Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-09T16:16:21-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
MERCADOS HOJE

Inflação acima do esperado e falta de perspectiva para o fim da crise aumentam a cautela local e Ibovespa recua; dólar também cai

A inflação medida pelo IPCA de agosto acelerou bem acima da mediana das expectativas, deteriorando ainda mais as projeções futuras e pesa sobre o Ibovespa

9 de setembro de 2021
10:44 - atualizado às 16:16
desenho mostra dinheiro se desintegrando como metáfora para inflação em alta
Imagem: Shutterstock

O Ibovespa foi dormir preocupado com a crise institucional e o cabo de guerra entre os Poderes e acordou com a notícia de estradas bloqueadas em 15 estados por caminhoneiros e uma inflação ainda mais salgada do que já vinha sendo esperado. 

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de agosto avançou 0,87%, bem acima da mediana das expectativas, que era de 0,71%. Nos últimos 12 meses, o índice acumula uma alta superior a 9%. 

Os fatores climáticos e geopolíticos que pressionam as commodities energéticas e a agricultura são pouco sensíveis aos movimentos do Banco Central para conter a inflação, mas a percepção de que a crise hídrica deve continuar impactando o índice nos próximos meses preocupa. 

Além disso, os investidores também monitoram o bloqueio de estradas por caminhoneiros aliados ao presidente Jair Bolsonaro. O chefe do Executivo tenta negociar uma saída e a liberação dos locais. Segundo o Ministério da Infraestrutura, as paralisações ocorrem em 15 estados. 

A queda de quase 4% registrada ontem e o dia positivo em Nova York deram algum fôlego para o Ibovespa abrir o dia em alta, mas o índice não sustentou o movimento diante de tantas incertezas. Por volta das 16h15, o principal índice da bolsa brasileira recuava 0,63%, aos 112.700 pontos. O dólar à vista recua 0,41%, aos R$ 5,3043, corrigindo os exageros da véspera. 

Para Mario Lórega, gerente de research do Pagbank, todo e qualquer alta que teremos no curto prazo segue sendo um movimento de acomodação da bolsa, apenas uma respirada leve para retomar um movimento de queda. Para a reversão de tendência, o analista aponta que o Ibovespa deverá superar o patamar dos 117 mil pontos. 

No mercado de juros, o dia é de pressão em reação ao número salgado da inflação e ao clima tenso em Brasília, que deteriora ainda mais o cenário fiscal. Confira:

  • Janeiro/22: de 6,99% para 7,26%
  • Janeiro/23: de 8,81% para 9,18%
  • Janeiro/25: de 10,06% para 10,29%
  • Janeiro/27: de 10,51% para 10,69%

Raio-X internacional

Em Nova York, o dia começa positivo e com bons números do mercado de trabalho, após uma semana de dados decepcionantes. Os pedidos de auxílio-desemprego caíram a 310 mil, um recuo bem além do esperado pelo mercado.

Outra notícia que mexe com o mercado internacional é a decisão de política monetária do Banco Central Europeu. O BCE manteve os juros inalterados, mas anunciou a intenção de reduzir o ritmo das compras de ativos.

Os vilões da vez

A alta da gasolina foi o grande vilão da vez no resultado negativo do IPCA de agosto. A elevação de 2,80% no mês passado exerceu o principal impacto no índice e já acumula uma alta de 31,09% no ano. 

Dos nove grupos pesquisados pelo IBGE, oito registraram elevação de preços. O acumulado da inflação nos 12 meses é de 9,68%, bem acima do teto da meta que havia sido estabelecida para 2021 pelo Banco Central, que era 5,25%. 

Sobe e desce do Ibovespa

O movimento de correção da queda brusca de ontem também se reflete nas movimentações dos papéis. As companhias que recuaram fortemente na véspera despontam entre as principais altas, com recuperação até mesmo da ainda estatal Eletrobras. Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGONOMEVALORVAR
PRIO3PetroRio ONR$ 19,235,31%
WEGE3Weg ONR$ 37,703,32%
GOLL4Gol PNR$ 19,502,96%
BEEF3Minerva ONR$ 8,432,68%
CASH3Meliuz ONR$ 32,032,66%

Na ponta contrária, Localiza e Unidas recuam após a forte alta registrada ontem após a sinalização positiva do Cade para a fusão das companhias. Já a Petrobras vai na contramão do comportamento do petróleo e tem forte queda, pressionando o Ibovespa. Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEVALORVAR
RENT3Localiza ONR$ 57,05-4,73%
LCAM3Locamérica ONR$ 25,44-4,72%
PETR4Petrobras PNR$ 24,21-3,04%
PETR3Petrobras ONR$ 25,10-2,90%
EZTC3EZTEC ONR$ 24,11-2,59%
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

em busca de inovação

Hospital Mater Dei compra fatia da A3Data, de inteligência artificial, por R$ 40 milhões

A3Data foi fundada em 2014 e desenvolve projetos de grande impacto nas organizações, líderes em seus segmentos, voltado para o aumento de receita, redução de custos e melhora na experiência dos clientes

seu dinheiro na sua noite

Semana termina da mesma forma que começou: com os olhares do mundo voltados para a China

Ainda que as perdas registradas nesta sexta-feira (24) tenham sido mais modestas do que as da última segunda-feira (20), a semana termina da mesma forma que começou — com os olhares do mundo voltados para a China. Os analistas e especialistas diminuíram as apostas de que uma eventual falência da incorporadora chinesa Evergrande possa se […]

Entrevista com o CEO

Gasolina cara? Não dá para fazer milagre com preço dos combustíveis, diz presidente da Ipiranga

Para Marcelo Araujo, questões conjunturais como o câmbio e a alta das commodities afetam a subida dos preços neste momento

fique de olho

Dividendos: TIM paga R$ 137,5 milhões em juros sobre capital próprio

pagamento ocorre no dia 27 de outubro, sendo a data de 29 de setembro de 2021 como aquela que servirá para identificar os acionistas com direito a receber os valores

BLINK!

Via Varejo (VIIA3) é uma oportunidade de compra? Evergrande foi apenas um susto? Entenda esses e outros assuntos no BLINK!

Você já sabe que toda sexta-feira tem dois compromissos marcados: o happy hour e o encontro com Felipe Miranda, CIO e estrategista-chefe da Empiricus. Como sempre, ele responde perguntas feitas pelos seus seguidores de forma descontraída. Confira, afinal: sextou

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies