Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2019-11-22T11:18:04-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

126…144…197 mil pontos para o Ibovespa

21 de novembro de 2019
19:33 - atualizado às 11:18
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Eu vou, sem saber pra onde nem quando vou parar. O clássico de Roberto Carlos “120... 150... 200 Km Por Hora” podia muito bem embalar a leitura desta newsletter.

Assim como o velocímetro do carro na canção do Rei (uma das minhas favoritas), as projeções dos analistas para a bolsa no ano que vem apontam para cima. Bem para cima.

Não sei se foi combinado, mas vários bancos decidiram publicar hoje relatórios com as perspectivas para o mercado brasileiro em 2020. E todos estão bastante otimistas.

Nas contas do BTG Pactual, o Ibovespa poderia chegar ao fim do ano aos 197 mil pontos no melhor dos cenários, o que representa um potencial de alta de 85%. Nada mal, hein?

É claro que, para isso acontecer, seria preciso uma combinação praticamente perfeita, algo com a qual os analistas não trabalham. Ainda assim, no cenário-base o principal índice da bolsa tem potencial para subir 23%.

Em maior ou menor grau, outros bancos também apostam suas fichas na bolsa brasileira. O J.P Morgan avalia que o Ibovespa pode chegar aos 144 mil pontos na projeção mais otimista. O Credit Suisse também coloca o Brasil como destaque entre os emergentes.

Eles podem estar errados? É claro que sim. A palavra risco precisa sempre estar por perto quando você ouvir falar de investimentos em bolsa.

O que eu posso afirmar de antemão é que, qualquer que seja o destino do Ibovespa, o caminho será acidentado. Como também diria Roberto Carlos, é preciso prestar atenção na estrada.

Por isso eu recomendo que você leia a reportagem do Eduardo Campos sobre as projeções do BTG para a bolsa. Lá você encontra os links para as análises dos demais bancos.

Ladeira acima

As projeções para lá de otimistas dos bancos já ajudaram a dar um ânimo extra na bolsa hoje. Na contramão do exterior, que ainda aguarda novidades sobre o acordo entre EUA e China, os agentes financeiros voltaram às compras no mercado de ações. Com isso, o Ibovespa subiu forte e fechou na máxima do dia, em alta de 1,54%. Como se não bastasse, o dólar ainda contribuiu com uma leve queda. Saiba tudo o que movimentou os mercados hoje na cobertura do Victor Aguiar.

Trabalho pra cá, trabalho pra lá

Enquanto o mercado financeiro comemora com a alta da bolsa, outro mercado, o de trabalho, ainda agoniza. Mas alguns dados começam enfim a mostrar alguma recuperação do emprego. Em outubro, foram criadas 70.852 vagas com carteira assinada no país, de acordo com dados do Caged. Trata-se do melhor resultado para o mês desde 2017. Saiba nesta matéria quais foram os setores que puxaram a abertura de empregos.

Papel para comprar

Quem acompanha o mercado de papel e celulose sabe que 2019 definitivamente não foi um ano bom. Depois de a demanda cair em razão da guerra comercial entre Estados Unidos e China e de uma piora nas perspectivas de longo prazo, os analistas do BTG Pactual agora esperam um ciclo de crescimento gradual do setor. Mais otimistas, eles aumentaram o preço-alvo dos papéis de Suzano e Klabin e reiteraram a compra das ações, como conta a Bruna Furlani.

Quanto vale o show?

BTG Pactual tem uma equipe que avalia constantemente se vale a pena ou não comprar uma série de ações na bolsa. Mas será que vale a pena ter ações do próprio banco na carteira? Para os analistas do UBS, a resposta é sim. O banco suíço iniciou a cobertura dos papéis com recomendação de compra e preço-alvo de R$ 82,00. Além da indicação, o UBS faz um exercício sobre o quanto vale a plataforma de investimentos digital lançada pelo banco. Eu conto para você todos os números nesta matéria.

Bilionário e pop

Você já ouviu falar de Kylie Jenner? Eu fui apresentado à celebridade que ficou famosa em um reality show quando li a notícia de que ela conquistou seu primeiro bilhão de dólares (sim, bilhão) com apenas 21 anos. Pois ela não é a única personalidade do mundo da TV, música e das artes a entrar no seleto clube dos bilionários. Conheça os outros quatro artistas que amealharam mais de US$ 1 bilhão  e o que eles fizeram para chegar lá.

Uma ótima noite para você.

Aquele abraço!
Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Carta de Brasília

Bomba fiscal bilionária exigirá coordenação política apurada; saneamento volta ao radar

Acredito que o resultado final dos vetos será positivo para o governo, com a manutenção daqueles que representam maior risco fiscal

perfil

‘Comunicador’ assume Tesouro para ‘virar a chave’

Economista Bruno Funchal segue a cartilha “fiscalista” de Guedes, mas enfrentará o momento de maior pressão desde a aprovação em 2016 do teto de gastos

fique atento

Caixa credita saque emergencial do FGTS para nascidos em março

No total, serão liberados, de acordo com todo o calendário, mais de R$ 37,8 bilhões para aproximadamente 60 milhões de trabalhadores

Planos de expansão

Celulose Irani pode captar mais de R$ 600 mi em follow on e tem planos de migração para o Novo Mercado

Com base no fechamento da última sexta-feira (R$ 4,95), a empresa pode captar R$ 455,5 milhões com a oferta de novas ações e R$155,9 viria da oferta secundária.

retomada

São Paulo reabre parques estaduais a partir desta segunda-feira

Haverá controle do acesso de visitantes aos parques, que permanecerão fechados nos fins de semana

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu