🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela o nome da ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

Richard Camargo
Estrada do Futuro
Richard Camargo
Formado em Economia pela Universidade de São Paulo, Richard trabalhou por 5 anos na área tecnológica até chegar na Empiricus.
2022-09-15T15:48:40-03:00
ESTRADA DO FUTURO

7 razões para ficar otimista com as ações de tecnologia na bolsa

Espero que a lista incentive os investidores de tecnologia a pensar sobre como tantas oportunidades e frentes de pesquisa irão moldar o mundo em que vivemos

15 de setembro de 2022
6:06 - atualizado às 15:48
Computador tecnologia ações
Nos últimos 20 anos, os índices S&P 500 e Nasdaq 100 apresentam performances de +352% e 1.246%, respectivamente - Imagem: Shutterstock

Olá, seja bem-vindo à Estrada do Futuro, onde conversamos semanalmente sobre a intersecção entre investimentos e tecnologia.

Há alguns dias, a equipe de Wealth da Empiricus Investimentos, listou tópicos que resumem as principais questões macroeconômicas que são pano de fundo para o mercado de ações:

  • Atividade global em contração, mas expectativas bastante pessimistas;
  • Inflação deve desacelerar com contração em curso, queda de commodities e reorganização da oferta;
  • FED entrando em fase de sintonia fina, mas com um discurso duro e podendo eventualmente acelerar o lado quantitativo, limitando a necessidade de apertos em demasia;
  • Europa sofrendo com a questão do gás, mas câmbio desvalorizado e estímulos fazem o contraponto para a atividade. Ajuste inflacionário deve demorar um pouco, enquanto energia for um limitante;
  • China em processo de lockdowns, mas estímulos seguram atividade e potencializam retomada mais à frente;
  • Mercados já bastante ajustados exigem cautela com a onda de pessimismo;
  • Brasil aguardando definição eleitoral, mas acreditamos que, em um eventual governo Lula, não teremos grandes derrapadas na condução (rejeição à mudança na Constituição chilena é um ótimo sinal para a América Latina);
  • Juros reais devem se fazer presentes e desacelerar a inflação (atrasou por séries de estímulos) a partir de agora;
  • Fluxo de câmbio por conta de balança, emissões de dívida, potencial entrada de estrangeiros e FDIs devem apreciar o real;
  • Emergentes muito depreciados, dólar com dez anos de desvalorização forte e múltiplos muito baixos tornam nossa bolsa atrativa.

Da inflação alta ao conflito na Ucrânia, o quarteto dos cavaleiros do apocalipse, no cenário atual, mais parecem uma cavalaria inteira.

Ouvir que você precisa "comprar ao som dos canhões e vender ao som dos violinos" é muito mais fácil do que apertar os botões do home broker em tais cenários. 

Na coluna de hoje, quero oferecer uma outra interpretação à lista do meu amigo.

Resumo do cenário, mas de longo prazo e focado em tecnologia

Eu poderia continuar a lista acima…

E falar sobre vários outros aspectos diferentes de como o mundo e a tecnologia se desenvolveram nos últimos 20 anos, com praticamente a universalização do acesso à internet, um número muito maior de pessoas alfabetizadas e tantos outros tópicos.

Há sim uma série de desafios macroeconômicos no horizonte. 

  • LEIA TAMBÉM: empresa de cibersegurança está crescendo a ritmo acelerado, chamando a atenção do governo dos EUA e captando clientes insatisfeitos com a Microsoft. Ela pode ser uma oportunidade na Bolsa. Acesse um relatório gratuito.

É provável sim que tenhamos uma recessão nos países desenvolvidos, especialmente na Europa, que vem sofrendo as consequências do horrível conflito na Ucrânia. 

E é muito difícil comprar ao som dos canhões e vender ao som dos violinos. Nosso instinto natural e humano é de fazer o contrário. 

Aos investidores de tecnologia, espero que todos os tópicos acima os incentivem a pensar em longo prazo, sobre como tantas oportunidades e frentes de pesquisa irão moldar o mundo em que vivemos nos próximos 20 anos. 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Eleições 2022

Pesquisa Ipespe/Abrapel mostra Lula oscilando para cima e Bolsonaro estável

24 de setembro de 2022 - 11:41

Pesquisa mostrou que votos brancos e nulos também subiram, assim como o número de eleitores que não souberam ou preferiram não responder

Tax the rich!

Imposto sobre heranças vai aumentar? Saiba quais candidatos à presidência são a favor de tributá-las ou de taxar grandes fortunas

24 de setembro de 2022 - 10:00

A discussão sobre o aumento de impostos sobre os ricos ou os “super-ricos” é tendência mundial, e no Brasil não é diferente. Mas nem todos os candidatos à presidência têm propostas nesse sentido

Banho mais caro

Tarifa de energia elétrica deve subir mais do que toda a inflação projetada pelo Banco Central em 2023, dizem especialistas

24 de setembro de 2022 - 9:47

Reajuste das tarifas chegaria a 5% em 2023, enquanto a projeção do Banco Central para a inflação é de 4,6%

Irregularidades

TSE vê indício de fraude em R$ 605 milhões em gastos das campanhas eleitorais

24 de setembro de 2022 - 9:22

Na lista de casos suspeitos estão gastos que teriam sido feitos por parentes e empresas de fachada, além de doações feitas por pessoas mortas

ESPECIAL SD 4 ANOS

Bolsa vai andar bem depois das eleições e sem o risco de ruptura política, diz Felipe Miranda, da Empiricus

24 de setembro de 2022 - 7:19

Fundador e estrategista-chefe da Empiricus vê Bolsonaro mais liberal caso seja reeleito ou um governo “Lula 1.3”, mais próximo do primeiro mandato do que do segundo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies