Menu
2020-04-15T18:54:08-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
conflitos em brasília

Secretário Wanderson de Oliveira, do Ministério da Saúde, pede demissão

Saída do secretário acontece em meio à pandemia do coronavírus e aos embates entre Bolsonaro e o ministro da Saúde

15 de abril de 2020
12:57 - atualizado às 18:54
49754678111_2375ab7a2d_c
(Brasília - DF, 09/04/2020) Palavras do Secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Oliveira. Foto: José Dias/PR -

O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira, pediu demissão do cargo ocupado no Ministério da Saúde na manhã desta quarta-feira (15).

Oliveira era um dos principais formuladores da estratégia do ministério para combater o novo coronavírus. Ele vinha se queixando a colegas sobre o discurso de Bolsonaro. "Só Deus para entender o que querem fazer", disse.

A saída do secretário acontece em meio à pandemia do coronavírus e aos embates entre o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o ministro da Saúde. O chefe do Executivo insiste em um afrouxamento do isolamento social, contrariando Mandetta, autoridades sanitárias em todo o mundo e governadores.

Mais cedo, a Folha de S. Paulo noticiou que o ministro avisou sua equipe na noite desta terça-feira (14) que deve ser demitido ainda nesta semana. O presidente Jair Bolsonaro já estaria à procura por um substituto.

Mandetta disse que combinou de esperar pela escolha de um novo nome para o Ministério da Saúde, ainda conforme a publicação.

O presidente Jair Bolsonaro ameaçou algumas vezes demitir Mandetta desde o início da crise do novo coronavírus. No centro do embate está a discussão sobre o isolamento social.

Mandetta era sustentado, em parte, pela ala militar do governo. Mas o apoio arrefeceu, conforme relatos da imprensa, após a entrevista concedida para a TV Globo no último domingo (12). Ontem, o vice-presidente Hamilton Mourão disse em entrevista ao Estadão que o ministro havia exagerado no tom.

Mandetta chegou a dizer que a população não sabia se escutava o chefe do Executivo ou o Ministério da Saúde e cobrou uma "fala única" do governo nas orientações sobre o enfrentamento do coronavírus.

Nesta terça-feira, o Ministério da Saúde divulgou que o país tem 1,5 mil mortes e 25,2 mil casos confirmados do novo coronavírus. Mas há diversos estudos indicando que milhares de casos não estão sendo notificados. O número deve aumentar até setembro, segundo projeções do ministério.

*Com informações de Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Mercado aquecido

O minério de ferro virou pedra preciosa — e Vale e siderúrgicas são joias na bolsa

O minério de ferro sobe forte desde 2020 e já vale mais de US$ 200 a tonelada. Um cenário animador para Vale, Gerdau, CSN e Usiminas

Segue na gaveta

Após defender proposta do governo, Guedes afirma não estar surpreso com falta de avanço da reforma administrativa na pandemia

O ministro também criticou a estabilidade após pouco tempo de serviço público, um dos alvos da proposta de reforma do governo

INVESTIMENTOS

ETF de criptomoedas: conheça o HASH11, a oportunidade de comprar bitcoin e outras 5 criptos na bolsa com um clique

Com esse fundo, é possível ter exposição a criptoativos de maneira simples, segura e regulada. Em entrevista ao podcast RadioCash, executivos da gestora brasileira Hashdex explicam quais os riscos e oportunidades do ETF e desse criptomercado, confira:

Na CCJ da Câmara

Reforma administrativa é bastante moderada e foi fruto de muita conversa, diz Guedes

Depois de muito tempo engavetada, a proposta de reforma administrativa foi enviada ao Congresso no começo de setembro do ano passado e não tem impacto na estabilidade e nos salários dos atuais funcionários públicos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies