Menu
2020-03-11T14:57:37-03:00
Estadão Conteúdo
segue o jogo

CMO decide seguir com análise de projeto que garante R$ 15 bi ao Congresso

Ao mesmo tempo, o plenário do Congresso Nacional realiza uma sessão para votar vetos presidenciais

11 de março de 2020
14:57
49648106881_9d93c57a42_k
Senadora Kátia Abreu (PDT-TO) - Imagem: Marcos Oliveira/Agência Senado

A Comissão Mista de Orçamento (CMO) decidiu seguir com a análise do projeto que entrega ao Congresso o controle de R$ 15 bilhões em emendas indicadas pelo relator do Orçamento. Ao mesmo tempo, o plenário do Congresso Nacional realiza uma sessão para votar vetos presidenciais.

A continuidade da reunião da CMO apesar da sessão em plenário foi autorizada pela presidência do Congresso. Em dezembro, isso já aconteceu quando a comissão votava a Lei Orçamentária Anual. Parlamentares contrários ao projeto que trata sobre as emendas de relator tentam obstruir a sessão para adiar a votação.

A decisão de continuar ocorreu em meio a bate-boca na CMO. A senadora Kátia Abreu (PDT-TO) fez um discurso acalorado colocando no alvo os parlamentares que se manifestaram contra a proposta. De acordo com ela, é preciso rebater o discurso de que o Congresso estaria "atrás de dinheiro".

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) afirmou que a colega havia feito um declaração anterior afirmando que não se podia entregar R$ 30 bilhões para um "doido" administrar. "Alguém acha aqui que é no grito que resolvem as coisas?" questionou o parlamentar. "É mentira sua. Você é desonesto, desonesto intelectual", rebateu Kátia Abreu.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

análise dos balanços

Juntos, Santander, Itaú e Bradesco têm salto no lucro, mas saúde financeira não tranquiliza mercado

Um contraste fica visível na comparação entre Santander e Itaú, principalmente: o comportamento da margem financeira das operações com clientes

Desmatamento em foco

Varejistas europeus ameaçam boicote a produtos do Brasil por risco à Amazônia

O movimento foi visto como “precipitação” por empresários brasileiros que acompanham dois projetos de lei que tramitam no Congresso sobre o tema

CÉU DE BRIGADEIRO

No pós-Copom, Ibovespa tem tudo para amanhecer com céu azul e sol brilhante

Com o Banco Central fora da cena principal, bolsa brasileira tem tudo para acompanhar o apetite por risco no exterior

Troca de presidência

Carlos Brito vai deixar o comando da AB InBev em 1º de julho

O substituto de Brito no comando da AB InBev também é brasileiro: o engenheiro catarinense Michel Dukeris, que ingressou na AmBev em 1996

primeiro trimestre

TIM anuncia alta de 57,9% do lucro e venda de controle da FiberCo

Receita líquida somou R$ 4,340 bilhões, ligeira alta de 3% sobre igual período do ano anterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies