O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2021-12-15T16:46:14-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Mercados Hoje

Decisão do Fed anima bolsas globais e Ibovespa volta a operar em alta; dólar segue com força e acima dos R$ 5,70

Os investidores aguardam a decisão de juros do Fomc, o Copom americano, que deve ser divulgada na tarde desta quarta-feira

15 de dezembro de 2021
10:28 - atualizado às 16:46
Federal Reserve movimenta as bolsas
O mercado ainda monitora novos dados sobre a variante da covid-19 no mundo. Imagem: Divulgação

A última decisão de política monetária do Federal Reserve do ano veio em linha com o que o mercado financeiro esperava e trouxe algum alívio para as bolsas globais. 

O discurso de que a inflação é apenas transitória caiu por terra. O ritmo de retirada dos estímulos será acelerado, com a redução das compras mensais de ativos, e já existe consenso para que a elevação dos juros comecem já no próximo ano. 

Os investidores agora acompanham a coletiva de imprensa de Jerome Powell, presidente do Fed, mas a reação ao comunicado já foi positiva. As bolsas americanas saíram das mínimas e agora operam em alta. 

No Brasil, o Ibovespa, que operava com instabilidade, agora tenta se firmar no azul. Por volta das 16h45, o principal índice da bolsa brasileira subia 0,20%, aos 106.937 pontos. A perspectiva de elevação de juros pressiona o dólar, que sobe 0,24%, a R$ 5,7321. 

Antes da decisão, eram os dados de inflação da Europa e alguns dados de atividade dos Estados Unidos que comandavam os negócios. A inflação ao consumidor (CPI, em inglês) do Reino Unido subiu acima do esperado, enquanto as demais bolsas da Europa operam mista antes da decisão de juros do Banco Central Europeu (BCE) de amanhã. 

As vendas no varejo americano também cresceram menos do que o esperado (0,3% contra a estimativa de 0,8%) e o índice de atividade industrial Empire State subiu de 30,9 para 31,9 em novembro. 

O vencimento de opções de hoje pode aumentar ainda mais a volatilidade do índice brasileiro, juntamente com a divulgação do IBC-Br, considerado uma prévia do PIB. O indicador registrou queda de 0,40%, em linha com a mediana das projeções das projeções de especialistas ouvidos pelo Broadcast. Com isso, o IBC-Br cai 1,48% na comparação com outubro do ano passado.

Sem surpresas

O Federal Reserve decidiu manter a taxa de juros entre 0% e 0,25%, mas a coletiva de Jerome Powell, presidente da autoridade, será o grande destaque.

Powell já abriu mão do discurso de inflação transitória no país e deu sinais de que a taxa de juros americana pode subir nos primeiros meses de 2022, o que foi confirmado pelo comunicado da institução.

Teto da dívida

Ainda nos Estados Unidos, o Congresso americano aprovou uma medida que aumenta o limite de endividamento do governo em US$ 2,5 trilhões juntamente com uma proposta que lança o próximo impasse com o teto da dívida para um período pós eleições de meio de mandato em 2022. 

A proposta ainda precisa passar pela aprovação do presidente americano Joe Biden, que deve sancionar a medida sem maiores complicações.

Por outro lado, também foi aprovado um dispositivo em que os democratas (partido de Biden) aumentem ainda mais o limite de empréstimos por maioria simples, o que retira a responsabilidade dos republicanos (oposição) em caso de descontrole das contas públicas, de acordo com o Dow Jones Newswires. 

Dessa forma, um novo aumento do teto pode ser aprovado por 50 votos contra 49, diferentemente do sistema atual, em que são necessários 60 votos. Mas os analistas já começam a questionar se os sucessivos aumentos do teto da dívida não são uma irresponsabilidade da gestão atual, o que mexe diretamente com os mercados.

Coronavac

Um estudo conduzido pela Universidade de Hong Kong indicou, em resultados preliminares, que duas doses da vacina da Sinovac, conhecida no Brasil como Coronavac, geraram “níveis inadequados” de proteção contra a variante ômicron da covid-19. 

Novos estudos estão sendo conduzidos para verificar a eficácia de uma imunização com três doses da coronavac. A vacina sinovac foi produzida no Brasil em parceria com o instituto Butantã, de São Paulo, e é a mais utilizada no país.

Sobe e desce do Ibovespa

As maiores altas do dia ficam por contas dos frigoríficos, após a liberação de exportação para a China. Confira:

CÓDIGONOMEULTVAR
BEEF3Minerva ONR$ 9,739,94%
LCAM3Locamérica ONR$ 26,885,45%
RENT3Localiza ONR$ 60,395,04%
ENEV3Eneva ONR$ 14,953,75%
JBSS3JBS ONR$ 38,643,65%

Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEULTVAR
ELET3Eletrobras ONR$ 31,49-8,78%
ELET6Eletrobras PNBR$ 31,46-7,47%
DXCO3Dexco ONR$ 15,92-4,54%
LWSA3Locaweb ONR$ 12,67-4,02%
BIDI11Banco Inter unitR$ 32,47-3,10%
Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Nos embalos de um mundo ainda globalizado: como a rotação setorial deve beneficiar a Vale (VALE3)

A Vale tem atravessado uma verdadeira montanha-russa – ou seria uma montanha-chinesa? -, mas sua ação mantém-se com um caso de sucesso entre as teses de valor

NOITE CRIPTO

Assombrado pela falha no protocolo Terra (LUNA), bitcoin (BTC) opera sob pressão e cai 3%; confira a reação de outras criptomoedas

A queda da Terra (LUNA) gerou uma reação em cadeia e um efeito em toda a Terra Network, a rede que engloba essa criptomoeda e a stablecoin TerraUSD (UST); entenda a história

BALANÇO

Magazine Luiza (MGLU3) deixa lucro para trás e registra prejuízo líquido de R$ 161,3 milhões no primeiro trimestre; confira o que derrubou o Magalu

Última das grandes varejistas da B3 a divulgar os resultados do primeiro trimestre, o Magazine Luiza (MGLU3) reforçou nesta segunda-feira (16) como o cenário macroecônimo atrapalha a vida das gigantes do comércio físico e eletrônico. A companhia registrou prejuízo líquido de R$ 161,3 milhões entre janeiro e março, contra lucro de R$ 258,6 milhões no […]

Reino Unido ameaça revisão em termos do Brexit e alimenta temores de guerra comercial; fique por dentro da visita de Boris Johnson à Irlanda do Norte

Divergências entre diferentes unionistas e nacionalistas na Irlanda do Norte pode acabar afetando relação entre Reino Unido e União Europeia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies