Menu
2020-11-24T17:52:25-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
A BOLSA É PARA TODOS

De outro mundo: funerária quer fazer IPO na B3 em 2021

Com 57 anos, Grupo Cortel planeja abrir o capital na bolsa e utilizar recursos para a aquisição de empresas do setor

24 de novembro de 2020
10:00 - atualizado às 17:52
grupo cortel
Imagem: Divulgação

Uma empresa que oferece produtos e serviços completos "atrelados ao luto" quer abrir capital na bolsa, o que deve ocorrer no início do próximo ano.

O Grupo Cortel pretende ser a primeira desse setor a estrear na B3, que neste ano contou com mais de 20 novatas de capital aberto.

Segundo apurou o jornal "O Estado de S.Paulo", a estimativa é de que a operação chegue a R$ 400 milhões. A empresa pretende listar as ações no Novo Mercado, segmento de listagem de ações da B3 criado para aumentar o padrão de governança corporativa das companhias.

Fundada no Rio Grande do Sul em 1963, a empresa trabalha com cremação (incluindo a de animais de estimação), funerais e serviços auxiliares e faturou quase R$ 84 milhões no ano passado.

Nos primeiros nove meses do ano, o Grupo Cortel teve receita líquida de R$ 76 milhões, acima dos R$ 55 milhões do mesmo período de 2019. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) cresceu 2,2 vezes, na mesma base de comparação, com R$ 38,1 milhões, com a margem indo de 30,6% para 50,3%.

De acordo com o prospecto preliminar, a oferta contará com um grupo de vendedores, incluindo a família do fundador, José Elias Flores, e fundos de investimentos. Dentre eles, está o Brazilian Graveyard, que é dedicado a investir em cemitérios.

Aquisições

A oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do Grupo Cortel também colocará dinheiro no caixa da companhia, que quer direcionar os recursos para a aquisição de empresas do setor. A XP Investimentos é o único coordenador da operação.

"O foco da companhia está na aquisição de ativos em regiões com baixo atendimento profissional de cemitérios e serviços funerários, em cidades com população acima de 500 mil habitantes e com PIB per capita elevado em relação à média brasileira", detalha o prospecto.

A companhia tem um modelo de negócios verticalizado, atuando em todos os segmentos e serviços do setor. Ela possui dez cemitérios, todos próximos a centros urbanos, cinco crematórios, um crematório de animais, uma casa funerária, mais de 40 salas de velórios, oito capelas cerimoniais e duas capelas históricas. Realiza, por ano, cerca de 4,9 mil sepultamentos e 5,5 mil cremações.

"Com um modelo de negócios eficiente, integrado e bastante verticalizado, a companhia conta com ativos estrategicamente localizados em áreas de maior poder aquisitivo, garantindo maior previsibilidade e recorrência de receita em seus produtos e serviços", afirma trecho do prospecto.

Planos previdenciários

O Grupo Cortel também atua na área previdenciária, contando com três categorias de planos, indo da opção econômica até a premium, para todas as idades.

Em 30 de setembro, a empresa apresentava uma carteira de aproximadamente 17 mil beneficiários e um perfil de demanda estável, apresentado baixa volatilidade mesmo durante as mudanças de ciclo econômico, de acordo com o prospecto.

“Nesta unidade, a companhia não possui a necessidade de amplo emprego de capital, aproveita de uma antecipação de fluxos de caixa, dado que os recebimentos ocorrem significativamente antes dos desembolsos”, diz trecho do documento.

* Com informações do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Tamanho menor

Zara fecha sete lojas no Brasil em plano de reorganização

O plano da empresa foi traçado em 2020 e, no Brasil, começou ainda no ano passado, com o fechamento de lojas nas cidades de Joinville (SC) e São José dos Campos (SP)

Seu Dinheiro no sábado

A única coisa que Bill Gates não pode comprar

Troca de presidente nos Estados Unidos, início da vacinação para covid no Brasil e comunicado do Banco Central com vocabulário novo. A semana que se encerra trouxe novidades importantes. É bem verdade que também teve notícia velha, daquelas que encontramos todos os dias: disputas políticas entre Jair Bolsonaro e João Dória, caos nos hospitais públicos […]

Sem dieta

McDonald’s tem planos de abrir 50 novos restaurantes na América Latina, 80% deles no Brasil

Rede pretende investir até US$ 130 milhões (R$ 690 milhões) na região e também quer reforçar o drive-thru, delivery e o aplicativo

Bilionário imunizado

Adivinha quem já foi vacinado? Bill Gates compartilha foto e diz como se sente após tomar 1ª dose

Fundador da Microsoft compartilhou foto do momento em que era vacinado e enalteceu o trabalho dos cientistas, voluntários e profissionais da saúde que trabalham no combate à pandemia

Início de cobertura

Após queda de 56%, XP revela o que espera das ações da dona da rede de restaurantes Frango Assado e Pizza Hut no Brasil

Os analistas da corretora iniciaram a cobertura das ações da IMC com recomendação neutra e preço-alvo de R$ 4,00, o que indica um potencial de alta de 8%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies