O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-13T15:16:36-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
FILANTROPIA

MacKenzie Scott, ex-mulher de fundador da Amazon, escolhe o Brasil para primeiro aporte em ONG fora dos EUA

O Vetor Brasil, organização que desenvolve profissionais para o setor público, receberá o dinheiro

13 de janeiro de 2022
15:15 - atualizado às 15:16
120997366_2531360223828941_7741189142698971762_n(1)
Imagem: Foto: Instagram MacKenzie Scott / Elena Seibert

A escritora, ativista e filantropa norte-americana MacKenzie Scott vai fazer, pela primeira vez, um aporte fora dos Estados Unidos. Para isso, a ex-mulher do bilionário Jeff Bezos, fundador da Amazon, escolheu uma Organização da Sociedade Civil (OSC) brasileira: o Vetor Brasil

O aporte será de R$ 4,2 milhões e o valor será investido, principalmente, em tecnologias para o desenvolvimento de novas soluções e campanhas de sensibilização sobre a importância de formar novas lideranças públicas que sejam capazes de promover mudanças sistêmicas.

ATENÇÃO: Seu Dinheiro libera acesso gratuito às 2 criptomoedas MAIS PROMISSORAS para você comprar agora, segundo analista de carteira de criptoativos que acumula 3.500% de lucro desde 2017. De brinde, você ganhará acesso vitalício e de graça à nossa comunidade de investimentos

MacKenzie Scott, eleita a mulher mais influente do mundo em 2021 pela revista Forbes, já doou, desde 2020, mais de US$ 7 bilhões para mais de 500 instituições sem fins lucrativos. 

O Vetor Brasil foi fundado em 2015 e possui três pilares de atuação: formação de lideranças públicas, mudança de cultura na gestão de pessoas e a promoção da diversidade e equidade no setor público.

Os 27 estados da federação contam com, pelo menos, um profissional formado pelo Vetor. Mais de 100 mil candidatos já foram avaliados e cerca de 400 profissionais integram governos liderados por 14 partidos políticos diferentes, sendo que 11 pessoas ocupam posição de liderança na gestão pública.

Antes de ser escolhida, a entidade passou por uma avaliação rigorosa que analisou a trajetória, o planejamento estratégico, as condições financeiras, os projetos e resultados da organização.

Desde o início da pandemia, a ex-mulher de Jeff Bezos, que teve um papel importante no crescimento da Amazon, tem acelerado o ritmo de suas contribuições para amenizar o sofrimento de quem foi afetado pelos efeitos econômicos da crise sanitária.

As doações têm como principal foco áreas em que problemas como: insegurança alimentar, desigualdade racial, pobreza e pouco acesso ao capital filantrópico são prevalentes.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies