabalha para se reinventar e voltar ao seu lugar no pódio dos bancões, o Itaú Unibanco (ITUB4) dá um passo à frente e se junta a uma aliança global com gigantes como AT&T, Broadcom, Comcast e Cisco Systems.

O banco será o primeiro a fazer parte da Wireless Broadband Alliance (WBA), uma aliança de conectividade que reúne algumas das maiores empresas de tecnologia e de telecomunicações do mundo.

A WBA foi criada para permitir parcerias entre prestadores de serviços, empresas de tecnologia, entes públicos e empresas para o fomento à conectividade. 

As iniciativas da organização estão ligadas a temas como Wi-Fi, 5G, internet das coisas e o OpenRoaming, uma tecnologia de conexão automática a redes sem-fio que dispensa a autenticação via senhas.

Como membro do grupo, o Itaú espera contribuir com as discussões e desenvolver e testar novas soluções em parceria com outras empresas. 

Um passo à frente

Muitos especialistas dizem que o Bradesco ficou para trás na corrida dos bancões — deixou o posto de segundo maior banco do País para o quarto lugar — também em função de ter demorado para abraçar a tecnologia em seus negócios. 

Já o Itaú tem feito alguns experimentos em conectividade para os sistemas e a rede de agências dentro do processo constante de modernização. 

Em 2021, o Itaú implementou a primeira agência bancária conectada ao 5G no País, e levou a tecnologia a cerca de 100 agências em 2022. 

No ano passado, fez testes com a Starlink — a internet ultrarrápida do bilionário Elon Musk.

Itaú conectado

Para o Itaú, os experimentos tecnológicos ajudam tanto a interligar as agências ao restante da rede do banco de forma mais rápida e estável quanto a desenvolver as plataformas online de atendimento da instituição.

"Agora, ao sermos o primeiro banco do mundo a ingressar na WBA, queremos seguir alavancando a evolução da conectividade para oferecer aos nossos clientes o que há de mais avançado em conexão, e já temos novos lançamentos previstos para o primeiro semestre deste ano", diz em nota Fábio Napoli, diretor de Tecnologia do Itaú.

"A intenção do Itaú é aprimorar seus serviços com soluções de conectividade, como OpenRoaming para seus clientes e continuar a desenvolver capacidades para apoiar seus próprios negócios, o que o torna um membro ideal da Wireless Broadband Alliance, onde a colaboração entre empresas pode abrir novas oportunidades e resolver importantes desafios tecnológicos", afirma o presidente e CEO da WBA, Tiago Rodrigues.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Compartilhe

ATENÇÃO, INVESTIDOR

Dividendos: Banco do Brasil (BBAS3) anuncia R$ 1,1 bilhão em JCP — em proventos antecipados do 2T24

24 de maio de 2024 - 18:52

Para ter direito à remuneração, é necessário possuir ações do BB até o fim do pregão de 23 de junho

TRAGAM A COROA

Tchau, Itaú (ITUB4): Nubank (ROXO34) se torna o banco mais valioso da América Latina pela primeira vez em dois anos

24 de maio de 2024 - 17:24

Atualmente, o banco digital é avaliado em US$ 56,19 bilhões, equivalente a R$ 290,52 bilhões nas cotações atuais

DONA DO CHATGPT

De demissões a polêmicas em Hollywood: por que a gestão de Sam Altman à frente da OpenAI vem sendo alvo de críticas

24 de maio de 2024 - 16:24

Desde que recuperou o trono de CEO em novembro, Sam Altman viu a empresa que fundou adentrar uma nova onda de intrigas — incluindo uma controvérsia com a atriz Scarlett Johansson e acordos altamente restritivos com antigos funcionários

APERTO DE MÃOS

Azul (AZUL4) e Gol (GOLL4) anunciam acordo de cooperação para ‘mesclar’ malhas aéreas em meio a rumores de fusão das empresas

24 de maio de 2024 - 8:34

Entre as novas rotas compartilhadas, os clientes terão à disposição também oportunidades mais convenientes de conexão

UMA BATALHA DE GIGANTES

Mercado Livre quer se tornar maior banco digital do México — mas expansão do Nubank pode atrapalhar os planos

23 de maio de 2024 - 20:04

O banco do cartão roxo liderou a adição de usuários ativos mensais (MAU) no país, de acordo com relatório do Bank of America

UM AUXÍLIO PARA A DANÇA DAS CADEIRAS

Vale (VALE3) contrata consultoria internacional para seleção de novo CEO e dá mais um passo no processo de sucessão do comando

23 de maio de 2024 - 19:22

A escolhida para assessorar o conselho de administração na busca foi a Russell Reynolds, que entregará uma lista de três possíveis nomes para o cargo ao CA

Mais uma espera

Americanas (AMER3) adia novamente a divulgação dos balanços de 2023 e do primeiro trimestre de 2024

23 de maio de 2024 - 19:13

Previsão da empresa era divulgar seus números em 28 de maio, mas investigação de comitê independente ainda não terminou

NOVAS ESTRUTURAS?

Sanepar (SAPR11) estuda criar holding e outras empresas para segregar negócios; entenda

23 de maio de 2024 - 18:46

O levantamento será elaborado pela Fundação Instituto de Administração (FIA), que terá um prazo de 240 dias para concluir os trabalhos

CHUVA DE PROVENTOS?

Petrobras (PETR4) é a segunda empresa que mais pagou dividendos no 1T24 apesar da polêmica com governo; saiba quem foi a campeã

23 de maio de 2024 - 16:15

Entre janeiro e março deste ano, a estatal depositou um total de US$ 2,03 bilhões em remuneração aos acionistas; veja a lista completa

PAPEL FICOU BARATO?

XP quer recomprar até R$ 1 bilhão em ações após papéis despencarem 14% com o balanço do 1T24

23 de maio de 2024 - 13:28

O conselho de administração da companhia aprovou um programa de recompra de ações de papéis classe A no mercado norte-americano

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar