Menu
Felipe Miranda
Exile on Wall Street
Felipe Miranda
É sócio-fundador e CEO da Empiricus
Exile on Wall Street

Prefiro ter os chifres de um touro a não ter olhos de tigre

Se você não assumir risco quando está otimista, vai ganhar dinheiro de verdade quando? São raras as oportunidades de você fazer um alto potencial de retorno. Quando elas aparecem, meu caro, você precisa ir na jugular

Exile on Wall Street

Quem tem medo de Virginia Woolf? Verdades e mentiras sobre bater o mercado

Deixa eu te contar um segredo: no mercado financeiro, estamos no Quarto Quadrante de Taleb. Nele, a econometria não funciona. A realidade é não ergódica (eu repito esse palavrão para ver se ele é absorvido por osmose)

Exile on Wall Street

Ideias do contra, lucros a favor

Toda disrupção é uma forma de antagonismo, uma proposta de superação do modelo anterior vigente — ou, ao menos, de apresentação de alternativa ao modelo anterior vigente —, com atributos diferentes ou até mesmo contrários à proposta pregressa

Exile on Wall Street

E se tudo que tivermos de fazer for esperar?

Quero hoje argumentar que as condições estão postas e cabe a você apenas recebê-las, deixando que elas mesmas se manifestem, em vez de você, como investidor, manifestar sobre elas sua ansiedade e sua afobação

Exile on Wall Street

Quanto você deve ter em Previdência?

Um dos nichos em que o aconselhamento são mais terríveis é o de previdência. Se o assunto surge numa roda de conversa de cinco pessoas, há ao menos um a prontamente se posicionar: “Previdência não presta”.

Exile on Wall Street

Você vendeu em maio?

Por mais que hoje o dia possa ser difícil — a julgar pelo comportamento desta manhã lá fora —, se você seguiu essa bobagem de “Sell in May and Go Away”, perdeu a chance de ganhar muito dinheiro em maio

Exile on Wall Street

A ausência dos 150 mil tuítes de Bolsonaro se faz muito presente

O Congresso quer a reforma da Previdência, que pode ser inclusive acelerada, conforme cobra publicamente Rodrigo Maia — falem o que quiserem, mas o Congresso sentiu, sim, a pressão das manifestações. O Executivo quer a reforma.

Exile on Wall Street

O que as manifestações podem significar para o seu bolso?

Claro que poderia ter menos volatilidade. Claro que o choro e o esperneio poderiam ser menores. Mas, de uma forma ou de outra, a caminhada em direção à aprovação da reforma da Previdência basta para os mercados brasileiros neste momento

Exile on Wall Street

Você compraria o seu passado? Ou um portfólio para qualquer maio; ou, ainda, cadê Tereza?

Todos nós sabemos que retornos passados não são garantia de retorno futuro. Um único erro e a gente pode explodir esse negócio — o que, inclusive, me dá um medo avassalador

Exile on Wall Street

Sobre os ombros de gigantes

Tive a sorte de entender cedo que você precisa separar o seu ego do seu bolso. Em Bolsa, você não precisa estar certo. Você precisa ganhar dinheiro. Essa é a língua que se fala aqui dentro.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements