2022-07-12T11:18:16-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
TÔ FRACO, TÔ FRACO

Bitcoin (BTC) segue cautela de mercados tradicionais e cai abaixo dos US$ 20 mil hoje; criptomoedas ainda são imunes à inflação? Entenda

Na ponta do lápis, as criptomoedas seriam imunes à inflação — mas na prática, a história é um pouco diferente

12 de julho de 2022
11:18
Bitcoin Renascimento Fênix Fogo Cidade
Confira o que movimenta o bitcoin (BTC) e as criptomoedas hoje. Imagem: Shutterstock, com intervenção de Andrei Morais

O cenário internacional não tem dado moleza para as criptomoedas. Com os mercados tradicionais pressionados, o bitcoin (BTC) recuou pelo quarto dia seguido e perdeu o suporte de preço de US$ 20 mil.

A aversão ao risco vem principalmente da expectativa com a inflação dos Estados Unidos, que não deve dar sinais de arrefecimento na próxima leitura, divulgada nesta quarta-feira (13).

O próprio governo norte-americano já assumiu que espera uma intensa alta de preços em junho, o que piorou ainda mais o sentimento do mercado.

Confira como operam as dez maiores criptomoedas do mundo hoje: 

#NomePreço24h %7d %
1Bitcoin (BTC)US$ 19.904,78-3,03%2,39%
2Ethereum (ETH)US$ 1.075,72-6,11%-2,18%
3Tether (USDT)US$ 0,9992-0,02%0,02%
4USD Coin (USDC)US$ 1,000,02%0,00%
5BNB (BNB)US$ 226,43-2,39%0,78%
6Binance USD (BUSD)US$ 0,9992-0,08%-0,11%
7XRP (XRP)US$ 0,3124-4,11%-1,11%
8Cardano (ADA)US$ 0,4344-2,80%-3,31%
9Solana (SOL)US$ 34,18-2,87%1,68%
10Dogecoin (DOGE)US$ 0,6178-3,99%-6,50%
Fonte: Coin Market Cap 

ETFs de criptomoedas da bolsa brasileira

TickerGestoraPreçoVariação (24h%)Variação (7d%)
HASH11HashdexR$ 17,79-3,26%-3,58%
ETHE11HashdexR$ 17,25-4,06%-6,40%
BITH11HashdexR$ 25,69-2,17%-2,47%
DEFI11HashdexR$ 19,944,34%1,27%
WEB311HashdexR$ 18,47-3,40%-2,28%
QBTC11QR CapitalR$ 6,80-1,16%-2,72%
QETH11QR CapitalR$ 4,22-4,74%-6,22%
QDFI11QR CapitalR$ 3,68-6,36%0,27%
NFTS11InvestoR$ 30,3511,21%5,90%
CRPT11VítreoR$ 5,100,99%2,00%
Fonte: Google Finance

Bitcoin ainda é imune à inflação?

O questionamento que os investidores mais se fazem é se as criptomoedas são uma tese resistente à crise — o “não” está claro, tendo em vista a queda de mais de 70% desde as máximas históricas.

Mas ainda existe uma tese do universo cripto que também deve ser derrubada com a divulgação dos dados do índice de preços norte-americanos: as criptomoedas são imunes à inflação?

Entendendo a matemática

O dinheiro que costumamos usar no dia a dia, emitido pelo Banco Central, tem a emissão infinita. Isso significa que não precisa existir um lastro correspondente para o papel que nós chamamos de real por aqui, por exemplo — a mesma regra se aplica ao dólar e ao euro. 

No caso do bitcoin, existe um número limitado de tokens (criptomoedas) BTC: cerca de 21 milhões.

Ou seja, em aproximadamente 119 anos, o último bitcoin da rede será descoberto pelos mineradores de cripto e não haverá mais BTCs para serem colocados em rede.

Assim, o bitcoin pode ser considerado um ativo escasso e deflacionário devido a sua alta valorização, diferentemente das chamadas moedas fiduciárias (fiat, emitidas pelo Banco Central).

Entenda mais aqui:

Na ponta do lápis é verdade — na prática… 

Mas as criptomoedas de modo geral — o BTC inclusive — têm se comportado muito mais como ações de tecnologia do que propriamente como um mercado à parte.

Falando com sinceridade, o mercado de criptomoedas ainda não adquiriu sua própria dinâmica e acaba reagindo pelas mesmas métricas que movimentam o setor tech.

Por isso, a inflação dos EUA tem influência — ainda que indireta — nas cotações das criptomoedas, derrubando os preços.

Papo Cripto #022 — Bitcoin ‘abaixo do preço’?

Aperte o play e não deixe de conferir o último Papo Cripto com José Arthur Ribeiro, CEO da corretora de criptomoedas Coinext.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Um mundo tomado pela inflação: entenda ao que é preciso prestar atenção para saber se os preços vão finalmente parar de subir

9 de agosto de 2022 - 6:10

O processo de normalização dos preços será fundamental para que consigamos ter maior previsibilidade quanto ao futuro dos ativos de risco

COMBUSTÍVEIS

Mudou de ideia? Bolsonaro diz que política de paridade de preços da Petrobras (PETR4) pode ser mantida como está

8 de agosto de 2022 - 20:43

Bolsonaro anunciou que vai manter os impostos federais dos combustíveis zerados no próximo ano

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) perde um pouco de tração, mas segue operando em alta; saiba o que mexe com a maior criptomoeda do mundo

8 de agosto de 2022 - 20:04

O destaque do dia foi para o ethereum (ETH), mas não pela alta de preços e sim pelo volume negociado nas últimas 24h

ELEIÇÕES 2022

Bolsonaro alfineta banqueiros e diz que ações do governo contam mais do que “assinar cartinha”; confira o recado enviado pelo presidente

8 de agosto de 2022 - 18:49

Chefe do Planalto fez referência aos manifestos em defesa da democracia articulados em reação à ofensiva sem provas do governo sobre a lisura do sistema eleitoral brasileiro — e que contou com a assinatura de banqueiros

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Os melhores FIIs do mês, cinco razões para comprar Weg (WEGE3) e o prejuízo do Softbank; confira os destaques do dia

8 de agosto de 2022 - 18:40

Depois que o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu elevar a Selic a 13,75% ao ano e deixou claro que, caso um novo aumento ocorra, será apenas um ajuste residual, o mercado financeiro comprou a ideia de que o ciclo de aperto monetário chegou ao fim e já começa a sonhar até […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies