O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-11T17:17:46-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa segue cautela internacional e opera em queda; juros disparam após fala de Campos Neto

11 de abril de 2022
9:04 - atualizado às 17:17

RESUMO DO DIA: A semana mais curta em virtude do feriado da Sexta-feira da Paixão começa com as bolsas internacionais de olho nas falas de diversos dirigentes do Federal Reserve, o Banco Central americano. A expectativa gera cautela, assim como a inflação pior do que o esperado na China. Por aqui, o Ibovespa também repercute as palavras do presidente do BC, Roberto Campos Neto.

Acompanhe por aqui o que mexe com a bolsa, o dólar e os demais mercados hoje, além das principais notícias do dia.

O mau humor do mercado internacional e a perspectiva de que o aumento da Selic não pare em 12,75% ao ano levaram a semana curta a começar no vermelho.

O Ibovespa encerrou a sessão na mínima, em queda de 1,16%, aos  116.952,85 pontos.

FECHAMENTO NOVA YORK

A preocupação com a possibilidade de desaceleração econômica nas duas maiores potências globais e de um aperto monetário mais intenso pesaram sobre as bolsas americanas hoje, com destaque para o Nasdaq. Confira:

  • Dow Jones: – 1,19%
  • S&P500: -1,68%
  • Nasdaq: -2,18%

Em sessão de grande volatilidade, o dólar à vista fechou em queda de 0,39%, a R$ 4,6904, contrariando o movimento visto no exterior. Na máxima, a moeda chegou a ser cotada a R$ 4,73.

RECOMPRA DE AÇÕES

Depois de uma queda de 52% desde a abertura de capital, as ações da Kora Saúde (KRSA3) estão baratas, pelo menos na visão da própria companhia.

A empresa de hospitais anunciou um programa de recompra de seus papéis na bolsa. A intenção da Kora é adquirir até 15,6 milhões de ações, o equivalente a pouco mais de 10% do total em circulação. O período para aquisição vai de hoje a 11 de outubro de 2023.

As operações de aquisições serão efetuadas a valor de mercado e intermediadas pela BTG Pactual, Itaú Corretora e XP Investimentos.

CONFIRA A MATÉRIA COMPLETA

AMBEV LIDERA ALTAS

Com a proximidade do Carnaval adiado e do seu Dia do investidor, a Ambev lidera as altas do Ibovespa nesta tarde. Confira:

CÓDIGO NOME ULT VAR
ABEV3 Ambev ON R$ 15,29 2,41%
CRFB3 Carrefour Brasil ON R$ 23,72 1,80%
ENBR3 Energias do Brasil ON R$ 22,39 1,82%
BRKM5 Braskem PNA R$ 44,90 1,72%
CMIN3 CSN Mineração ON R$ 5,92 1,54%

Com as bolsas em Nova York registrando quedas expressivas, o Ibovespa segue no campo negativo. Apesar da disparada dos juros futuros, o dólar à vista opera praticamente estável, em queda de 0,01%, a R$ 4,7090.

FECHAMENTO NA EUROPA

Com preocupações em torno da política monetária do Fed e sinais desagradáveis da economia chinesa, as bolsas europeias fecharam o dia em queda. Confira:

  • Frankfurt: -0,61%
  • Londres: -0,65%
  • Paris: +0,12%
  • Stoxx 600: -0,65%
DESTAQUES NEGATIVOS

O forte avanço da curva de juros é o principal fator que pesa entre os cinco piores desempenhos do dia. 

Mais cedo, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, admitiu a surpresa da entidade com a inflação de março, divulgada na última sexta-feira. Com isso, o BC pode rever a sua estratégia de encerrar a alta da Selic em 12,75% ao ano na próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom). 

Vale ressaltar que os dados da inflação do mês passado mostraram uma pressão maior do que o esperado do setor de Educação, fato que pesa para o desempenho do setor nesta sessão. Confira

CÓDIGO NOME ULT VAR
BRFS3 BRF ON R$ 16,45 -5,68%
COGN3 Cogna ON R$ 2,69 -4,95%
PETZ3 Petz ON R$ 16,34 -4,05%
POSI3 Positivo Tecnologia ON R$ 8,38 -4,01%
IGTI11 Iguatemi ON R$ 20,92 -3,42%
DESTAQUES POSITIVOS

Com o mercado internacional cauteloso e a queda do petróleo e do minério de ferro, o Ibovespa tem uma segunda-feira (11) no vermelho e são poucas as ações que conseguem se manter com o sinal positivo. 

Embora esteja alternando posições com a Azul (AZUL4), o principal destaque do dia são as ações da Braskem (BRKM5), já que os investidores seguem otimistas com a possibilidade de venda da companhia. 

O setor aéreo também é destaque.Além da queda do petróleo, as companhias aéreas repercutem espaço com a notícia de que o ministro da Economia, Paulo Guedes, irá se reunir com os presidentes da Latam, Gol, Azul e Passaredo, aumentando os rumores de que algum pacote de alívio tributário ao setor pode ser discutido. 

Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGO NOME ULT VAR
AZUL4 Azul PN R$ 24,47 2,82%
BRKM5 Braskem PNA R$ 45,36 2,76%
ABEV3 Ambev ON R$ 15,30 2,48%
GOLL4 Gol PN R$ 17,13 1,90%
ENBR3 Energias do Brasil ON R$ 22,40 1,86%
BALANÇOS DO 1º TRIMESTRE

Mal terminou a temporada de balanços do quarto trimestre de 2021 e uma nova safra de resultados corporativos se aproxima. As empresas da bolsa começam em breve a reportar os seus números do primeiro trimestre de 2022 — a Usiminas (USIM5) abre a janela, no dia 20 de abril.

O Seu Dinheiro elaborou um calendário com as datas de divulgação de mais de 200 empresas da bolsa; o cronograma será atualizado conforme os balanços forem publicados.

Confira aqui a tabela completa

JUROS DISPARAM

A declaração dada mais cedo pelo presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, repercute nos negócios nesta manhã.

Após a surpresa com a inflação de março, Campos Neto admitiu que existe uma possibilidade de mudança na condução da política monetária do país.

Como resultado, os juros futuros operam em alta expressiva:

CÓDIGO NOME  ULT  FEC
DI1F23 DI jan/23 13,15% 12,94%
DI1F25 DI Jan/25 11,95% 11,81%
DI1F26 DI Jan/26 11,69% 11,61%
DI1F27 DI Jan/27 11,63% 11,56%
OTIMISMO PERSISTE

A notícia de que a J&F, da família Batista, pretende apresentar uma proposta para comprar as fatias pertencentes a Petrobras e Novonor impulsiona as ações da Braskem (BRKM5) nesta segunda-feira. Na semana passada, a informação de que a Novonor estaria estudando alternativas no mercado privado já havia mexido com os papéis.

A Braskem, no entanto, nega que as conversas tenham avançado. Segundo nota emitida nesta manhã, a empresa consultou os seus acionistas, que negaram avanço nas negociações.

Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGO NOME VALOR VAR
BRKM5 Braskem PNA R$ 45,98 4,17%
CSAN3 Cosan ON R$ 23,52 0,99%
ENBR3 Energias do Brasil ON R$ 22,16 0,77%
CPFE3 CPFL Energia ON R$ 33,99 0,44%
ECOR3 Ecorodovias ON R$ 7,62 0,40%

O Ibovespa segue em tendência de baixa e abre o dia em queda de 0,96%, aos 117.183 pontos. O dólar à vista fica instável e também recua 0,13%, a R$ 4,7024.

BC PODE "REAVALIAR" APERTO MONETÁRIO, DIZ CAMPOS NETO

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, proferiu uma palestra no evento da Arko Advice e com a TC, em que falou sobre a perspectiva de inflação e juros para o Brasil. 

Campos Neto ressaltou que os núcleos de inflação surpreendem em todos os países e que o momento de alta dos preços é global. No entanto, ele pondera que a queda do dólar por aqui ainda não refletiu em um arrefecimento do índice de preços, o IPCA

“Estamos analisando surpresas no IPCA e vamos ver se muda algo na tendência”, comentou o chefe do Banco Central. 

O grande vilão da inflação dos últimos meses foi o preço dos combustíveis e Campos Neto atribuiu essa forte alta ao repasse do avanço do petróleo às bombas de gasolina. 

Dessa maneira, o presidente do BC afirmou que a autoridade monetária “está aberta para reanalisar a política monetária”. “Alta nos juros que já fizemos terá impacto nos próximos trimestres”. 

Mesmo com a perspectiva de alta nos juros, o mercado ainda não reagiu de maneira mais agressiva.

Dessa maneira, os juros futuros (DIs) abriram da seguinte forma:

CÓDIGO NOME VALOR FEC
DI1F23 DI jan/23 12,90% 12,96%
DI1F25 DI Jan/25 11,75% 11,77%
DI1F26 DI Jan/26 11,54% 11,52%
DI1F27 DI Jan/27 11,50% 11,48%

O Ibovespa futuro abriu em queda de 0,49%, seguindo a tendência internacional de pressão desta segunda-feira (11), aos 117.770 pontos.

Já o dólar à vista abriu estável em R$ 4,7089.

BOLSAS NO EXTERIOR

As principais praças lá fora operam sem direção definida.

A Europa acompanha as eleições na França, enquanto a guerra na Ucrânia é pano de fundo dos negócios.

Nos Estados Unidos, o risco de recessão já é aventado por analistas, o que coloca aversão ao risco no mercado acionário.

  • Euro Stoxx 50 (Europa): +0,02%
  • S&P 500 futuro: -0,46%
  • Dow Jones futuro: -0,16%
  • Nasdaq futuro: -0,86%
ESQUENTA DOS MERCADOS

A semana mais curta em virtude do feriado da Sexta-feira da Paixão começa com as bolsas internacionais de olho nas falas de diversos dirigentes do Federal Reserve, o Banco Central americano.

Por aqui, o Ibovespa também aguarda palestra do presidente do nosso BC, Roberto Campos Neto.

Depois que o IBGE divulgou que a inflação de março acelerou o passo, a autoridade monetária local deve realizar um aperto monetário ainda maior para conter a alta nos preços.

De acordo com o instituto, o IPCA de março subiu 1,62%, acima das projeções; por sua vez, o ciclo de aumento dos juros básicos não deve acabar nos 12,75%, como eram os planos do BC.

Enquanto isso, o clima eleitoral começa a esquentar antes do pleito em outubro.

Os candidatos da chamada terceira via buscam um nome para orbitar, enquanto o atual presidente, Jair Bolsonaro, e seu principal opositor, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, lideram as pesquisas.

Com isso, o Ibovespa encerrou o pregão da última sexta-feira (08) em queda de 0,45%, aos 118.322 pontos, um recuo acumulado de 2,67% na semana.

Por sua vez, o dólar à vista fechou aquele dia em baixa de 0,67%, a R$ 4,7089, revertendo o comportamento que havia exibido ao longo da manhã e acumulando uma alta de 0,89% na semana.

Leia na íntegra o esquenta dos mercados esta semana.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa na contramão de NY, Gol troca comandante e Tesla em apuros; confira os destaques do dia

Mesmo com o dia ruim em NY, o Ibovespa conseguiu ter um dia de ganhos

BALANÇO

De mudança para os EUA, Inter (BIDI11) lucra R$ 27,5 milhões no primeiro trimestre; confira os destaques do banco digital

O Inter também ultrapassou a marca dos 18 milhões de clientes entre janeiro e março, alta de 82% na comparação com o mesmo período de 2021

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa contraria Nova York e sobe mais de 1%, de olho em fraqueza chinesa e futuro da Selic

O futuro da taxa de juros esteve em pauta no Ibovespa, em Wall Street e na China, onde a desaceleração da economia preocupa

Balanço

Nubank (NUBR33) registra prejuízo menor do que o esperado no 1T22, mas inadimplência dispara. Veja os destaques do balanço

Índice de inadimplência acima de 90 dias do Nubank aumentou 0,7 ponto percentual na passagem do 4T21 para o 1T22

Lucro líquido da Itaúsa (ITSA4) salta para R$ 3,7 bilhões no primeiro trimestre; veja quando a holding pagará dividendos

Segundo a empresa, esse é o melhor primeiro trimestre de sua história e reflete a solidez do portfólio, que inclui a participação no Itaú e na XP

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies