A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2022-07-12T21:09:51-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
CONECTANDO…

A internet caiu! Câmara não consegue aprovar PEC Kamikaze em segundo turno e Lira chama a polícia; entenda o caso

Os deputados tinham aprovado a chamada PEC que concede uma série de benefícios sociais às vésperas da eleição e decreta estado de emergência no País em primeiro turno e se preparavam para analisar destaques — sugestões de mudanças — e realizar um segundo turno de votação

12 de julho de 2022
21:09
Deputado Arthur Lira, presidente da Câmara
Arthur Lira (PP - AL), presidente da Câmara dos Deputados - Imagem: Maryanna Oliveira/Câmara dos Deputados

Quem nunca reclamou que a internet caiu e não conseguiu prosseguir ou terminar um trabalho — ainda mais em tempos de home office — que atire a primeira pedra. Mas se você acha que isso só acontece na sua casa ou com meros mortais, está enganado. 

Segundo informações da Broadcast, um problema técnico derrubou a internet do Congresso, suspendendo a sessão da Câmara que se preparava para votar em segundo turno a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que concede uma série de benefícios sociais às vésperas da eleição e decreta estado de emergência no País.

Os deputados tinham aprovado a chamada PEC Kamikaze em primeiro turno, por 393 votos a favor e 14 contrários, e se preparavam para analisar destaques — sugestões de mudanças — e realizar um segundo turno de votação. 

Mas o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), foi forçado a suspender a sessão por problemas técnicos com a internet. 

Na sequência, Lira afirmou que a Polícia Federal (PF) estava indo à Câmara para investigar o que havia acontecido ao mesmo tempo em que sinalizava que a sessão para a votação da PEC dos benefícios só seria retomada na quarta-feira (12). 

A sessão já começou conturbada

Se você é daquelas pessoas que acredita em sinais, talvez Lira não — mas tudo indicava que a votação da PEC Kamizake seria conturbada. 

Primeiro porque os líderes partidários alinhados ao presidente Jair Bolsonaro (PL) passaram o dia tentando mobilizar os parlamentares para a votação.

Depois, durante a votação no plenário, Lira fez um apelo para que os deputados fossem votar e determinou falta administrativa não comparecesse.

Para ganhar tempo, Lira ainda pautou primeiro a PEC do piso salarial da enfermagem, aprovada em primeiro turno. 

A estratégia foi realizar apenas a primeira votação da proposta para os enfermeiros e deixar o segundo para depois da PEC dos Benefícios. Como o piso salarial é uma matéria de consenso, os governistas apostaram na manutenção do quórum ao longo da votação do pacote de benesses do governo.

Veja também: Riscos para a economia no segundo semestre — Lula x Bolsonaro, inflação, juros e recessão nos EUA?

Detalhes da PEC Kamikaze

  • Auxílio Brasil: Ampliação de R$ 400 para R$ 600 mensais e cadastro de 1,6 milhão de novas famílias no programa (custo estimado: R$ 26 bilhões);
  • Bolsa-caminhoneiro: criação de um benefício de R$ 1 mil (custo estimado: R$ 5,4 bilhões);
  • Auxílio-Gás: Ampliação de R$ 53 para o valor de um botijão a cada dois meses (o preço médio atual do botijão de 13kg, segundo a ANP, é de R$ 112,60; custo estimado: R$ 1,05 bilhão);
  • Transporte gratuito de idosos: compensação aos Estados para atender a gratuidade, já prevista em lei, do transporte público de idosos (custo estimado: R$ 2,5 bilhões);
  • Etanol: Repasse de até R$ 3,8 bilhões a Estados para manutenção do ICMS em 12% para manter a competitividade do biocombustível em relação à gasolina; Taxistas:
  • Auxílio-gasolina de R$ 200 para os taxistas ao custo de R$ 2 bilhões;
  • Alimenta Brasil: R$ 500 milhões seriam direcionados ao programa para a compra de alimentos de agricultores familiares.
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) sobe, mas perde o protagonismo para o ethereum (ETH); entenda

12 de agosto de 2022 - 20:29

Além de aproveitar a inflação dos EUA mais branda, o que ajudou as criptomoedas em geral, o ETH se beneficiou dos progressos na direção do The Merge

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Magalu (MGLU3) dispara, BC amigo das criptomoedas e outros destaques do dia

12 de agosto de 2022 - 19:07

O mercado financeiro começou a semana olhando aterrorizado para os céus. Já era esperado que os dias fossem marcados pelo avistamento de dragões no ar, mas não se sabia ao certo o tamanho da encrenca que precisaria ser enfrentada.  Com traumas dos episódios recentes, quando a cada mês a ameaça se mostrava maior e mais […]

FECHAMENTO DO DI

Alívio com inflação leva Ibovespa a subir 6% na semana; Magazine Luiza (MGLU3), Hapvida (HAPV3) e Via (VIIA3) disparam após balanço

12 de agosto de 2022 - 18:41

Os indicadores melhores do que o esperado deram um respiro para o Ibovespa nesta semana; dólar caiu quase 2%

SEMANA EM CRIPTO

Ethereum (ETH) rouba a cena e dispara 14%, mas bitcoin (BTC) encerra semana acima dos US$ 24 mil; saiba o que esperar das criptomoedas

12 de agosto de 2022 - 17:56

O otimismo com a atualização do éter, as sanções ao Tornado Cash e o real digital são alguns dos destaque da semana

FEBRABAN TECH 2022

Setor financeiro melhora planos para o metaverso e já fala em criptomoedas como ‘espinha dorsal’ do processo — mas isso vai levar algum tempo; entenda

12 de agosto de 2022 - 17:40

O Febraban Tech 2022 foi realizado entre os dias 9 e 11 de agosto, em São Paulo; confira alguns destaques

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies