Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-01-24T19:49:51-03:00
SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O que será que será da Selic?

24 de janeiro de 2020
19:49
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A taxa básica de juros (Selic) vai continuar em queda? Quando fiz essa pergunta recentemente a um gestor de fundos, ele me devolveu com outra pergunta:

– Você quer que eu responda o que o Banco Central deveria fazer ou o que ele vai fazer?

Pode parecer uma diferença sutil, mas o mercado encontra-se atualmente diante dessa encruzilhada. Uma parte considera que o BC deveria dar uma parada no ciclo de cortes da Selic nos atuais 4,5% ao ano diante do repique recente da inflação e do dólar.

Outro grupo avalia que esses fatores não comprometem o cumprimento da meta de inflação para este ano, estipulada em 4%. Portanto, haveria espaço para mais uma redução de 0,25 ponto percentual na taxa na próxima reunião do Copom, que acontece daqui a duas semanas.

Na hora de investir, porém, é preciso deixar as convicções de lado: o que vale dinheiro de fato é o que os diretores do Banco Central vão decidir. E as declarações do presidente do BC penderam mais hoje para o lado que defende a continuidade da queda da Selic.

Roberto Campos Neto afirmou que está confortável com os níveis de inflação, e que o choque provocado pelo forte aumento nos preços das carnes deve se dissipar rapidamente.

Confira os detalhes da fala do presidente do BC, que também comparou a ação da política monetária e as medidas na área microeconômica a um sistema de encanamento.

Depois do recorde

O Ibovespa atingiu ontem uma nova máxima histórica, mas voltou a cair no pregão desta sexta-feira. No balanço da semana, acumulou uma pequena queda de 0,09%. O mercado acompanhou hoje o recuo dos índices das bolsas norte-americanas, além do noticiário referente ao coronavírus. O dólar, por outro lado, fechou a semana em ligeira alta. Saiba tudo o que movimentou os mercados ao longo da semana com o Victor Aguiar.

Sobe no boato, desce no...

...fato. A Oi confirmou a venda de 25% da participação que detém da angolana Unitel para a estatal petroleira Sonagol por US$ 1 bilhão. A operação está prevista no plano de recuperação judicial da companhia e pode dar certo alívio no caixa. Mesmo com a notícia positiva, os papéis da companhia despencaram no pregão desta sexta-feira.

Vamos preservar a cervejinha...

A ideia da equipe econômica liderada pelo ministro Paulo Guedes de criar o “imposto do pecado”, que incidiria sobre cigarros, chocolates e bebidas alcoólicas pode não sair do papel. Pelo menos se depender Jair Bolsonaro. Veja o que presidente disse ao ser questionado hoje por jornalistas sobre a possibilidade do novo tributo.

Bem-vinda, carteira assinada

Depois de tempos difíceis, a situação dos empregos formais parece ganhar certa tração com os sinais de retomada da economia. Segundo dados do Caged, o Brasil criou 644.079 empregos com carteira assinada em 2019, a maior abertura de vagas formais no País desde 2013. Confira os setores que puxaram o resultado positivo e os salários médios de admissão.

Aposentadoria aos 40, Coronavirus e o imposto do pecado

A edição do podcast Touros e Ursos tem um convidado especial: o economista Richard Camargo. O colunista do Seu Dinheiro fala sobre como conquistar a tão sonhada independência financeira. Ele também comenta comigo e com o Victor Aguiar os principais assuntos da semana: os impactos do coronavirus no mercado, a oferta bilionária de ações da Petrobras e a proposta do “imposto do pecado” mencionada por Paulo Guedes. Aperte o play e vem com a gente!

P.S.: Lembrando que as inscrições para o curso Aposente-se aos 40 se encerram hoje. Saiba mais sobre o projeto aqui. 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

O tempo fechou

Crise hídrica piora clima da votação sobre privatização da Eletrobras

Na semana passada, líderes do Senado aumentaram a reação à MP e ameaçaram derrubar a proposta, pedindo até que o texto não fosse pautado

Esquenta dos Mercados

Indicadores econômicos dos EUA devem movimentar o dia, com aumento da cautela antes da ‘Super Quarta’

Depois de um pregão ignorando a Super Quarta, Ibovespa deve sentir o peso da cautela antes da decisão de política monetária no Brasil e nos EUA

E a fila aumenta

BR Partners faz registro de IPO que pode movimentar até R$ 620 milhões

Banco de investimentos fundado por Ricardo Lacerda pretende fazer uma oferta pública de Units, com faixa de preço entre R$ 16 e R$ 19

Pedido ao presidente

Instituto Aço Brasil pede a Bolsonaro para não reduzir tarifa de importação

Na visão do presidente executivo da entidade, Marco Polo de Mello Lopes, não há cenário de excepcionalidade que justifique tal medida

Insights Assimétricos

Preparado para a Super Quarta? O que você precisa saber antes das decisões do Fed e do Copom sobre juros

Um ajuste dos juros, mantendo-os ainda abaixo do neutro (entre 5,5% e 6,5%), seria salutar. Uma alta para além disso, contudo, poderá comprometer a retomada brasileira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies