A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2021-02-19T19:26:02-03:00
Estadão Conteúdo
Vai mudar?

‘Anuncio que teremos mudança, sim, na Petrobras’, confirma Bolsonaro

O chefe do Executivo disse que “jamais” irá interferir na política de preços da empresa.

19 de fevereiro de 2021
14:58 - atualizado às 19:26
05/06/2020 Jair Bolsonaro, em cerimônia de inauguração do Hospital de Campanha de Águas Lindas de Goiás.
Imagem: Alan Santos/PR

Depois de criticar o reajuste divulgado pela Petrobras e citar a possibilidade de uma "consequência" para a estatal, o presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta sexta-feira, 19, que ocorrerão mudanças na petrolífera. O chefe do Executivo disse que "jamais" irá interferir na política de preços da empresa, mas cobrou previsibilidade nos reajustes dos preços dos combustíveis.

Leia também:

"Anuncio que teremos mudança, sim, na Petrobras. Jamais vamos interferir nessa grande empresa na sua política de preço, mas o povo não pode ser surpreendido com certos reajustes", declarou Bolsonaro, durante evento do governo relacionado às obras de transposição do Rio São Francisco em Sertânia, no Estado de Pernambuco. "Faça-os (reajustes), mas com previsibilidade, é isso que nós queremos", acrescentou.

Na quinta-feira, durante transmissão ao vivo nas redes sociais, Bolsonaro criticou duramente o reajuste anunciado pela Petrobras e afirmou que "alguma coisa" ocorreria com a petrolífera nos próximos dias, sem entrar em detalhes. Bolsonaro fez ainda uma ameaça indireta ao presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, ao citar que o comandante da estatal disse não ter "nada a ver com os caminhoneiros". Segundo o chefe do Executivo, isso teria "uma consequência, obviamente".

As declarações da quinta do presidente impactaram nas ações da Petrobras, que começaram em forte queda nesta sexta.

No evento em Sertânia, Bolsonaro destacou que a composição do preço dos combustíveis não será mais um "segredo de Estado" e exigiu transparência. "Se lá fora aumenta o preço do barril do petróleo e aqui dentro o dólar está alto, sabemos das suas repercussões no preço do combustível. Mas isso não vai continuar sendo um segredo de Estado. Exijo e cobro transparência de todos aqueles que tenho responsabilidade de indicar", disse.

Em sua fala, Bolsonaro ressaltou as medidas anunciadas na quinta de zerar impostos federais sobre o óleo diesel, por dois meses, e sobre o gás de cozinha de forma permanente. "Se, na origem, ele (gás de cozinha) custa menos de R$ 40 não justifica na ponta custar R$ 90 ou R$ 100", afirmou. As medidas de isenção dos tributos federais começarão a valer a partir de 1º de março.

"O governo federal faz a sua parte, bem como decidimos que nos próximos dois meses zeraremos também os impostos federais em cima do diesel", comentou Bolsonaro. "Nesses dois meses estudaremos medidas que possam realmente trazer conforto na questão de combustíveis no Brasil", declarou.

No caso do diesel, o anúncio de Bolsonaro é uma forma de atender as demandas de caminhoneiros, categoria que apoiou o presidente nas eleições de 2018.

No evento desta sexta para o acionamento das comportas do primeiro trecho do Ramal do Agreste, o presidente estava acompanhado dos ministros Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional, Gilson Machado, do Turismo, e Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo, além do líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

ACELERANDO NA RETA

Bitcoin (BTC) busca os US$ 25 mil, mas alta é ofuscada por disparada de 12% do ethereum (ETH); confira que movimenta as criptomoedas hoje

11 de agosto de 2022 - 10:09

Os investidores estão otimistas com a atualização do ethereum: em julho deste ano, o ETH acumulou alta de 57,7% e sobe 14,9% nos primeiros dias de agosto

NADA DIPLOMÁTICO

Paulo Guedes fala em “ligar o foda-se” para França, maior empregador estrangeiro no Brasil

11 de agosto de 2022 - 9:36

O país europeu é terceiro que mais investe no Brasil; as exportações para a França vêm crescendo 18% neste ano

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa sobe após índice mostrar deflação ao produtor nos EUA em julho; dólar recua para R$ 5,07

11 de agosto de 2022 - 9:08

RESUMO DO DIA: Os investidores tentam ampliar os ganhos da sessão anterior e as bolsas internacionais sobem hoje. Após o dado de inflação ao consumidor animar, desta vez as bolsas são embaladas pelo índice de preços ao produtor (PPI), que mostrou um resultado melhor que o esperado, com deflação de 0,5% em julho. Por aqui, […]

Como eles investem?

Quem investe melhor, Lula ou Bolsonaro? Confira o patrimônio e as aplicações dos candidatos à Presidência

11 de agosto de 2022 - 9:00

Candidatos às eleições de 2022 divulgaram seus bens à Justiça Eleitoral, e o Seu Dinheiro analisou as “carteiras” de cada um deles; quem é o melhor investidor?

BOMBOU NAS REDES

A catástrofe na Rússia que Putin não quer que o Ocidente descubra: Estados Unidos e aliados estão causando um verdadeiro estrago na economia do país; veja os maiores impactos

11 de agosto de 2022 - 8:37

Enquanto algumas matérias derrotistas apontam a Rússia ‘à prova’ de sanções, um estudo de Yale afirma que os efeitos são catastróficos; entenda detalhes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies