Menu
2020-01-29T07:24:26-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
conflito internacional

Trump revela ‘plano de paz’ para Oriente Médio; palestinos são contrários ao projeto

Israel teria controle sobre a totalidade de Jerusalém como sua capital. O plano também propõe a criação de uma capital da Palestina na periferia a leste de Jerusalém

29 de janeiro de 2020
7:22 - atualizado às 7:24
Donald Trump, presidente dos Estados Unidos
Donald Trump, presidente dos Estados Unidos - Imagem: Shutterstock

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, anunciou o seu "plano de paz" para o Oriente Médio. "É o acordo do século", disse. Mas palestinos já se posicionaram fortemente contra o plano, declarando que ele reflete o posicionamento pró-Israel de Trump.

O plano, que foi apresentado nessa terça-feira (28), propõe a criação de um estado da Palestina que coexista com Israel. O acordo visa a pôr fim a décadas de conflito entre israelenses e palestinos.

De acordo com o plano, Israel teria controle sobre a totalidade de Jerusalém como sua capital. O plano também propõe a criação de uma capital da Palestina na periferia a leste de Jerusalém, do lado de fora de um muro construído por Israel.

A proposta de Trump reconhece a maior parte dos assentamentos israelenses na Cisjordânia como parte do território de Israel.

O presidente fez discurso durante cerimônia realizada na Casa Branca, que contou com a presença do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu. Trump afirmou que vê uma oportunidade vantajosa para as duas partes. Netanyahu disse a Trump que "o acordo é a oportunidade do século", acrescentando que Israel não irá deixá-lo passar.

O presidente da Palestina, Mahmoud Abbas, rejeitou fortemente a proposta. Disse que Jerusalém não está à venda, descrevendo o acordo como uma conspiração que não será aceita.

*Com Agência Brasil e NHK, emissora pública de televisão do Japão

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

seu dinheiro na sua noite

Petróleo, minério e tudo que há de bom

Entre o fantasma do Orçamento com pedaladas, a besta da PEC “fura-teto”, o gigante da CPI da Covid e o monstro da pandemia, o Ibovespa conseguiu hoje engatar a terceira alta seguida e fechar acima dos simbólicos 120 mil pontos, marca que o índice não via desde fevereiro. Mas como pode? Bem, mais uma vez […]

hoje não

Hering rejeita proposta da Arezzo para potencial fusão

Segundo a Cia. Hering, a proposta “não atende ao melhor interesse dos acionistas e da própria companhia”

Polêmica na privatização

CVM vai investigar CEEE por suposta omissão na divulgação de informações

A autarquia começará a apuração de uma denúncia de omissão de fatos relevantes sobre a privatização da estatal gaúcha

FECHAMENTO

Commodities em alta levam o Ibovespa acima dos 120 mil pontos pela primeira vez desde fevereiro; dólar recua

O clima incerto em Brasília segue assombrando os investidores, mas ainda assim a bolsa brasileira consegue fôlego com as commodities para se manter no azul

Combinação promete

Aura Minerals (AURA33): ouro e dividendos no mesmo investimento

Max Bohm, sócio e analista de Empiricus, enxerga um potencial enorme de crescimento na combinação oferecida pela mineradora

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies