Exile on Wall Street
Rodolfo Amstalden
Sócio-fundador da Empiricus e autor do Programa de Riqueza Permanente
2021-10-07T10:53:19-03:00
Quando nem todo cuidado é o bastante

As lições do apagão do Facebook para os investidores obcecados por segurança

Os custos ocultos do desejo de controle por vezes são substancialmente maiores do que eventuais riscos explícitos do descontrole e da desinformação

7 de outubro de 2021
10:53
Portões fechados com cadeado
Portões fechados: Tesouro Direto não funciona em dia de volatilidade - Imagem: Shutterstock

Sim, nós acreditamos em hedge.

Sim, nós compreendemos o argumento do barbell talebiano, em que 80% do seu patrimônio deve ser alocado em ativos à prova de falência.

Sim, nós defendemos que o único critério racional para tomar decisões de investimento é a maximização da sobrevivência.

Mas nem por isso vamos tratar o book de seguros como a bailarina do Chico Buarque.

Os defeitos do book de seguros

Assim como nós, marginais alados, o book de seguros também tem seus defeitos.

Veja só a situação do Facebook e as lições que esse episódio de queda de sistemas traz para o investidor pretensamente bullet-proof, que deseja fiscalizar sua carteira o tempo todo, nos mínimos detalhes, e é obcecado por segurança.

Tudo começou com uma manutenção preventiva de rotina, durante a qual um comando foi dado visando obter informações sobre a capacidade disponível do backbone global do FB.

Devido a um erro, esse comando acabou derrubando todas as conexões da rede, gerando um efeito em cadeia que desconectou data centers do Facebook no mundo inteiro.

Irônico, não?

Você dá um comando para ver se a capacidade está ok, e aquele mesmo comando destrói completamente sua capacidade.

Isso remete aos custos ocultos do desejo de controle e monitoramento, por vezes substancialmente maiores do que eventuais riscos explícitos do descontrole e da desinformação.

Ao monitorar os downticks do mercado a cada microssegundo, investidores se apavoram, vendem a qualquer preço e potencializam coletivamente a derrocada de suas alocações em bolsa.

Ao buscarem a prevenção de adiantar liquidez para se protegerem de possíveis futuros resgates, gestores provocam seus futuros resgates.

A opção por máxima proteção não é algo trivial

Pois bem, uma vez instaurado o problema, a única forma de corrigi-lo era levar os engenheiros do FB para dentro dos data centers, já que o acesso remoto havia sido cortado.

No entanto, assim que adentraram os espaços físicos, os engenheiros perceberam que a restauração dos sistemas ainda levaria um bom tempo.

Os níveis de segurança dos data centers são tão elevados que até mesmo os funcionários da própria empresa enfrentam enormes dificuldades para acessá-los e reconfigurá-los.

A opção por máxima proteção não é nada trivial, pois esbarra em trade-offs duríssimos.

Quanto mais nos protegemos pensando em cenários ruins, menos nos protegemos de outros cenários ruins (não imaginados) e menos nos liberamos para tirar proveito dos eventuais cenários bons (a virada pode ser rápida).

Você pode dormir tranquilo com o conforto do seu book de seguros devidamente montado. Bons sonhos, bebê!

E pode também acordar com a pior ressaca do mundo: aquela que aflige a única pessoa que não foi convidada para a festa.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

PROVENTO EM DÓLAR

Aura Minerals (AURA33) anuncia dividendos e programa de recompra de BDRs — veja o que muda para os acionistas

O pagamento chegará bem a tempo para o Natal dos investidores nacionais, mas para ter direito é preciso possuir os ativos em 9 de dezembro

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa perto de perder os 100 mil pontos, Petrobras na mira de Paulo Guedes e outros destaques do dia

A dinâmica dos mercados globais nos últimos dias lembra muito os primeiros momentos de incerteza que marcaram o início da pandemia do coronavírus, no início de 2020. A covid-19 não é mais uma doença desconhecida e as vacinas já estão disponíveis no mercado, mas a desigualdade na distribuição de imunizantes e a recusa de muitos […]

FECHAMENTO DO DIA

Racha no Senado e chegada de ômicron aos Estados Unidos levam o Ibovespa a renovar as mínimas do ano (mais uma vez); dólar sobe

Embora o dia tenha começado positivo para o Ibovespa e as demais bolsas globais, a variante ômicron e a dificuldade de aprovar a PEC dos precatórios azedaram os negócios

CRYPTO NEWS

Aprenda com o bitcoin: não perca o timing com a próxima promessa cripto

O mercado de criptomoedas tem colocado alguns sorrisos nos rostos de quem vem investindo nessa classe de ativos

RECEITAS EM ALTA

Acredite se quiser! Governo pode ter primeiro superávit primário desde 2013 ainda neste ano

A notícia surpreende num momento em que um dos maiores temores do mercado financeiro é justamente o descontrole das contas públicas