Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-12-20T19:12:40-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Pegada internacional

Alpargatas (ALPA4) compra 49,9% da Rothy’s e coloca mais um pé no exterior — mas, para isso, vai emitir novas ações

A Alpargatas (ALPA4) vai gastar cerca de US$ 475 milhões na transação com a Rothy’s — e deve fazer uma oferta de ações para levantar recursos

20 de dezembro de 2021
19:12
Alpargatas Havaianas ALPA4
Imagem: Shutterstock

O mercado internacional já representa quase metade da receita líquida da Alpargatas (ALPA4) — e essa porcentagem tende a aumentar, independente do que acontecer com as vendas de Havaianas lá fora. Há pouco, a companhia anunciou a compra de 49,9% da Rothy's, grife americana de calçados, bolsas e acessórios que conta com uma base de clientes engajada e apaixonada por seus produtos.

No começo do ano, chegou-se a especular que a companhia poderia fazer um IPO, mas os planos nunca foram concretizados. Com a aquisição de uma fatia relevante por parte da Alpargatas, a abertura de capital da Rothy's parece ter ficado para trás — mas os números envolvidos na transação dão uma dimensão do tamanho da marca.

A Rothy's foi avaliada pela Alpargatas em US$ 800 milhões, mas isso não quer dizer que a empresa brasileira vá simplesmente desembolsar US$ 400 milhões. A operação envolve duas etapas: na primeira, a grife americana vai emitir US$ 200 milhões em novas ações, que serão compradas pela dona das Havaianas até o fim de março do ano que vem.

Posteriormente, a Alpargatas vai fazer uma oferta pública de aquisição de ações (OPA) da Rothy's aos acionistas e executivos da companhia; caso ela não chegue aos 49,9% estipulados no contrato, os vendedores principais — que, basicamente, são os fundadores da companhia e o fundo Lightspeed Venture — irão completar a fatia.

Nessa segunda parte, a Alpargatas afirma que irá gastar cerca de US$ 275 milhões; portanto, o desembolso total ficaria na casa dos US$ 475 milhões; um valor maior que os US$ 400 milhões que se imaginava porque, entre a primeira e a segunda fases, a Rothy's contará com uma injeção de dinheiro novo, o que eleva o seu valor total.

Alpargatas, Rothy's e os planos internacionais

Com a compra, a empresa brasileira terá direito a nomear quatro dos nove membros do conselho de administração da Rothy's — Roberto Funari, presidente da Alpargatas, e Stacey Brown, membro independente do conselho, vão ocupar duas dessas posições.

Dito isso, fica a dúvida: como a empresa vai fazer para pagar os US$ 475 milhões comprometidos com a operação?

Bem, desse montante, US$ 50 milhões serão quitados à vista, com recursos próprios da companhia. O restante, de acordo com a Alpargatas, deve vir de uma emissão de novas ações "cuja estrutura será oportunamente avaliada e definida".

O único detalhe revelado pela dona da Havaianas é o compromisso de seus acionistas controladores de participarem da eventual oferta, de acordo com suas posições atuais — e, com isso, não serem diluídos no processo. A empresa diz que manterá o mercado informado quanto à estrutura da emissão assim que ela estiver fechada.

Uma vez fechada a operação, a Alpargatas deve diversificar ainda mais seu portfólio e elevar a importância das vendas externas na composição de sua receita líquida; os esforços de internacionalização da atual gestão têm sido evidentes, com a criação de uma nova plataforma digital em 2021 servindo para incrementar as vendas dolarizadas.

ALPA4: volatilidade na bolsa

As ações PN da Alpargatas (ALPA4) chegaram às máximas históricas em agosto, superando brevemente o patamar dos R$ 60,00. De lá para cá, no entanto, entraram num movimento de forte realização, em linha com a turbulência vista na bolsa brasileira como um todo.

No fechamento desta segunda-feira (20), os papéis ALPA4 valiam R$ 38,69, acumulando perdas de 7% desde o começo do ano. Veja o gráfico abaixo:

Esse mau desempenho recente contrasta com a visão geralmente otimista de analistas a respeito da empresa: dados compilados pelo TradeMap mostram que os ativos ALPA4 têm três recomendações de compra e uma de manutenção, com preço-alvo médio de R$ 51,00 — o que representa um potencial de alta de 32% em relação aos níveis atuais.

Em termos de valuation, as ações ALPA4 são negociadas com um P/L de cerca de 46 vezes — um nível esticado, embora abaixo da média de três anos, de 78 vezes. O EV/Ebitda está em 26 vezes, também abaixo do histórico recente, de 33 vezes.

A Rothy's utiliza materiais recicláveis na composição de seus produtos; segundo a Alpargatas, a grife tem 2 milhões de clientes e já transformou mais de 100 milhões de garrafas plásticas em calçados, bolsas e acessórios, contando com escritórios nos EUA e na China.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

PRECAUÇÃO EXTRA

Cautela demais atrapalha os negócios? Não para o Bradesco (BBDC4): banco cria nova vice-presidência focada na gestão de riscos

A nova vertical abrangerá as áreas de compliance, conduta, ética e demais setores ligados à gestão de ameaças corporativas

FECHAMENTO DOS MERCADOS

Ibovespa ignora tensão pré-Fed e sobe mais de 2%, fechando no melhor nível desde outubro; dólar volta aos R$ 5,43

O dia tinha tudo para ser como ontem, mas o Ibovespa encontrou forças para voltar aos 110 mil pontos e recuperar as perdas da semana

CRIPTOMOEDAS HOJE

Bitcoin (BTC) sobe forte e apaga parte da queda brusca na semana; veja como operam as principais criptomoedas do mercado

Como outros ativos do risco, a moeda digital também foi afetada pelas tensões entre entre Ucrânia e Rússia nos últimos dias, mas encontrou fôlego para avançar hoje

INTERRUPÇÃO TEMPORÁRIA

Banco Central suspende sistema para consulta de dinheiro ‘esquecido’ em bancos; veja o que está por trás do bloqueio

O BC precisou interromper o funcionamento do sistema lançado ontem após enfrentar instabilidades geradas pelo grande volume de acessos

NOVA DEBANDADA?

Mais um técnico da área de Orçamento da Economia deixa cargo e expõe novo desgaste na equipe de Paulo Guedes

O movimento de saída é comum no último ano de governo, mas agora tem ocorrido mais cedo, ainda no primeiro mês de 2022

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies