🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-06-01T13:53:46-03:00
Ricardo Gozzi
PROJEÇÕES ATUALIZADAS

Inter corta projeção para o Ibovespa em 2022, mas ainda vê o copo meio cheio para a bolsa

Inter Research chama a atenção para riscos externos, principalmente para a pressão inflacionária, mas vê bolsa brasileira 8% acima do nível atual

1 de junho de 2022
13:53
Fechada do Banco Inter (BIDI11) com o logo do banco em letras laranjas
Inter corta projeção, mas vê copo meio cheio para o Ibovespa. - Imagem: Divulgação - Inter

O cenário internacional adverso levou a Inter Research a cortar sua projeção para o Ibovespa em 2022.

Ainda assim, caso as estimativas da equipe de research do Inter estejam corretas, o principal índice da bolsa brasileira deve subir mais 8% até o fim do ano, levando em consideração o fechamento de ontem.

Como está o Ibovespa em 2022

Desde o início do ano, o Ibovespa acumula uma valorização de 6,4% — resultado de intensa volatilidade.

Depois de ter protagonizado uma das maiores altas entre os mercados globais de ações no primeiro trimestre, o Ibovespa devolveu os ganhos em abril para depois recuperar parte do terreno ao longo de maio.

O principal índice da B3 é favorecido especialmente pelas ações geradoras de valor. A Inter Research constatou uma migração para ações de empresas como a Petrobras — beneficiada principalmente pelo avanço dos preços do petróleo nos mercados internacionais.

A casa de análise também destaca o bom desempenho das ações dos grandes bancos e de concessionárias de serviços públicos.

Fatores externos pressionam

Apesar disso, a cautela tem dado o tom nos mercados financeiros. Segundo a Inter Research, a aversão ao risco é acentuada por uma série de fatores internos e externos.

No exterior, as ondas de lockdown na China somam-se à guerra entre Rússia e Ucrânia como focos de pressão adicional sobre os preços dos insumos.

Tal situação contribui “para níveis inflacionários recordes em todo o globo”, diz a Inter Research em relatório.

Cenário local

A Inter Research vê sinais de desaceleração da inflação, mas nem por isso deixa de chamar atenção para a alta dos preços.

A casa de análise antecipa “meses ainda desafiadores para as companhias brasileiras no geral”.

Ainda de acordo com a Inter Research:

  • a demanda local arrefecida por preços de insumos ainda elevados e menor poder de consumo da população pode limitar as receitas das companhias no mercado interno;
  • a desaceleração global pressiona receitas com exportação; e
  • os choques de oferta impulsionam preços de insumos na cadeia global e contribuem para ainda mais pressão de custos e aversão ao risco.

Inter Research vê copo meio cheio

Apesar de todas as ressalvas e do corte na projeção, a Inter Research ainda vê o copo meio cheio para o Ibovespa.

“Como upside para nosso cenário, entendemos que atualmente, no Brasil, observamos uma inflação muito mais por parte da oferta do que pela demanda”, diz a casa de análise.

Chama a atenção o fato de a Inter Research não citar o período eleitoral em nenhum momento do relatório. As eleições presidenciais no Brasil estão marcadas para outubro.

Projeções atualizadas para o Ibovespa

A projeção anterior da Inter Research para 2022 apontava o Ibovespa a 125 mil pontos no fim do ano.

Agora, a casa de análise vê o Ibovespa a 120 mil pontos na última sessão de dezembro. Ontem, a bolsa fechou em 111.032 pontos.

Entretanto, a Inter Research acredita na existência de um “viés levemente mais otimista” para a bolsa brasileira em relação ao restante do mundo.

Com isso, a expectativa da instituição é de que a bolsa brasileira suba 8,1% até o fim do ano.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

ELEIÇÕES 2022

Ô abre alas que Braga Netto vem aí! General da reserva é exonerado e tem caminho livre para ser vice de Bolsonaro

Bolsonaro havia confirmado no domingo (27) o nome de Braga Netto como seu vice na chapa que disputará a reeleição deste ano, causando um pouco de desconforto entre aliados que esperavam a escolha de Tereza Cristina (PP), ex-ministra da Agricultura

SEMANA EM CRIPTO

Bitcoin (BTC): o pior investimento do semestre tenta sobreviver aos dados de emprego nos EUA; confira o que mexe com as criptomoedas na próxima semana

Entre os destaques da semana, estão a liquidação de ativos da Three Arrows Capital, pechinchas no mercado cripto e mais

CAÇANDO MARRUÁ

Bitcoin (BTC) no cabresto? UE tenta domar o mundo das criptomoedas com marco regulatório; saiba como

O acordo é provisório e inclui uma proposta que cobre emissores de criptoativos não lastreados e também as chamadas stablecoins, bem como as plataformas de negociação e as carteiras nas quais os ativos digitais são mantidos

O MEDO DA RECESSÃO

Meta em crise: Mark Zuckerberg quer contratar menos funcionários e demitir mais gente a partir de agora

A dona do Facebook espera um segundo semestre de vacas magras e enfrentará um severo corte de gastos; por isso, a companhia prioriza equipes mais enxutas e agressivas

ELEIÇÕES 2022

É só mais essa! Líder nas pesquisas, Lula descarta tentar reeleição se derrotar Bolsonaro em outubro

Em entrevista, Lula disse que ‘daqui a 4 anos vai ter gente nova’, criticou o Congresso e prometeu retirar sigilos impostos por Bolsonaro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies