Petrobras detalha plano estratégico; confira os principais pontos

Cotações por TradingView
2021-03-24T11:35:32-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Planos adiados

Primeira funerária que pretende abrir capital na B3 suspende IPO

Dono de dez cemitérios, Grupo Cortel havia entrado com pedido de abertura de capital na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) em novembro

24 de março de 2021
11:35
Cemitério
Imagem: Shutterstock

Os planos da primeira empresa de serviços funerários que pretende ter suas ações listadas na bolsa brasileira foram adiados. O Grupo Cortel pediu a interrupção da análise da oferta pública de ações (IPO, na sigla em inglês) até o dia 18 de junho.

A empresa, que se define como uma das líderes na cadeia de atendimento do setor de luto, havia entrado com pedido de abertura de capital na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) em novembro.

Fundado no Rio Grande do Sul em 1963, o Grupo Cortel trabalha com cremação (incluindo a de animais de estimação), funerais e serviços auxiliares e faturou quase R$ 84 milhões no ano passado.

Leia também:

O Cortel possui dez cemitérios, todos próximos a centros urbanos, cinco crematórios, um crematório de animais, uma casa funerária, mais de 40 salas de velórios, oito capelas cerimoniais e duas capelas históricas. Realiza, por ano, cerca de 4,9 mil sepultamentos e 5,5 mil cremações.

A empresa pretende usar parte dos recursos captados na bolsa para aquisições. A oferta também prevê a venda de parte das ações dos atuais sócios, incluindo a família do fundador, José Elias Flores, e fundos de investimentos. A XP Investimentos é a coordenadora do IPO do Grupo Cortel.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa deixa exterior de lado e cai, PIB vem mais fraco e o grupamento de ações IRB (IRBR3); confira os destaques do dia

1 de dezembro de 2022 - 20:05

Se em algum momento de dezembro os presentes adornarem a árvore de Natal da B3, talvez o mercado caminhe para um fim de ano mais tranquilo. Mas essa não é a realidade no momento.

NATAL ANTECIPADO

Dividendos e JCP: Vale (VALE3) anuncia pagamento bilionário de proventos; confira valores e prazos

1 de dezembro de 2022 - 19:36

A mineradora informou que o montante a ser distribuído poderá sofrer variação em razão de eventual alteração do número de ações em tesouraria

FECHAMENTO DO DIA

Petrobras (PETR4) tomba após plano estratégico e leva junto o Ibovespa; dólar cai abaixo dos R$ 5,20

1 de dezembro de 2022 - 19:31

Estamos oficialmente no último mês do ano. O clima natalino se confunde com a energia caótica da Copa do Mundo, mas o mercado financeiro sabe bem o que quer ver sob a árvore de Natal antes de o Ano Novo chegar — mas boa parte desses presentes depende da disposição do presidente eleito em distribuir.  […]

INVESTINDO MAIS

Suzano (SUZB3) vai investir R$ 18,5 bilhões em 2023

1 de dezembro de 2022 - 19:30

O valor projetado pela Suzano (SUZB3) está acima dos R$ 16,1 bilhões investidos neste ano, especialmente pelos gastos com o Projeto Cerrado

OLHOS NO FUTURO

Sem dar grande atenção ao novo governo e possíveis interferências, Petrobras (PETR4) detalha seu plano estratégico falando em continuidade

1 de dezembro de 2022 - 18:36

Temas que mais preocupam o mercado após a divulgação dos próximos passos da Petrobras (PETR4) são distribuição de dividendos e política de investimentos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies