2020-03-13T08:55:43-03:00
para lidar com coronavírus

Conheça as primeiras medidas do governo para estimular a economia diante do coronavírus

Governo vai antecipar primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas do INSS e estuda nova rodada de saque do FGTS

13 de março de 2020
6:41 - atualizado às 8:55
Imagem: Shutterstock

Em meio ao surto do coronavírus, o Ministério da Economia anunciou na quinta-feira (12) à noite uma série de medidas para estimular a economia. A principal ação é a antecipação da primeira parcela do 13º salário dos aposentados, que deve injetar R$ 23 bilhões na economia. Há ainda uma discussão sobre a liberação de uma nova rodada de saque imediato do FGTS.

As medidas foram discutidas em um comitê que inclui representantes de oito secretarias especiais do Ministério da Economia. Esse grupo é coordenado pelo secretário executivo Marcelo Guaranys.

Veja aqui a lista de medidas

Antecipação do 13º para aposentados

A primeira parcela do 13º dos beneficiários do INSS será paga entre o fim de março e o início de abril.

Mudanças nos empréstimos consignados

A proposta será enviada pelo Ministério da Economia na semana que vem ao Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS). A ideia é reduzir o limite de taxa de juros para empréstimos consignados em folha de pagamento.

Em outra frente, será proposto ao Congresso Nacional a ampliação da margem do salário que pode ser comprometida com a parcela do financiamento. Atualmente o limite é de 30% para contratação de empréstimos.

Prova de vida suspensa

A prova de vida, uma das exigências para a manutenção de benefícios do INSS, está suspensa por 120 dias.

Nova rodada de saque do FGTS (em estudo)

Segundo o secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, uma nova liberação do FGTS dos trabalhadores está em estudo. Em 2019, foi liberado o saque aos cotistas do fundo de até R$ 500 por conta.

Redução de tarifas para remédios importados

O Ministério da Economia informou que trabalha junto com o Ministério da Saúde para fazer uma lista de produtos médicos e hospitalares importados que terão redução de tarifa.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

MUDANDO A RECOMENDAÇÃO

Itaú BBA vê Gerdau (GGBR4) como ação defensiva, mas a siderúrgica que pode subir mais de 50% é outra; confira as apostas do banco

A queda de mais de 39% das ações da Usiminas abriram um bom ponto de entrada, segundo os analistas do Itaú BBA

Análise SD

Jogou a toalha? Azul (AZUL4) critica plano de recuperação da LATAM e dá a entender que não vai aumentar a proposta

A Latam pretende injetar mais de US$ 8 bi com as medidas de seu plano de recuperação judicial, cifra superior à proposta pela Azul (AZUL4)

bitcoin (BTC) hoje

Alívio com variante da covid-19 chega primeiro ao mercado de criptomoedas e bitcoin (BTC) volta aos US$ 57 mil

O mercado de criptomoedas, que não para nunca, sentiu o alívio ainda no final do sábado (27) e segue em alta hoje

Radiocash

“Esses 4 milhões de pessoas na Bolsa vieram para ficar”, diz Gustavo Cerbasi

Com 16 livros publicados e 1,5 milhão de seguidores no Instagram, o ex-professor universitário encara com cautela a fama, e rejeita alguns rótulos

Ao acionista com carinho

Ação da Petrobras (PETR4) pode render 100% só em dividendos nos próximos cinco anos

Relação ‘risco-recompensa’ é como comparar um formigueiro ao Everest, avalia o UBS