🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela o nome da ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

2022-09-08T09:43:56-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
CARREGANDO…

O The Merge do ethereum (ETH) começou hoje: confira 7 perguntas sobre a atualização mais esperada do ano

O que acontecerá com a criptomoedas após o The Merge? Os preços vão disparar e o ethereum irá superar o bitcoin? Confira respostas aqui

6 de setembro de 2022
13:57 - atualizado às 9:43
The Merge, a atualização do ethereum (ETH) que anima o mercado de criptomoedas
The Merge, a atualização do ethereum (ETH) que anima o mercado de criptomoedas. Imagem: Freepik

A atualização mais aguardada do ano já começou a ser estabelecida na rede do ethereum (ETH), a segunda maior criptomoeda do mundo. Com isso, o The Merge torna-se o principal evento do ano para o mercado de moedas digitais — e um marco desse universo.

Nesta terça-feira (06) a atualização Bellatrix foi estabelecida com sucesso na rede e deve servir de base para a fusão completa da blockchain, no dia 15 de setembro. 

Entretanto, existem uma série de dúvidas em torno do que acontecerá com a criptomoeda, como se a atualização é segura neste momento — e, é claro, se ela será benéfica para os investidores de modo geral.

  • ‘ATUALIZAÇÃO DO ETHEREUM TRAZ MOMENTO CHAVE PARA BUSCAR LUCROS EXPRESSIVOS COM CRIPTOMOEDAS’: saiba quais são os 5 investimentos que podem fazer ‘explodir’ lucros no seu bolso ao médio e longo prazo. Libere a análise completa aqui

Confira a seguir sete pontos para entender a atualização do ethereum The Merge:

1 — O que é o The Merge

O The Merge (ou “A Fusão”, na tradução do inglês) altera o sistema de validação da rede (blockchain) do ethereum. 

Ela trará uma maior eficiência energética, com a migração do sistema de proof-of-work (PoW, ou “prova de trabalho”) para proof-of-stake (PoS, ou “prova de participação”). As taxas de transação também serão mais baixas e a velocidade de transação também deve crescer.

Ainda que você já tenha lido que os desenvolvedores “desmentiram” algumas dessas informações, essas serão as principais mudanças sentidas pelo usuário final.

Fonte: Ethereum Foundation

2 - Qual é o calendário de atualização do The Merge?

A primeira parte da atualização acaba de acontecer. Já a segunda parte, a “Paris”, será o marco inicial do The Merge com a explosão da bomba de dificuldade — que já havia “estourado” na zona de testes da rede, a testnet. 

Dessa forma, será praticamente impossível minerar a criptomoeda pelo método PoW. O gatilho para essa bomba de dificuldade está marcado para algum ponto entre os dias 15 e 17 de setembro — ou seja, entre quinta-feira e sábado da semana que vem. 

Para os aficionados por números, a bomba de dificuldade irá cruzar a medida de 50 quatrilhões de pontos — ou 50.000.000.000.000.000, para os curiosos — tornando impossível qualquer tipo de mineração na rede.

3 - O que acontecerá com os preços após o The Merge?

Em linhas gerais, existe uma grande expectativa dos analistas para os preços do ethereum, ainda que a atualização em si não deva trazer uma disparada das cotações. 

Isso porque trata-se de uma atualização técnica e da rede do ethereum. Porém, o The Merge permitirá a criação de novos e melhores projetos em cima da blockchain do éter. 

Dessa forma, o crescimento da rede deve trazer mais recursos para essa blockchain e, consequentemente, a procura pelo token ETH deve crescer, o que trará reflexos às cotações. 

  • ‘ATUALIZAÇÃO DO ETHEREUM TRAZ MOMENTO CHAVE PARA BUSCAR LUCROS EXPRESSIVOS COM CRIPTOMOEDAS’: saiba quais são os 5 investimentos que podem fazer ‘explodir’ lucros no seu bolso ao médio e longo prazo. Libere a análise completa aqui

Nas últimas semanas, a criptomoeda ETH vem buscando novos patamares de preço, apesar do cenário nada favorável. Ainda existem alguns analistas que entendem que a atualização já está precificada, mas não há um consenso sobre isso.

4 - O fork da rede irá acontecer?

Um dos rumores que surgiu antes da atualização do ethereum diz respeito ao fork (divisão) da rede. Alguns desenvolvedores não ficaram contentes com a migração do sistema PoW para PoS e fizeram a proposta para os usuários.

A blockchain seria dividida em duas, criando uma criptomoeda para cada uma. Assim, seria possível continuar minerando ETH com os métodos PoW e PoS em redes diferentes.

Entretanto, a proposta não vingou. Diversas plataformas anunciaram que não iriam listar uma rede que fizesse a mineração pelo método PoW, o que frustrou os desenvolvedores e jogou a pá de cal na proposta. 

Uma divisão parecida já aconteceu com a rede do ethereum e criou o ethereum classic (ETC), uma criptomoeda que voltou a despertar o interesse do mercado durante o The Merge.Esse “novo ethereum” teria o token ETHPOW, mas diversas plataformas e exchanges já afirmaram que não devem aderir a qualquer nova criptomoeda que use o PoW devido aos impactos ambientais desse mecanismo. Leia mais sobre ele aqui.

5 - O que acontece após o The Merge para o investidor?

Se você investe na criptomoeda ethereum (ETH), não precisa se preocupar. Dificilmente o usuário final sem muita relação com o desenvolvimento de projetos irá sentir alguma diferença — a não ser, é claro, a movimentação nas cotações. 

Já para os desenvolvedores e criadores de projetos e DApps (decentralized applications) será preciso atualizar os softwares para continuar operando na rede após o The Merge. Você pode conferir como fazer a atualização no próprio portal da Ethereum Foundation.

6 - O ethereum irá superar o bitcoin (BTC) após a atualização?

A pergunta que aparece com a nova atualização do ethereum é inevitável: o éter irá superar o bitcoin?

Mas a resposta nem sempre é simples. Em primeiro lugar, superar o preço do bitcoin pode ser uma tarefa nada simples — tendo em vista que a maior criptomoeda do mundo é um dos tokens mais caros e o ethereum precisaria multiplicar as cotações mais de 15 vezes. 

No mercado cripto, porém, isso não é impossível, apesar de ser pouco provável.

Outro ponto de vista

Já no quesito projeto, é preciso não comparar bananas com laranjas. 

O bitcoin foi a primeira das criptomoedas e é considerado o ouro digital — por isso, alguns analistas tratam o BTC mais como uma commodity do que como moeda.

  • ‘ATUALIZAÇÃO DO ETHEREUM TRAZ MOMENTO CHAVE PARA BUSCAR LUCROS EXPRESSIVOS COM CRIPTOMOEDAS’: saiba quais são os 5 investimentos que podem fazer ‘explodir’ lucros no seu bolso ao médio e longo prazo. Libere a análise completa aqui

O protocolo ethereum é uma chamada blockchain de primeira camada (layer 1 ou L1), no qual projetos se desenvolvem a partir dela. Em outras palavras, BTC e ETH estão em nichos diferentes de mercado, não havendo como “superar” um ao outro.

7 - O que pode dar errado a partir de agora?

Existem alguns riscos — ainda que pequenos — que o investidor precisa ficar atento.

Dificilmente a blockchain do ethereum sairá do ar após a atualização, mas existe a possibilidade da rede ficar bastante lenta durante a migração do PoW para o PoS.

Além disso, os validadores da rede também podem demorar para adequarem suas máquinas aos novos softwares e sistemas, o que também pode trazer lentidão para a rede em um primeiro momento. Os ajustes devem ocorrer ao longo dos próximos dias.

Por fim, vale destacar que esse é um momento histórico para o novíssimo mercado de criptomoedas. Muitas redes já nascem com o sistema PoS e essa migração será importante para testar a capacidade da rede de desenvolvedores em criar e manter um grande projeto.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Eleições 2022

Pesquisa Ipespe/Abrapel mostra Lula oscilando para cima e Bolsonaro estável

24 de setembro de 2022 - 11:41

Pesquisa mostrou que votos brancos e nulos também subiram, assim como o número de eleitores que não souberam ou preferiram não responder

Tax the rich!

Imposto sobre heranças vai aumentar? Saiba quais candidatos à presidência são a favor de tributá-las ou de taxar grandes fortunas

24 de setembro de 2022 - 10:00

A discussão sobre o aumento de impostos sobre os ricos ou os “super-ricos” é tendência mundial, e no Brasil não é diferente. Mas nem todos os candidatos à presidência têm propostas nesse sentido

Banho mais caro

Tarifa de energia elétrica deve subir mais do que toda a inflação projetada pelo Banco Central em 2023, dizem especialistas

24 de setembro de 2022 - 9:47

Reajuste das tarifas chegaria a 5% em 2023, enquanto a projeção do Banco Central para a inflação é de 4,6%

Irregularidades

TSE vê indício de fraude em R$ 605 milhões em gastos das campanhas eleitorais

24 de setembro de 2022 - 9:22

Na lista de casos suspeitos estão gastos que teriam sido feitos por parentes e empresas de fachada, além de doações feitas por pessoas mortas

ESPECIAL SD 4 ANOS

Bolsa vai andar bem depois das eleições e sem o risco de ruptura política, diz Felipe Miranda, da Empiricus

24 de setembro de 2022 - 7:19

Fundador e estrategista-chefe da Empiricus vê Bolsonaro mais liberal caso seja reeleito ou um governo “Lula 1.3”, mais próximo do primeiro mandato do que do segundo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies