Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-08-10T19:17:27-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Novata do dia

Oncoclínicas (ONCO3) recua mais de 4% na estreia, após precificar IPO abaixo do piso

A oferta, que foi concluída na última sexta-feira (06), movimentou R$ 3,6 bilhões, frustrando a expectativa inicial da companhia

10 de agosto de 2021
13:49 - atualizado às 19:17
oncoclínicas, IPO, estreia
Imagem: Crédito: Cauê Diniz/B3

Nem mesmo a oferta inicial de ações (IPO) abaixo do piso da faixa indicativa parece ter salvado a Oncoclínicas (ONCO3) de uma estreia no vermelho. 

A mais nova empresa de saúde listada na B3 teve o seu primeiro dia de negociações nesta terça-feira (10), fechando em queda de 4,30%.

A oferta, que foi concluída na última sexta-feira (06), movimentou R$ 3,6 bilhões, frustrando a expectativa inicial da companhia. A faixa indicativa de preço ia de R$ 22,21 a R$ 30,29, mas os papéis foram precificados a R$ 19,75.  Os coordenadores da oferta foram o Goldman Sachs, Itaú BBA, Citi, UBS BB, JPMorgan, Santander e XP.

Recentemente, a Kora Saúde reduziu a sua faixa indicativa de preço para dar continuidade ao processo de IPO.

Os planos da Oncoclínicas

Seguindo o exemplo das outras companhias do setor de saúde que já estão na bolsa, o plano da rede de clínicas é apostar na consolidação. Com os recursos levantados pela companhia na oferta, a Oncoclínicas planeja financiar aquisições e projetos de investimento, além de reforçar o capital de giro. 

Com 69 unidades focadas no tratamento contra o câncer, a companhia se difere das outras consolidadoras do setor. A companhia foi criada em 2010 e afirma ter a maior receita entre os seus pares privados no continente. 

No ano passado, a rede de clínicas registrou receita líquida de R$ 2,04 bilhões, alta de 20,4% sobre 2019, com a margem Ebitda de 15,36%.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Crise dos chips

Sem carro zero no mercado, preço de usados sobe até 20% e vendas disparam – carro usado chega a custar mais que um novo

Mercado enfrenta escassez de semicondutores, demanda alta por veículos e prazos longos para a entrega

sem escassez

Fábrica da Tesla em Xangai deve terminar setembro com 300 mil carros produzidos em 2021

Marca será atingida mesmo em meio a uma escassez global de semicondutores, disseram duas fontes da montadora à Reuters

Fim da pandemia

CEO da Pfizer prevê que voltaremos à vida normal dentro de um ano, mesmo com novas variantes do coronavírus

Albert Bourla acredita que vacinação contra a covid-19 se tornarão anuais, para cobrir novas variantes, e que vacinas durarão um ano

ainda não acabou

Controladores da Alliar (AALR3) contratam XP para vender o negócio, diz jornal

Empresa de diagnósticos foi alvo, recentemente, de disputa pelo controle pela Rede D’Or e fundos ligados ao empresário Nelson Tanure

Mais recursos

Democratas aprovam pacote de US$ 3,5 tri no Comitê de Orçamento da Câmara dos EUA

Recursos serão destinados à rede de segurança social e programas relacionados a mudanças climáticas. Obtenção de quase unanimidade para aprovação no Congresso é desafio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies