Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-11-15T16:31:17-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Fim da recuperação

Missão cumprida: gestora Jive busca comprador para a construtora Viver (VIVR3), diz Broadcast

Especializada em ativos problemáticos, gestora prepara saída do negócios, após término da recuperação judicial da companhia

15 de novembro de 2021
16:31
Beira Mar Condomínio Clube, em Paulista (PE), construído pela Viver (VIVR3), que saiu de recuperação judicial
Beira Mar Condomínio Clube, em Paulista (PE), construído pela Viver. - Imagem: Viver / Divulgação

A gestora Jive busca um comprador para a construtora Viver (VIVR3), recém-saída da recuperação judicial, apurou a coluna do Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Estadão.

A Jive é uma gestora especializada em comprar ativos problemáticos, saneá-los e vendê-los por um preço mais alto. Foi o que ela fez na Viver, da qual se tornou a maior acionista durante os tempos difíceis. Agora, com o fim da recuperação judicial, a Jive prepara sua saída do negócio.

Segundo o Broadcast, a gestora considera sua missão cumprida e já vendeu ações da Viver; agora, conversa com parceiros estratégicos que possam assumir a companhia. Até lá, apoiará a incorporadora nas suas operações.

A Viver entrou em recuperação judicial em 2016, durante a crise dos distratos, e saiu do processo em agosto deste ano. Durante a reestruturação, a empresa não lançou novos projetos, apenas lidou com obras inacabadas e projetos de consumidores e fornecedores. Em setembro, relançou um empreendimento em Goiânia.

Atualmente, o principal ativo da Viver é o seu banco de terrenos, avaliado em R$ 160 milhões e com 40% localizado em São Paulo. Seu valor de mercado é de R$ 282 milhões.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

A BOLSA HOJE

Esquenta dos mercados: Bolsa deve reagir ao tom ‘agressivo’ do Copom com aumento da Selic e esperar por dados de inflação na sexta-feira

A PEC dos precatórios deve ficar em segundo plano, enquanto os investidores ajustam suas posições para uma alta mais intensa dos juros

DINHEIRO NA CONTA

Dividendos: Vibra (VBBR3) distribui R$ 148,5 milhões em JCP

Valor refere-se à segunda parcela de pagamento aos acionistas anunciado quando a Vibra ainda atendia como BR Distribuidora

Rumo aos dois dígitos

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 9,25%

Aumento da taxa básica dispara gatilho de mudança na forma de remuneração da poupança. Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

BC aumenta a Selic, Nubank conclui IPO e mercado reage bem à PEC dos precatórios; veja o que marcou esta quarta-feira

Conforme esperado pelos economistas após dados recentes mais fracos da atividade econômica brasileira, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu elevar a taxa básica de juros em 1,5 ponto percentual, a 9,25% ao ano, em sua última reunião do ano. Se em muitos momentos ao longo de 2021 o mercado acionário reagiu ao […]

2022 MAIS GORDO

Dividendos e JCP: Copel (CPLE6) engrossa a lista de pagamentos milionários aos acionistas; não fique fora dessa

Data da remuneração ainda não foi definida pela empresa, mas valerá para aqueles com posição até 30 de dezembro deste ano

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies