Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-10-29T19:23:57-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
FECHAMENTO DA SEMANA

Rombo no teto de gastos abre caminho para assombrações e Ibovespa cede 6% no mês; nem elevação da Selic impediu alta do dólar

Ao longo do mês, os ativos brasileiros viraram saco de pancadas ao ceder ao peso do risco fiscal e das elevadas incertezas sobre o futuro

29 de outubro de 2021
19:01 - atualizado às 19:23
Teto de vidro rachado com dinheiro caindo por ele, sendo visto debaixo, com teias e aranhas, céu mostra lua, bruxas, morcegos e dragão sobrevoando, ao fundo gráficos de mercado financeiro
As bruxas estão soltas no Ibovespa e todas elas levam ao teto de gastos - Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock / Vecteezy / Envato

Outubro chega ao fim com a celebração do Dia das Bruxas (ou Halloween, como preferir). Uma data nada brasileira, mas que parece ter vindo para ficar. Dia 31 será um domingo e não teremos pregão, mas nem por isso a B3 ficou de fora dessa.

A bruxa esteve solta durante o mês inteirinho na bolsa brasileira — o teto de gastos ganhou um puxadinho, Paulo Guedes viu uma debandada de nomes importantes da equipe econômica, a inflação subiu mais um pouco, e a Petrobras foi constante alvo de ataques.

Foram tantas bruxas soltas no ar que o Banco Central precisou alterar o seu plano de voo, e elevou a Selic em 150 pontos base, a 7,75% ao ano, já indicando que vem um aumento da mesma magnitude na próxima reunião.

A vida seria mais fácil se elas se retirassem do cenário com o fim de outubro, mas não é isso que deve acontecer. Com a concretização do furo no teto de gastos, a proximidade de 2022, e as reformas se arrastando por mais algumas semanas, elas devem continuar por aí ainda por um bom tempo — e cabe ao Banco Central tentar liderar essa caça às bruxas.

Para o mercado, está claro que será preciso ir além, e uma Selic de dois dígitos já é esperada para o início de 2022, mas não foi só a curva de juros que ficou pressionada. Nas últimas semanas, foram diversas as atuações do BC para tentar segurar o câmbio. Mesmo assim, a moeda americana subiu 3,67% no mês. Hoje o avanço foi de 0,37%, a R$ 5,6461.

No país do Halloween, as bolsas voltaram a renovar máximas, mas o Ibovespa não conseguiu acompanhar. Na sessão de hoje, foram as ameaças de ingerência na Petrobras — em mais uma tentativa de conter os ânimos com relação ao aumento dos combustíveis —, e os sinais de que a dívida pública comprometerá uma fatia maior do PIB que aumentaram a cautela.

Nem mesmo o bom balanço apresentado pela estatal na noite anterior impediu que os papéis afundassem mais de 6%. O principal índice da B3 terminou a sexta-feira com uma queda de 2,09%, aos 103.500 pontos. No mês, o tombo foi de 6,74%.

Saco de pancadas

Um lucro bilionário não livrou a Petrobras de um dia complicado. O presidente da Câmara, Arthur Lira, já vem repetindo o discurso de que a petroleira deve ter um lado social maior há algum tempo, mas hoje foi o próprio presidente da República que bateu nessa tecla. 

Ontem, em sua live semanal, Bolsonaro afirmou que a estatal não deveria lucrar tanto, e hoje o CEO da companhia seguiu o mesmo roteiro. 

A queda expressiva vista no pregão desta sexta-feira apaga os ganhos que os rumores de uma possível privatização trouxeram no começo da semana. Para o mercado, a promessa é pouco crível e serviu para desviar a atenção do teto de gastos. 

Qual investimento foi mais impactado?

Depois de saber como o mercado fechou essa semana, que tal entender como seus investimentos reagiram? Confere aqui como o Real Valor pode te ajudar!

Os fantasmas no armário

O desfecho para a PEC dos precatórios, que deve abrir espaço no orçamento para os novos gastos do governo, ficou para a semana que vem. Além disso, ainda existe impasse para a aprovação da reforma do imposto de renda no Senado. 

Mas o que se sabe é que a relação da dívida com o PIB será maior do que o inicialmente esperado, o que não ajuda em nada o cenário fiscal. 

Depois de tantos dias de pressão e seguidos aumentos das projeções para a Selic no fim do ciclo de ajuste, a curva de juros teve um dia de leve alívio. As palavras do novo secretário do Tesouro, Paulo Valle, agradaram o mercado. Valle afirmou que, caso seja necessário, o ministério da Economia pode atuar em conjunto com o Banco Central.  

  • Janeiro de 2022: de 8,46% para 8,39%
  • Janeiro de 2023: de 12,48% para 12,32%
  • Janeiro de 2025: de 12,73% para 12,37%
  • Janeiro de 2027: de 12,66% para 12,33%

Os balanços do dia

Depois de uma primeira semana morna, a temporada de balanços chegou com tudo ao mercado brasileiro, com direito aos resultados de pesos-pesados da bolsa em um único dia. 

Enquanto Vale e Usiminas repercutiram números que vieram abaixo do esperado pelo mercado e a queda de quase 5% do minério de ferro, a Petrobras seguiu sentindo o peso das disputas políticas em torno da empresa, mesmo com um lucro acima das expectativas. Mais cedo os governadores aceitaram congelar o ICMS dos combustíveis para tentar reduzir a elevação dos preços por algum tempo, mas no fim da tarde as coisas desandaram com a fala de Silva e Luna. 

Mas tem também aqueles balanços que empolgaram, como foi o caso da Marfrig. Por tabela, as empresas do setor de proteína animal apresentaram alta firme nesta sexta-feira, na expectativa de bons números nos próximos dias. 

Sobe e desce do Ibovespa

A semana não foi das melhores, mas teve quem se salvasse do campo negativo. O principal destaque foram as ações da Ambev, repercutindo os bons números divulgados pela empresa no terceiro trimestre. Confira as maiores altas da semana:

CÓDIGONOMEULTVARSEM
ABEV3Ambev ONR$ 16,9913,27%
RADL3Raia Drogasil ONR$ 23,408,48%
BRFS3BRF ONR$ 23,396,27%
MULT3Multiplan ONR$ 18,535,46%
MRFG3Marfrig ONR$ 26,475,37%

Com o avanço da inflação e perspectivas cada vez mais desfavoráveis para o consumo, as empresas de varejo e ligadas ao ecossistema de consumo sofreram as maiores quedas. O pior desempenho ficou por conta da Getnet, que na semana passada teve uma estreia de gala. Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEULTVARSEM
GETT11Getnet unitsR$ 4,39-22,44%
CASH3Méliuz ONR$ 3,31-15,35%
AZUL4Azul PNR$ 24,90-14,70%
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 10,79-13,12%
AMER3Americanas S.AR$ 29,70-11,92%
Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

BC aumenta a Selic, Nubank conclui IPO e mercado reage bem à PEC dos precatórios; veja o que marcou esta quarta-feira

Conforme esperado pelos economistas após dados recentes mais fracos da atividade econômica brasileira, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu elevar a taxa básica de juros em 1,5 ponto percentual, a 9,25% ao ano, em sua última reunião do ano. Se em muitos momentos ao longo de 2021 o mercado acionário reagiu ao […]

2022 MAIS GORDO

Dividendos e JCP: Copel (CPLE6) engrossa a lista de pagamentos milionários aos acionistas; não fique fora dessa

Data da remuneração ainda não foi definida pela empresa, mas valerá para aqueles com posição até 30 de dezembro deste ano

FECHAMENTO DO DIA

Investidores tentam equilibrar noticiário e Ibovespa emplaca mais um dia de alta; dólar tem queda firme com ômicron no radar

Com o avanço da PEC dos precatórios, a pandemia se torna um dos únicos gatilhos negativos a rondar o Ibovespa

DOBRANDO A ESQUINA

Lucro das empresas com ações na bolsa deve cair 6,3% em 2022, diz BTG Pactual

Mesmo assim ainda é possível encontrar setores em que o cenário é positivo; saiba quem é quem

Bateu o martelo

IPO do Nubank sai no topo da faixa indicativa, a US$ 9 por ação; banco ultrapassa Itaú (ITUB4) e é a instituição financeira mais valiosa da América Latina

Com isso, os BDRs, que serão negociados por aqui a partir da próxima quinta-feira (09), saem valendo R$ 8,38

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies