Insights de investimento, análises de mercado e muito mais! Siga o Seu Dinheiro no Instagram

2022-05-13T19:04:07-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
FECHAMENTO DO DIA

Sexta 13 não assusta e o Ibovespa volta a fechar a semana no azul; dólar cai a R$ 5,05

Embora o dia tenha sido de otimismo nos mercados, nada indica que o Ibovespa passa por uma reversão de tendência

13 de maio de 2022
18:51 - atualizado às 19:04
Personagem Jason, do filme Sexta Feira 13, em um cenário alegra com gráficos do Ibovespa
A sexta-feira 13 não assustou o Ibovespa - Imagem: Montagem Andrei Moraes/Shutterstock

Banhos de sangue, monstros à solta e uma pitada de pânico não são exclusividades dos filmes clássicos de terror ambientados em uma sexta-feira 13. No mercado financeiro, todos esses elementos estiveram presentes nas últimas semanas – de segunda a sexta. 

Por ironia do destino (sempre ele), a primeira e única sexta-feira 13 de 2022 foi um momento de virada e interrupção da maré de azar que vinha tomando conta do Ibovespa e do restante das bolsas globais. Depois de cinco semanas no vermelho, o principal índice da B3 voltou a ficar com o saldo acumulado positivo e avançou 1,70% desde segunda. 

As bolsas americanas, que foram mais afetadas pela cautela que tomou conta do mercado, não conseguiram reverter o quadro, mas o dia de hoje foi de ganhos. O Nasdaq, índice mais pressionado diante da perspectiva de juros altos, subiu quase 4%. 

O Ibovespa emplacou o segundo dia de ganhos expressivos e fechou a sessão com um avanço de 1,17%, aos 106.924,18 pontos. O real saiu na frente das demais moedas de países emergentes e viu o dólar à vista cair 1,61%, a R$ 5,0575. Na semana, o recuo foi de apenas 0,35%. 

A virada no humor dos investidores aconteceu após a China emitir sinais positivos sobre o controle da pandemia, o que pode indicar menos restrições de mobilidade, e alguns dirigentes do Federal Reserve voltarem a tirar do cenário a possibilidade de uma alta de 0,75 ponto percentual. 

O otimismo que atingiu a bolsa e o câmbio hoje não chegou ao mercado de juros. Nada garante que os sustos devem parar por aqui. Na verdade, o medo de um cenário de inflação alta e desaceleração das economias cresce cada vez mais e tem um belo nome para um vilão – a estagflação. 

CÓDIGONOME ULT  FEC 
DI1F23DI jan/2313,48%13,40%
DI1F25DI Jan/2512,63%12,51%
DI1F26DI Jan/2612,44%12,33%
DI1F27DI Jan/2712,40%12,32%

Temporada de balanços

Confira um resumo dos últimos  resultados divulgados pelas empresas do Ibovespa e que repercutiram no pregão desta sexta-feira (13). 

  • B3: Os números apresentados pela administradora da bolsa brasileiro vieram em linha com o esperado pelo mercado, mas a revisão do guidance da companhia não agradou. A receita líquida foi de R$ 2,3 bilhões, queda de 5% na comparação anual, com o lucro líquido de R$ 1,1 bilhão, recuo de 12% ante o mesmo período de 2021. A aquisição da Neoway aumentou a projeção de despesas para a faixa de R$ 585 milhões a R$ 665 milhões. Anteriormente a estimativa era de até R$ 440 milhões. 
  • Americanas (AMER3): A empresa registrou um crescimento do volume bruto de mercadorias online para R$ 11 bilhões, um crescimento de 20% no comparativo anual, e o GMV consolidado foi de R$ 4,2 bilhões (com uma contribuição de R$ 450 milhões do Hortifruti Natural da Terra na operação offline). A receita líquida da companhia foi de R$ 6,8 bilhões, uma alta de 28%. 
  • BrMalls (BRML3): O lucro líquido da operadora de shoppings foi de R$ 84,223, crescimento de 10,8% comparado ao mesmo período de 2021. O Ebitda ajustado foi de R$ 254,575 milhões, crescimento de 48,8%. A margem Ebitda ajustada também apresentou crescimento, a 74,5%.
  • Locaweb (LWSA3): A empresa de hospedagem digital teve um lucro líquido de R$ 4,5 milhões no primeiro trimestre de 2022, revertendo o prejuízo de R$ 8,4 milhões no ano passado. O Ebitda atingiu a marca de  R$ 29,5 milhões entre janeiro e março, 75,1% maior do que na comparação com o mesmo período de 2021. A receita líquida foi de R$ 248,8 milhões, avanço de 54,6% na comparação anual. 
  • Yduqs (YDUQ3): A companhia viu o seu lucro líquido crescer 75,9% na comparação com o primeiro trimestre do ano anterior, indo a R$ 76 milhões, refletindo a captação de alunos recorde após a reabertura das salas de aulas fechadas durante a pandemia. A captação de alunos entre janeiro e março foi recorde, de 254 mil estudantes, uma sinalização de recuperação após o baque da pandemia. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 396,2 milhões, crescimento anual de 26,5%. A receita líquida foi de R$ 1,193 bilhão, avanço de 10,2%. 
  • Cogna (CGNA3): A empresa teve um prejuízo líquido de R$ 13,107 milhões, queda de 61,3% ante o prejuízo do ano anterior. O Ebitda foi de R$ 428,576 milhões no período, ganho de 27,2% na comparação anual.
  • Rede D'Or (RDOR3): A Rede D'Or reportou lucro líquido de R$ 225,2 milhões no primeiro trimestre de 2022, queda de 44,1% ante o mesmo período de 2021. O Ebitda recuou 0,6%, a R$ 1,141 bilhão. 

Sobe e desce do Ibovespa

A temporada de balanços foi o grande gatilho que explica os melhores desempenhos da semana – com apenas algumas exceções. 

O Banco Inter (BIDI11) anunciou que os seus acionistas aprovaram o plano de migração das ações para o Nasdaq. Aliado ao movimento de recuperação do índice no fim da semana, os papéis tiveram um bom desempenho. 

No caso da BRF (BRFS3), o balanço passou longe de agradar o mercado, mas a melhora no humor dos investidores fez com que o dinheiro gringo voltasse a procurar por barganhas na bolsa brasileira – e a companhia se beneficiou do fluxo. Confira as maiores altas da semana:

CÓDIGONOMEULTVARSEM
BIDI11Banco Inter unitR$ 15,1716,60%
BRFS3BRF ONR$ 13,9416,26%
YDUQ3Yduqs ONR$ 16,9912,37%
CASH3Meliuz ONR$ 1,9212,94%
BPAC11BTG Pactual unitsR$ 24,2710,82%

Entre as maiores quedas, os destaques também acompanharam atentos a temporada de balanços. Além disso, a queda do minério de ferro e a incerteza na China também pressionaram as commodities metálicasConfira também as maiores quedas do Ibovespa no período:

CÓDIGONOMEULTVARSEM
LWSA3Locaweb ONR$ 5,47-13,17%
CSNA3CSN ONR$ 17,90-10,37%
BEEF3Minerva ONR$ 12,19-8,00%
RDOR3Rede D'Or ONR$ 32,58-6,54%
SULA11SulAmérica unitsR$ 24,20-5,36%
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

A PARTIR DE JUNHO

Quer um pedacinho da Eletrobras (ELET3)? O trabalhador poderá usar recursos do FGTS para comprar ações

O trabalhador deverá fazer reserva de aquisições entre 3 e 9 de junho. O governo liberou o uso de até 50% do FGTS para compra de ações da Eletrobras

DESINVESTIMENTO

Em meio à turbulências, Petrobras (PETR4) assina mais um contrato de venda de refinaria

A operação ainda deve passar pelo crivo do Cade. A venda da refinaria Lubnor por US$ 34 milhões faz parte do plano de desinvestimento

DIPLOMACIA RUSSA

Bandeira branca? Putin diz que vai viabilizar comércio de grãos ucranianos e fertilizantes

Em conversa com o presidente da França e o chanceler da Alemanha, Putin afirmou que vai aumentar a oferta de grãos e fertilizantes

NÃO VINGOU

Terra 2.0 derrete mais de 60% no dia do lançamento; saiba por quê

A Terra 2.0 já acumula perdas; o renascimento da criptomoeda sofre com a perda de credibilidade, após falhas no protocolo da antiga moeda

NOVA CRIPTO NA ÁREA

Lançamento da Terra 2.0: vale a pena investir em um projeto criado pelos mesmos desenvolvedores da extinta Terra (LUNA)? Especialistas falam sobre nova criptomoeda

A resposta foi quase unânime: os analistas deixaram de acompanhar a Terra (LUNA) e não acreditam mais no projeto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies