🔴 5 MOEDAS PARA MULTIPLICAR SEU INVESTIMENTO EM ATÉ 400X – VEJA COMO ACESSAR LISTA

Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP, já passou pelo portal DCI e setor de análise política da XP Investimentos.
MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa deixa cautela para trás com ajuda da Petrobras (PETR4) e sobe; dólar recua

Seu Dinheiro
Jasmine Olga, Renan Sousa, Liliane de Lima
29 de agosto de 2022
9:04 - atualizado às 17:15

RESUMO DO DIA: A semana começa com agenda esvaziada. Nesta segunda-feira (29), as bolsas internacionais operam em queda, ainda repercutindo o discurso "agressivo" do presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, para continuidade da escalada de juros básicos. No cenário doméstico, os investidores ficam atentos aos dados de desemprego.

Acompanhe por aqui o que mexe com a bolsa, o dólar e os demais mercados hoje, além das principais notícias do dia.

O Ibovespa encerrou o dia em leve alta de 0,02%, aos 112.323 pontos.

O dólar à vista encerrou o dia em queda de 0,88%, aos R$ 5,0334

Três dias após anunciar uma queda no preço do querosene da aviação (QAV), a Petrobras (PETR4) informou nesta segunda-feira (29) que vai baixar também os preços da Gasolina de Aviação (GAV).

A estatal reduzirá em 15,7% o valor da venda para as distribuidoras. Essa é a segunda vez que a companhia barateia o preço do combustível, que é utilizado principalmente em aviões de pequeno porte, neste mês — uma queda de 5,7% foi anunciada no início de agosto.

A Petrobras destaca, em comunicado, que “os ajustes de preços de GAV são mensais e definidos por meio de fórmula contratual negociada com as distribuidoras”. Vale relembrar que a política de preços da empresa busca o equilíbrio com as cotações do mercado internacional.

Para isso, a estatal acompanha diariamente as variações do valor do produto e da taxa de câmbio. Mas os ajustes são aplicados em base mensal “para mitigar a volatilidade diária das cotações internacionais e do câmbio”.

USIMINAS OU GERDAU?

Em um duelo entre Usiminas (USIM5) e Gerdau (GGBR4), o BTG Pactual já escolheu a preferida.

O banco não só rebaixou a recomendação das ações da Usiminas como cortou o preço-alvo — uma mudança que a própria instituição considerou tardia.

De acordo com a atualização, o BTG passou de uma recomendação de compra para neutra e cortou o preço-alvo dos papéis USIM5 de R$ 16 para R$ 11, o que representa um potencial de valorização de 15% com relação ao fechamento de sexta-feira (26).

CONFIRA OS DETALHES

A alta de mais de 3% no petróleo nesta tarde garantem um bom desempenho para o Ibovespa, mas as máximas registradas pelo índice também contam com a participação de Wall Street.

Apesar da cautela com o aperto monetário americano, ainda reflexo do discurso do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, na última sexta-feira, as bolsas em Wall Street também se afastam da mínima, dando fôlego aos ativos locais.

Além das petroleiras, outro destaque positivo é o desempenho das ações do setor financeiro.

Confira as maiores altas do início da tarde:

CÓDIGO NOME ULT VAR
PRIO3 PetroRio ON R$ 27,80 4,67%
MRVE3 MRV ON R$ 10,60 3,82%
VBBR3 VIBRA energia ON R$ 19,06 3,53%
RRRP3 3R Petroleum ON R$ 38,37 3,48%
ASAI3 Assaí ON R$ 18,57 3,45%
FECHAMENTO NA EUROPA
  • Frankfurt:-0,59%
  • Paris: -0,83%
  • Londres: -0,70%
  • Stoxx-600 -0,58%

O fluxo de capital estrangeiro tem ajudado o câmbio nesta segunda-feira e o dólar à vista vem renovando mínimas.

O Ibovespa, após iniciar o pregão em queda e acompanhando as bolsas do exterior, recuperou as perdas e se firmou no campo positivo. 

A bolsa brasileira opera em alta de 0,31%, aos 112.650 pontos. 

A virada no desempenho foi impulsionada pelas commodities, em especial, a valorização do petróleo no mercado internacional. As petroleiras 3R Petroleum (RRRP3), Prio (PRIO3) e Petrobras (PETR3) registram ganhos acima dos 2%. Confira: 

 

CÓDIGO NOME ULT VAR
RRRP3 3R Petroleum ON R$ 38,90 4,91%
PRIO3 PetroRio ON R$ 27,81 4,71%
PETR3 Petrobras ON R$ 38,24 2,19%

 

O petróleo é negociado a US$ 101,44, com alta de 2,45%. 

O dólar à vista recua a 0,33%, cotado a R$ 5,0472.

IRB (IRBR3) LIDERA PERDAS

Os papéis da IRB (IRBR3) ainda repercutem o anúncio da oferta pública de ações, com captação máxima de 1,2 bilhão e com fechamento na próxima quinta-feira (1).

As ações IRBR3 lideram as perdas do dia no Ibovespa, com queda de 4,57%, negociadas a R$ 1,88.

A companhia garantiu que as ações terão desconto na oferta, o que significa que o valor do papel será menor e reflete na movimentação dos investidores hoje.

 

BOLSAS NO EXTERIOR

As bolsas americanas também começaram a segunda-feira no campo positivo e acompanham os índices futuros no pré-mercado.

Confira:

  • Dow Jones: -0,59%;
  • S&P 500: -0,45%;
  • Nasdaq: -0,26%.

 

A 3R Petroleum (RRRP3) lidera os ganhos do Ibovespa nos primeiros minutos do pregão desta segunda-feira (29). Os papéis RRRP3 operam em alta de 3,05%, negociados a R$ 38,21. 

As ações da petroleira Prio, antiga PetroRio, também valorizam, com alta de 2,07% e negociadas a R$ 27,11. 

O ritmo de ganhos acompanha a valorização do petróleo no mercado internacional. A commodity opera em alta de 1,26%, cotada a US$ 100,20 o barril. 

Por outro lado, o Ibovespa segue no campo negativo, mas próximo da estabilidade, com perdas a 0,01%, aos 112.304 pontos. 

SOBE E DESCE DO IBOVESPA

Confira as maiores altas:

CÓDIGO NOME ULT VAR
RRRP3 3R Petroleum ON R$ 38,24 3,13%
PRIO3 PetroRio ON R$ 27,03 1,77%
SOMA3 Grupo Soma R$ 13,61 1,49%
UGPA3 Ultrapar ON R$ 14,22 1,35%
ENEV3 Eneva ON R$ 15,47 1,31%

 

E as maiores quedas do dia:

CÓDIGO NOME ULT VAR
HAPV3 Hapvida ON R$ 7,70 -4,47%
IRBR3 IRB ON R$ 1,89 -4,06%
WEGE3 Weg ON R$ 28,23 -2,01%
BRFS3 BRF ON R$ 16,25 -1,69%
USIM5 Usiminas PNA R$ 8,53 -1,61%

A segunda-feira (29) começa com a agenda esvaziada no exterior. As bolsas internacionais repercutem o discurso do presidente do Federal Reserve (Fed,) Jerome Powell, no simpósio de Jackson Hole, na última sexta-feira. 

O dirigente, em uma fala breve, considerou que os EUA devem seguir o ritmo de escalada de juros. A expectativa é de alta de 75 pontos-base na próxima reunião do Fed, em setembro. 

No cenário doméstico, os investidores devem reagir ao saldo positivo de empregos formais no Brasil, de 218.902 vagas em julho, porém abaixo da expectativa dos analistas. Além disso, o debate presidencial da noite de ontem (28) deve causar algum efeito na bolsa brasileira hoje.

Ibovespa inicia o pregão desta segunda-feira em leve queda de 0,03%, aos 112.268 pontos, acompanhando as bolsas internacionais, que operam em campo negativo  exterior.

No mesmo horário, o dólar à vista, que começou o dia em alta, cai a 0,24%, cotado a R$ 5,0518.

EMPREGOS NO BRASIL

O saldo líquido de empregos  formais  — a diferença entre admissões e demissões  —  no Brasil ficou no campo positivo, com 218.902 vagas em julho, abaixo da expectativa dos analistas, que previam o saldo positivo de 250 mil vagas.

Os números também vieram abaixo do mês anterior. Em junho, o país registrou o saldo líquido positivo em 277.944 vagas.

No ano, o saldo líquido de emprego formal é positivo, com 1.560.896 vagas, também abaixo da projeção de 1.950.000 empregos em 2022.

Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) foram divulgados há pouco pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O Ibovespa futuro abriu em queda de 0,67%, aos 113.385 pontos e acompanha as bolsas internacionais.

No mesmo horário, o dólar à vista abriu em alta de 0,20%, cotado a R$ 5,0740.

BOLETIM FOCUS

Confira o Boletim Focus desta segunda-feira (29) com as projeções do mercado para indicadores da economia local:

Inflação

  • IPCA para 2022: de 6,82% para 6,70%  (↓)
  • IPCA para 2023: de 5,33% para 5,30% (↓)

Atividade econômica 

  • PIB para 2022: de 2,02% para 2,10% (↑)
  • PIB para 2023: de 0,39% para  0,37% (↓)

Dólar

  • Câmbio para 2022: permanece em R$ 5,20 (=)
  • Câmbio para 2023: permanece em R$ 5,20 (=)

Juros 

  • Selic/22: permanece em 13,75%
  • Selic/23: permanece em 11,00%
OPORTUNIDADE DE SWING TRADE NA BOLSA
O nosso colunista, Nilson Marcelo, identificou uma oportunidade na bolsa hoje: lucro acima de 5% com ações do Grupo Pão de Açúcar (PCAR3).
BOLSAS NO EXTERIOR
Confira aqui:
  • Dow Jones futuro: -0,93%
  • S&P 500 futuro: -1,06%
  • Nasdaq futuro: -1,29%
  • Euro Stoxx 50: -1,61%
  • Xangai (China): +0,14% (fechado)
  • Nikkei (Japão): -2,66% (fechado)
  • Petróleo Brent: US$ 99,30 (+0,29%)
  • Minério de ferro (Dalian, China): US$ 103,18 (-1,38%)
ESQUENTA DOS MERCADOS

Bom dia! Se a semana passada terminou mal para os mercados financeiros, os últimos dias de agosto não devem trazer alívio para os ativos de risco.

As bolsas internacionais e o Ibovespa acompanham os dados de emprego ao longo da semana, tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos.

Lá fora, o impacto deve ser maior, tendo em vista que, tradicionalmente, antes do payroll — divulgado na última sexta-feira de cada mês — só é publicado após os relatórios ADP e Jolts, também sobre a situação de trabalho nos EUA.

Os números sólidos da mão de obra podem ajudar a reforçar a tese do Banco Central estadunidense de que os juros precisam permanecer elevados para controlar a inflação.

Entretanto, essa percepção de que o Federal Reserve (Fed, o BC norte-americano) vai optar pelo combate à alta de preços em detrimento do crescimento econômico mantém as bolsas no vermelho na manhã desta segunda-feira.

Isso porque os investidores ainda reagem ao discurso de Jerome Powell, presidente do Fed, no simpósio de Jackson Hole na última sexta-feira (26).

Dessa forma, as bolsas da Ásia e Pacífico começaram a semana com o pé esquerdo e fecharam a sessão no vermelho.

Os principais mercados de ações da Europa abriram em queda e os índices futuros de Wall Street recuam.

Reforçando o time do pessimismo na semana que se inicia, o euro continua abaixo da paridade com o dólar e o bitcoin perdeu o nível de suporte de US$ 20 mil.

Com o cenário que se desenha no início desta segunda-feira (29), o Ibovespa não deve seguir um caminho muito diferente.

Na semana passada, a bolsa local conseguiu emplacar um avanço de 0,72%, enquanto a queda do dólar foi da ordem de 1,74%.

O mercado local também deve repercutir o primeiro debate entre presidenciáveis.

Confira o que movimenta os próximos dias para as bolsas, o dólar e o Ibovespa.

Compartilhe

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Cautela segue em alta no exterior e Ibovespa cai quase 1%; dólar desacelera ganhos

16 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: Com a agenda esvaziada, as bolsas internacionais operam em tom negativo nesta sexta-feira (16). Os investidores seguem mais cautelosos na expectativa de alta de juros americanos pelo Federal Reserve e elevação da taxa Selic pelo Banco Central do Brasil, na próxima semana. O Ibovespa tende a acompanhar o exterior. Acompanhe por aqui […]

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa ignora avanço de mais de 1% da prévia do PIB e cai; dólar fica acima de R$ 5,20

15 de setembro de 2022 - 9:09

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam sem direção definida nesta quinta-feira (15), com a agenda cheia no exterior e no Brasil. No cenário doméstico, o principal destaque do dia é o crescimento do IBC-Br, a prévia do PIB, de julho acima do esperado. Os investidores também reagem aos dados de vendas do varejo em […]

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa tenta engatar recuperação, mas varejo e siderurgia pesam contra; Magazine Luiza (MGLU3) cai 5% após decepção com dados

14 de setembro de 2022 - 9:05

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam sem direção definida nesta quarta-feira (14). Os investidores digerem a alta na inflação dos EUA em agosto e reagem ao índice dos preços para o produtor (PPI), já com a expectativa de alta nos juros na próxima reunião do Federal Reserve (Fed). No cenário doméstico, o Ibovespa reage […]

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Vitória de Lula em 1º turno é possível? Descubra aqui

14 de setembro de 2022 - 6:00

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa recua mais de 2% após avanço da inflação nos EUA; dólar tem forte alta

13 de setembro de 2022 - 9:03

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais, que iniciaram o dia em leve alta nesta terça-feira (13), reagem ao avanço da inflação nos EUA em agosto. Com isso, os investidores mantêm a expectativa de alta nos juros americanos em 75 pontos-base na próxima reunião do Federal Reserve (Fed). Sem destaques no cenário doméstico, o Ibovespa deve […]

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Bolsonaro diz que vai ‘passar a faixa’ e se aposentar caso não consiga se reeleger

13 de setembro de 2022 - 5:47

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa desacelera alta e dólar cai abaixo dos R$ 5,10; Magazine Luiza (MGLU3) lidera ganhos

12 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam em alta nesta segunda-feira (12), sem negociações na China em razão de feriado local. Os investidores aguardam o índice de preços ao consumidos (CPI) nos EUA, que será divulgado amanhã. Com a agenda cheia no cenário doméstico, o Ibovespa deve reagir à deflação da primeira prévia do IGP-M […]

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Lula segue 13 pontos à frente de Bolsonaro no 2º turno na pesquisa BTG/FSB

12 de setembro de 2022 - 7:14

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa opera em alta de 2% impulsionado por commodities e maior apetite por risco no exterior; dólar cai

9 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam em tom positivo nesta sexta-feira (9). Os investidores reagem à desaceleração da inflação na China, o que aumenta a expectativa por injeção de novos estímulos pelo governo. No cenário doméstico, o Ibovespa deve refletir o IPCA, que indicou uma deflação de 0,36% em agosto.

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Lula tem 45% das intenções de voto e Bolsonaro 34% — confira os novos números do Datafolha

9 de setembro de 2022 - 8:58

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar