🔴 AÇÃO QUE JÁ DISPAROU 1.200% E AINDA ESTÁ BARATA – VEJA QUAL

Ana Carolina Neira
Ana Carolina Neira
Jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero com especialização em Macroeconomia e Finanças (FGV) e pós-graduação em Mercado Financeiro e de Capitais (PUC-Minas). Com passagens pelo portal R7, revista IstoÉ e os jornais DCI, Agora SP (Grupo Folha), Estadão e Valor Econômico, também trabalhou na comunicação estratégica de gestoras do mercado financeiro.
RESULTADOS 1T23

A culpa é da China, mas não só: Por que a Vale (VALE3) deve frustrar as expectativas e ter lucro menor no 1T23

Dados de produção da Vale (VALE3) vieram abaixo do esperado e fizeram analistas revisar para baixo as projeções para o balanço; saiba o que esperar

Ana Carolina Neira
Ana Carolina Neira
26 de abril de 2023
6:45 - atualizado às 18:13
Imagem mostrando o logo da Vale (VALE3) numa parede branca; estágio
Vale (VALE3) - Imagem: Divulgação

Dando tração ao calendário de balanços do primeiro trimestre deste ano, a Vale (VALE3) divulga seus números na noite desta quarta-feira (26).

Se na temporada anterior havia todo um frisson de que a reabertura chinesa daria um belo impulso à companhia — e, por consequência, aos papéis —, não foi bem esse o cenário que se desenhou nos últimos meses. 

Com o mercado ansioso por um desfecho para a venda da parte de metais básicos da Vale e prestes a descobrir como será ter um conselheiro da Cosan (CSAN3) na mesa, a expectativa pelo balanço em si é baixa — especialmente após o relatório operacional da semana passada, que veio abaixo do esperado.

  • Imposto de Renda sem complicações: não passe perrengue na hora de declarar o seu IR em 2023. Baixe de forma GRATUITA o guia completo que Seu Dinheiro preparou com todas as orientações que você precisa para fazer sua declaração à Receita sozinho. [É SÓ CLICAR AQUI]

A expectativa do mercado é de queda forte nos três principais indicadores financeiros da mineradora. Confira as projeções dos analistas a seguir, de acordo com dados da Bloomberg:

  • Receita líquida - R$ 44,5 bilhões (-21,5% na comparação anual)
  • Ebitda ajustado - R$ 22,3 bilhões (-33,4% na comparação anual)
  • Lucro líquido - R$ 12,3 bilhões (-46,7% na comparação anual)

A culpa é da China (mas não só)

Uma das principais razões para o desânimo dos investidores e que inclusive fez a Vale cair quase 4% no primeiro pregão desta semana está na demanda chinesa, bem aquém do esperado para essa época do ano.

Normalmente, a China compra minério antes do feriado da Semana Dourada, que acontece no começo de maio, de olho num consumo mais forte que acontece logo após essa data.

O problema é que neste ano as compras não estão tão aceleradas como era esperado, o que prejudicou a Vale e acendeu um alerta sobre o consumo chinês.

Se antes muita gente apostava num boom para as empresas de commodities por causa da reabertura chinesa, agora o mercado prefere aguardar para ver o que vem a seguir. E o balanço da Vale pode ser um bom termômetro.

"A parte de commodities metálicas no geral sofre, é um trimestre difícil por causa das chuvas. Neste começo de ano tivemos problemas com ferrovias, portos e com as chuvas, o que afetou o escoamento da produção", afirma Gabriela Joubert, analista-chefe do Inter.

Em relatório, o Bank of America (BofA) destacou que tanto a produção de minério de ferro quanto de metais básicos foram mais fracas durante o primeiro trimestre deste ano. O período de chuvas e problemas com a ferrovia MRS também pesaram nesse resultado.

A Vale informou que espera reverter esse acúmulo de estoque nos próximos meses, sem alterar seu plano anual de vendas.

VEJA TAMBÉM - Fugi do país para escapar de uma montanha de dívidas, meus credores podem me perseguir?

Confira o episódio desta semana do quadro A Dinheirista, em que a repórter Julia Wiltgen resolve esse e mais casos cabeludos envolvendo dinheiro.

"Vemos uma queda potencial de aproximadamente US$ 400 milhões em relação à nossa previsão de Ebitda de US$ 4 bilhões para o trimestre", escrevem os analistas do BofA.

Diante disso, alguns bancos ainda enxergam a Vale negociando a bons múltiplos, mas preferem o cobre em detrimento do minério de ferro diante de uma oferta maior que a demanda, caso do Santander.

Vale (VALE3) sem brilho?

Para o Itaú BBA, sim. Em relatório, os analistas apontaram "volumes sem brilho" após a divulgação dos dados operacionais da mineradora, o que provocou a redução das estimativas para o balanço.

A equipe revisou a estimativa de Ebitda de US$ 4,1 bilhões para US$ 3,7 bilhões nos três primeiros meses deste ano, especialmente por causa dos volumes mais fracos do que o esperado e da realização dos preços do minério de ferro. Eles observam também a maior pressão de custos.

Compartilhe

UMA BATALHA DE GIGANTES

Mercado Livre quer se tornar maior banco digital do México — mas expansão do Nubank pode atrapalhar os planos

23 de maio de 2024 - 20:04

O banco do cartão roxo liderou a adição de usuários ativos mensais (MAU) no país, de acordo com relatório do Bank of America

UM AUXÍLIO PARA A DANÇA DAS CADEIRAS

Vale (VALE3) contrata consultoria internacional para seleção de novo CEO e dá mais um passo no processo de sucessão do comando

23 de maio de 2024 - 19:22

A escolhida para assessorar o conselho de administração na busca foi a Russell Reynolds, que entregará uma lista de três possíveis nomes para o cargo ao CA

Mais uma espera

Americanas (AMER3) adia novamente a divulgação dos balanços de 2023 e do primeiro trimestre de 2024

23 de maio de 2024 - 19:13

Previsão da empresa era divulgar seus números em 28 de maio, mas investigação de comitê independente ainda não terminou

NOVAS ESTRUTURAS?

Sanepar (SAPR11) estuda criar holding e outras empresas para segregar negócios; entenda

23 de maio de 2024 - 18:46

O levantamento será elaborado pela Fundação Instituto de Administração (FIA), que terá um prazo de 240 dias para concluir os trabalhos

CHUVA DE PROVENTOS?

Petrobras (PETR4) é a segunda empresa que mais pagou dividendos no 1T24 apesar da polêmica com governo; saiba quem foi a campeã

23 de maio de 2024 - 16:15

Entre janeiro e março deste ano, a estatal depositou um total de US$ 2,03 bilhões em remuneração aos acionistas; veja a lista completa

PAPEL FICOU BARATO?

XP quer recomprar até R$ 1 bilhão em ações após papéis despencarem 14% com o balanço do 1T24

23 de maio de 2024 - 13:28

O conselho de administração da companhia aprovou um programa de recompra de ações de papéis classe A no mercado norte-americano

OFERTA DE BONDS

Jack Ma em apuros? Ação da dona do AliExpress cai forte em meio a rumores de que gigante do e-commerce precisaria levantar US$ 5 bilhões

23 de maio de 2024 - 12:19

Segundo a Bloomberg, a varejista estaria cogitando uma emissão bilionária de títulos de dívida (bonds) para levantar capital; entenda

BOM OU MAL?

Oncoclínicas (ONCO3) fará aumento de capital de R$ 1,5 bilhão — CEO e banco garantem operação; ações sobem quase 20%

23 de maio de 2024 - 10:09

A empresa afirma que os recursos levantados com o aumento de capital serão destinados à melhora da posição em caixa e redução da alavancagem financeira da companhia

MAIS DINHEIRO NO BOLSO

Nvidia anuncia alta de 150% nos dividendos e desdobramento de ações após trimestre com recorde de receita e salto no lucro

22 de maio de 2024 - 18:13

Os proventos passarão de US$ 0,04 por ação para R$ 0,10 por papel ordinário. Mas, como a companhia fará um desdobramento de ações, esse valor ainda será ajustado

GIGANTE DA IA

Lucro da Nvidia salta mais de 600%, receita bate recorde e ações disparam; confira os destaques do balanço da empresa

22 de maio de 2024 - 17:36

A gigante da Inteligência Artificial conseguiu ultrapassar as projeções já elevadas dos analistas e entregou números acima do previsto

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar