Menu
2020-03-26T06:29:21-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
CORONAVÍRUS

Pressão para fim de isolamento vem de investidores da bolsa, diz Maia

Segundo ele, desde a sexta-feira, 20, artigos voltados a investidores começaram a falar da necessidade de não ter isolamento

25 de março de 2020
21:38 - atualizado às 6:29
mcmgo_191219img_05354973
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Um dia após o presidente Jair Bolsonaro criticar a quarentena decretada por governadores em rede nacional, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse, por duas vezes no mesmo dia, que a pressão para o fim da medida vem de investidores que tiveram perdas na bolsa de valores.

Maia também criticou a falta de planejamento estratégico com idosos de baixa renda para a sugestão de "isolamento vertical" feita pelo governo.

"Aqueles que colocaram recursos na Bolsa de valores, esperando a prosperidade com a Bolsa a 150 mil pontos, a 180 mil pontos. A Bolsa caiu, como caiu no mundo inteiro, porque essa não é uma crise do Brasil, é uma crise mundial que atinge o Brasil", disse.

Segundo ele, desde a sexta-feira, 20, artigos voltados a investidores começaram a falar da necessidade de não ter isolamento.

"Nós colocarmos as vidas dos brasileiros em risco por uma pressão de parte de brasileiros que investiram na Bolsa e está perdendo dinheiro. Quem foi para o risco, foi para o risco. O que a gente precisa é continuar seguindo a orientação do Ministério da Saúde", afirmou.

Maia havia feito o mesmo comentário hora antes, em teleconferência com governadores. Ele disse que falta previsibilidade aos brasileiros.

"Se o governo já tivesse resolvido a renda dos brasileiros mais simples, uma política de isolamento dos idosos nas cidades com maior número de comunidade, Rio e São Paulo, se o governo já tivesse garantido a renda do emprego pelo menos daqueles que ganham até o teto do INSS, nós teríamos garantido previsibilidade." Maia classificou a pressão de equivocada.

Maia questionou ainda a ideia de isolamento vertical, citada ontem por Bolsonaro. "Como você propõe isolamento vertical se não tem política para isolar idosos de baixa renda", afirmou. "Não há preocupação para esses brasileiros que vivem em ambientes pequenos, com muita gente que, com certeza, saindo para trabalhar, contaminarão milhares de idosos", disse.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

balanços 3º tri

Hypera Pharma atinge maior receita da história e lucro cresce 29,4% no terceiro trimestre

A Hypera Pharma (HYPE3) anunciou nesta sexta-feira (23) que alcançou a sua maior receita líquida desde que passou a concentrar as suas operações exclusivamente no mercado farmacêutico no terceiro trimestre. De julho a setembro, a companhia registrou uma receita líquida de R$ 1,0885 bilhão, crescimento de 7,9% em comparação com o mesmo período do ano […]

Mudanças no time

BB Seguridade anuncia Marcio Hamilton Ferreira como novo diretor-presidente

Ferreira é graduado em Administração de empresas e desde janeiro ocupava o cargo de Diretor-Presidente da Brasilprev, empresa investida da BB Seguridade.

Multa de US$ 40 milhões

Justiça dos EUA aprova acordo para encerramento de ação coletiva, diz BRF

A empresa pagou a quantia de US$ 40 milhões para encerrar todas as demandas pendentes e que possam vir a ser propostas por pessoas ou entidades

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Um grande passo para a Arezzo

A Arezzo, rede de lojas de calçados femininos presente em boa parte dos shoppings brasileiros, abriu o capital na bolsa em 2011. Se você buscar no Google, provavelmente vai encontrar a matéria que eu escrevi na época sobre o IPO da empresa. Eu inclusive estive na sede da antiga BM&FBovespa (atual B3) na manhã do […]

fechando a conta no azul

Perdeu, mas ganhou: Ibovespa tem correção e cai, mas termina semana em alta; juros disparam com inflação

Índice não conseguiu manter toada positiva vista em outros dias e recuou com quedas de bancos e Petrobras; dólar sobe com inflação maior à vista

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies