O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-08T15:53:07-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
CERTIFICADO DIGITAL

NFT do primeiro tweet da história está à venda novamente com um preço 16 vezes maior — e o ex-CEO do Twitter não gostou muito disso

A peça será vendida por US$ 48 milhões, cerca de 16 vezes o preço de US$ 2,9 milhões de quando foi comprada em março de 2021

8 de abril de 2022
15:53
Criptomoedas
O primeiro tweet da história será vendido em formado NFT pela segunda vez, por 16 vezes o valor.

Os registros históricos nos permitem conhecer um pouco mais das sociedades que nos precederam. E a criação dos certificados digitais — os NFTs — ainda consegue fazer com que alguns poucos ganhem dinheiro com, digamos, um tweet

Mas não é qualquer tweet: é o primeiro da história. A primeira publicação de uma das mais famosas redes sociais do mundo foi feita pelo seu fundador, Jack Dorsey. “só ajustando meu twitter”, escreve o ex-CEO da empresa. 

NFT: Um tweet de milhões

Em março do ano passado, Sina Estavi, presidente da provedora de serviços de blockchain Bridge Oracle, fez história ao comprar a NFT do tweet de Dorsey por US$ 2,9 milhões (R$ 15,689 milhões). 

Agora, a ideia de Estavi é vender essa peça da história humana por US$ 48 milhões, cerca de 16 vezes o que ele pagou em março. Mas existe um motivo para a escolha do chefe da Bridge Oracle escolher um valor tão alto

Cripto-doação: US$ 24 milhões para a caridade

Metade do lucro com a venda do NFT irá para a GiveDirectly, uma instituição de caridade que faz doações diretas em dinheiro para pessoas em situação de pobreza. Essa é a mesma organização que Dorsey prometeu apoiar quando vendeu seu primeiro tweet no ano passado.

No entanto, o anúncio de Estavi resultou em uma “cotovelada” de Dorsey, que questionou: “por que não doar 99%?”

Na calculadora: perdeu o equivalente a 31,68 milhões — em reais

Nem o vendedor nem o comprador são brasileiros, mas o real ganhou força frente ao dólar desde março do ano passado. A moeda norte-americana perdeu cerca de 12,19% do valor em comparação com o nosso dinheiro. 

Dessa maneira, a peça poderia ter sido vendida por R$ 259,68 milhões, mas a mordida reduziu o ganho para “apenas” R$ 228 milhões, uma perda de cerca de R$ 31,68 milhões.

Entenda o que fazer agora com a queda do dólar: 

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

pressão vendedora

Nubank derrete 21% na semana após fim do lock-up, que restringia venda das ações pelos “tubarões”

Desde o IPO, o Nubank já perdeu US$ 23,9 bilhões em valor de mercado, e a fintech que antes valia mais que o Itaú hoje vale quase um terço dele

INTERNET DO MUSK

O que faz a Starlink, empresa que trouxe Elon Musk ao Brasil e deve operar na Amazônia

A empresa do bilionário promete internet ultrarrápida e deve começar as suas operações ainda neste ano; Anatel já deu aval

FECHAMENTO DO DIA

Escapou do urso: S&P 500 consegue fechar no azul em recuperação dramática; saiba o que aconteceu com as bolsas nos EUA

Dois fatores são centrais para entender o comportamento do S&P 500, do Nasdaq e do Dow Jones nas últimas semanas; entenda

FECHAMENTO DO CÂMBIO

Dólar recua 0,87% e vale R$ 4,87. Euro também cai e vale R$ 5,13; confira o que movimentou o câmbio nesta sexta-feira

Apesar do predomínio de um certo humor pessimista pelo mundo, o real conseguiu ter mais um dia de ganhos em relação ao dólar

VISÃO MACRO

Por que o mercado exagera ao temer uma recessão nos Estados Unidos e na China

Os sinais de uma possível recessão nas grandes economias, como EUA e China, e o aumento de um pessimismo generalizado parecem ter tomado conta dos mercados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies