2020-04-07T11:07:24-03:00
Estadão Conteúdo
atritos em brasília

Maia cita Mandetta e diz que Bolsonaro ‘ouve mais rede social do que Congresso’

Ao falar do presidente, Maia destacou que seria bom no segundo semestre ele manter uma boa relação com o Congresso Nacional

7 de abril de 2020
11:05 - atualizado às 11:07
img_1126df
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) disse na manhã desta terça-feira, 7, que tinha certeza que o presidente Jair Bolsonaro não iria demitir o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. Na segunda, o ministro foi novamente alvo dos ataques do mandatário e circularam informações de que ele estaria fora do governo.

"Bolsonaro não vai demitir um ministro popular como ele. A decisão de manter Mandetta não foi política, Bolsonaro ouve mais as redes sociais do que o Congresso", disse Maia, destacando que o mandatário é uma pessoa inteligente, ao contrário do que muitos pensam, e como o ministro da Saúde conquistou a confiança da sociedade, sabe que não pode tirá-lo do posto.

Maia participa de uma "live" nesta manhã, promovida pela Necton Investimentos, com o tema "Orçamento e saúde fiscal de longo prazo: desafios estruturais", Conduzido por Marcos Maluf, CEO da Necton, e o economista-chefe da corretora, André Perfeito.

Ao falar do presidente Jair Bolsonaro, Maia destacou que seria bom no segundo semestre ele manter uma boa relação com o Congresso Nacional. O presidente da Câmara disse que não apenas o Brasil, mas vários outros países, irão aumentar o seu nível de endividamento. "Me preocupa a segunda onda de gastos que o governo terá que fazer para retomar investimentos", afirmou, destacando que no longo prazo as coisas voltarão ao normal, mas no curto governo terá que retomar investimentos.

Indagado sobre o uso do fundo eleitoral para o combate ao coronavírus, como defendem alguns segmentos, Maia disse: "Eu até acho que o fundo eleitoral já foi usado; debate é só para enfraquecer Parlamento". E voltou a dizer que é o momento de o governo usar os recursos que dispõe em meio à crise. "Só não se pode pensar que eleição - para a democracia - não é importante."

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

DESTAQUES DO DIA

Commodities brilham e Gerdau (GGBR4), Braskem (BRKM5) e PetroRio (PRIO3) puxam recuperação do Ibovespa

Enquanto o Ibovespa sobe mais de 1%, o bom desempenho das empresas ligadas ao setor de commodities puxam a recuperação do índice

Bitcoin (BTC) hoje

Bitcoin começa dezembro em alta e se mantém nos US$ 58 mil; Terra (LUNA) e Shiba Inu (SHIB) são destaques entre as altcoins

As criptomoedas deixam para trás um final de mês difícil e avançam apesar das últimas declarações da secretária do Tesouro dos EUA sobre a regulamentação de stablecoins

Conteúdo NovaDAX

NovaDAX diversifica portfólio com listagem de cinco novas moedas

Os investidores da plataforma agora tem mais opções de trade

BURACO NEGRO

Empresa de Elon Musk à beira da falência? Bilionário admite que o risco é real se a SpaceX não decolar

Em e-mail enviado aos funcionários, CEO descreve a existência de uma crise muito pior do que a imaginada no desenvolvimento dos motores Raptor

Índice em expansão

Casa cheia: Porto Seguro (PSSA3) e Positivo (POSI3) entram na primeira prévia do novo Ibovespa

As units da GetNet (GETT11) foram excluídas da carteira nessa primeira prévia; com isso, o Ibovespa começaria 2022 com 93 ativos