Menu
2020-03-25T11:01:12-03:00
após pronunciamento

Governadores que tiveram audiência com Bolsonaro dizem que ele omitiu a opinião

Em rede nacional de rádio e TV, Bolsonaro defendeu o relaxamento das medidas de combate ao coronavírus, que já matou 46 pessoas no País

25 de março de 2020
11:00 - atualizado às 11:01
03/02/2020 Visita às instalações da TV Band São Paulo/SP
(São Paulo - SP, 03/02/2020) Presidente da República Jair Bolsonaro visita às instalações da TV Band São Paulo/SP. - Imagem: Carolina Antunes/PR

Governadores do Nordeste e do Centro-Oeste que participaram de audiências virtuais com o presidente Jair Bolsonaro alegam que ele omitiu sua opinião e "preferiu o silêncio" durante as rodadas de conversas com os chefes dos executivos estaduais. As audiências ocorreram nestas segunda e terça-feiras, numa tentativa do Palácio do Planalto de melhorar a interlocução com os governadores.

Em rede nacional de rádio e TV, Bolsonaro defendeu na terça-feira, 24, o relaxamento das medidas de combate ao coronavírus, que já matou 46 pessoas no País. O governador do Amapá, Waldez Góes (PDT), disse que, na reunião, Bolsonaro não expôs o posicionamento que, na noite de terça apresentou na TV. "O presidente teve a oportunidade de expor suas opiniões ao debate ontem (segunda-feira) e hoje (terça) nas conferências com os governadores. Por algum motivo, preferiu o silêncio", afirmou.

Ao contrário do que propõe Bolsonaro, Waldez disse que o Amapá vai manter todas as medidas de redução de circulação das pessoas. "Todas as medidas de enfrentamento à pandemia do coronavírus estão mantidas. Não há qualquer chance de relaxamento".

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), também afirmou que, após o discurso presidencial desta terça-feira, tem pouca esperança na melhoria das ações do governo. "Pronunciamento de hoje (terça) mostra que há poucas esperanças de que Bolsonaro possa exercer com responsabilidade e eficiência a Presidência da República. Os danos são imprevisíveis e gravíssimos", declarou Dino.

Outro que se reuniu com o presidente por videoconferência foi o governador do Piauí, Wellington Dias. "Eu, no Piauí, tive que tomar medidas duras, como suspender cirurgias eletivas que estavam já marcadas. Seguindo a orientação do ministro da Saúde, corretamente, para garantir vagas para quem precisar. Senhor presidente, não se faz isso apenas por conta de uma gripezinha", disse Dias, em referência ao termo usado por Bolsonaro.

Governadores de outros cinco Estados, incluindo João Doria (PSDB), de São Paulo, e Wilson Witzel (PSC), do Rio - que têm videoconferência prevista para a manhã desta quarta-feira com Bolsonaro - , também se manifestaram duramente contra o pronunciamento do presidente.

Doria e Witzel são, no momento, os principais adversários políticos de Bolsonaro. Os dois pretendem disputar o Palácio do Planalto, em 2022, e o presidente quer concorrer à reeleição.

Witzel reforçou nas redes sociais o pedido para que as pessoas não saiam de casa. "Em tempos de crise e desinformação, reafirmo o mesmo que todas as autoridades de saúde do mundo: fique em casa, lave as mãos e proteja quem você ama", insistiu ele.

Já o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), afirmou que o discurso do presidente foi "desconectado das orientações dos cientistas, da realidade do mundo e das ações do ministério da Saúde". "Confunde a sociedade, atrapalha o trabalho nos Estados e Municípios, menospreza os efeitos da pandemia. Mostra que estamos sem direção", escreveu o governador em sua conta oficial no Twitter.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

efeito coronavírus

PIB do Brasil deve cair 2% em 2020, diz Fitch; América Latina deve encolher 2,6%

Projeção de queda para o PIB da América Latina é maior do que a observada durante a crise financeira global de 2008/2009

medida de prevenção

Doria estende em 15 dias quarentena em São Paulo

Segundo o governo, contágio já chegou a cem cidades paulistas; recomendação é que as pessoas fiquem em casa; serviços considerados essenciais continuam em funcionamento

país contra o coronavírus

Plano contra coronavírus não inclui socorro a grandes empresas e bancos no México

Programa do governo é calcado na ampliação de programas sociais e em investimento público para fomentar o emprego.

medida anticrise

CMN aumenta valor máximo de depósitos a prazo com garantia especial (DPGE)

Limite por titular passou de R$ 20 milhões para R$ 40 milhões; autorizado no dia 26, o DPGE também foi utilizado para dar liquidez ao mercado

de olho na recuperação

BC cria linha de crédito especial com recursos de fundos constitucionais

Segundo fontes, a estimativa é de que cerca de R$ 6 bilhões poderão ser disponibilizados pelos bancos às empresas que estão nas regiões atendidas por esses fundos

Situação de emergência

Argentina posterga pagamento de até US$ 10 bilhões da dívida pública para 2021

Texto do decreto cita a declaração de emergência nacional, em meio ao avanço da covid-19, para justificar a medida.

movimento global

BC de Israel corta taxa básica de juros de 0,25% para 0,1%

Para autoridade monetária do país, há uma excepcional volatilidade na taxa de câmbio, considerando as dificuldades da liquidez em dólar

olho no indicador

Investimentos sobem 1,2% em fevereiro ante janeiro, diz Ipea

Resultado sucedeu um avanço de 7,9%, deixando um carry-over de 5,4% para o primeiro trimestre de 2020

ficou para amanhã

Câmara adia sessão com plano Mansueto desta segunda para a terça-feira

Na sexta-feira, o plenário aprovou a urgência do projeto por 440 votos a favor e 15 contra

Arsenal contra o coronavírus

BC restringe pagamento de dividendos e aumento de salários e bônus pelos bancos

O objetivo é manter o máximo de recursos possíveis dentro dos bancos para que eles possam manter o crédito e absorver perdas futuras em meio à pandemia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements