O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2021-12-20T19:48:52-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa acompanha Nova York e recua 2% com o peso das incertezas em torno da ômicron e novos ruídos fiscais

O aumento de casos da variante ômicron do coronavírus assusta os mercados internacionais e o Ibovespa acompanha a cautela

20 de dezembro de 2021
19:15 - atualizado às 19:48
coronavírus leva bolsa a cair
O mercado ainda monitora novos dados sobre a variante da covid-19 no mundo. Imagem: shutterstock

Com base nas últimas notícias, as semanas derradeiras de 2021 prometem ser semelhantes ao primeiro mês do ano — cheias de incertezas e com uma nova onda do coronavírus batendo à porta. 

É bem verdade que desta vez o país enfrenta a nova ameaça com uma porcentagem relevante dos adultos vacinados, mas os impactos na economia global ainda são muito incertos. No Reino Unido e em algumas regiões dos Estados Unidos, o salto no número de casos é exponencial, e a Holanda foi o primeiro país a adotar um lockdown completo. 

A ameaça de um maior impacto na economia em um momento em que os bancos centrais globais não possuem mais espaço para estímulos monetários e começam a retirada das ferramentas utilizadas e já estudam uma elevação dos juros aumentam a cautela. Além disso, o plano de recuperação proposto por Joe Biden pode fracassar após o senador democrata Joe Manchin se opor à elevação dos gastos públicos. 

O minério de ferro teve um dia positivo durante a madrugada, mas as incertezas geradas pela ômicron afetaram fortemente as empresas de commodities. Por aqui, as siderúrgicas tombaram e a Petrobras acompanhou a queda de 3% do petróleo. 

O resultado foi uma queda expressiva tanto dos mercados europeus como das bolsas americanas, mas preocupações domésticas também fizeram a cabeça dos investidores. A votação do Orçamento de 2022 foi adiado mais uma vez e a incerteza sobre o reajuste para servidores públicos e a ampliação do Auxílio Brasil persistem. 

Ainda que a liquidez do mercado esteja comprometida pela proximidade das festas do fim de ano, o Ibovespa encerrou o dia em queda de 2,03%, aos 105.020 pontos. O dólar à vista encerrou o dia em R$ 5,7431, alta de 1,02%.  pela primeira vez desde maio de 2020. 

O desconforto gerado pelos novos ruídos em torno da saúde fiscal do país afetaram o mercado de juros, mas os principais contratos devolveram a alta e fecharam o dia em forte queda. 

CÓDIGONOMEVALORABERTURA
DI1F23DI jan/2311,55%11,75%
DI1F25DI Jan/2510,54%10,75%
DI1F26DI Jan/2610,43%10,62%
DI1F27DI Jan/2710,48%10,65%

Novas barreiras

Os principais índices pelo mundo sentem os temores envolvendo o avanço da variante ômicron pela Europa e Ásia. Diversos países do Velho Continente levantaram barreiras contra a covid-19 antes das festividades de final de ano. 

Outros países onde a vacinação com duas doses já está mais avançada correm para conseguir ampliar a cobertura com uma dose de reforço. Segundo estudos preliminares, essa é uma forma de ampliar a eficácia do imunizante contra a nova variante.

Sinal fechado

Durante o final de semana, o senador americano Joe Manchin (democrata) declarou oposição à proposta BBB (Build Back Better, “construindo de novo e melhor”, em tradução livre) do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden.

A proposta envolve gastos de cerca de US$ 2 trilhões para investimento em saúde, educação e combate às mudanças climáticas. Manchin, que fez uma declaração por escrito após reiterar sua posição em entrevista à Fox News, expressou preocupação com o projeto, em especial no ponto em que trata do avanço da inflação e da dívida americana. 

Sobe e desce do Ibovespa

Poucas ações fecharam em alta e o principal destaque, assim como nas últimas semanas, segue sendo o setor de proteínas. Embora nenhuma nova notícia impulsione o setor, o noticiário recente segue repercutindo nos papéis, como a retomada das exportações de carne para a China. Além disso, o dólar nas máximas beneficia as exportadoras

O melhor desempenho do dia, no entanto, ficou com os papéis da Eneva. A companhia anunciou a compra da Focus Energia na semana passada e foi bem recebida pelo mercado. 

Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
ENEV3Eneva ONR$ 14,211,86%
BEEF3Minerva ONR$ 10,041,52%
JBSS3JBS ONR$ 37,511,27%
BRKM5Braskem PNAR$ 55,210,04%

O avanço do minério de ferro durante a madrugada não impediu que as ações das siderúrgicas sofressem nesta segunda-feira. O pior desempenho, no entanto, ficou com a CVC. 

A companhia sofre o impacto do anúncio de suspensão da atividade da ITA, companhia aérea do Grupo Itapemirim, tendo que lidar com reacomodações e cancelamentos na véspera da temporada de fim de ano. Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEULTVAR
CVCB3CVC ONR$ 13,86-8,76%
LWSA3Locaweb ONR$ 12,76-7,13%
CSNA3CSN ONR$ 23,71-6,91%
BRML3BR Malls ONR$ 7,85-6,66%
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Cautela pesa e Ibovespa futuro abre em queda com exterior fraco; dólar avança para R$ 4,95

RESUMO DO DIA: Após o rali da última terça-feira (17), as bolsas amanheceram com leves perdas, em um movimento de ajuste cauteloso. A inflação na Europa preocupa, enquanto o Federal Reserve dá sinais mistos sobre o aperto monetário. Por aqui, o Ibovespa acompanha a privatização da Eletrobras (ELET3) e falas de Roberto Campos Neto e […]

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Oportunidade de swing trade: compra de ações da Suzano (SUZB3) e lucro de 5,3% no bolso com Wiz (WIZS3)

Identifiquei uma oportunidade de swing trade – compra dos papéis da Suzano (SUZB3), com entrada em R$ 52,74; confira a análise

O melhor do Seu Dinheiro

As stablecoins são o Real dos anos 1990? Confira a notícia do dia e outras sete histórias que mexem com os seus investimentos

Manter a paridade com o dólar não é tarefa simples, e o novíssimo mercado das criptomoedas experimentou esse travo amargo na semana passada; entenda a crise das stablecoins

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas lá fora tentam emplacar terceiro dia de alta, limitadas por dados inflacionários; Ibovespa mira Eletrobras (ELET3) e briga entre poderes

Ainda hoje, os investidores acompanham o presidente do BC, Roberto Campos Neto, e o ministro da Economia, Paulo Guedes, em evento

TRAGÉDIA NA CHINA

Alguém derrubou esse avião de propósito na China; investigadores agora tentam descobrir quem foi

Dados recuperados da caixa preta sugerem que alguém na cabine derrubou o intencionalmente o Boeing 737-800 da China Eastern com 132 pessoas a bordo no fim de março

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies