Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-03-31T20:25:00-03:00
Estadão Conteúdo
Sem tensão

Bolsonaro indica que Mandetta está mantido no cargo e não assina voucher nesta 3ª

O presidente Jair Bolsonaro amenizou o clima de tensão vivido nos últimos dias com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta

31 de março de 2020
20:24 - atualizado às 20:25
27/01/2020 Sessão de abertura do Seminário Empresarial Brasil-
(Nova Delhi - Índia, 27/01/2020) Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante a Sessão de abertura do Seminário Empresarial Brasil-Índia. - Imagem: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro amenizou o clima de tensão vivido nos últimos dias com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. Ao chegar no Palácio da Alvorada, no início da noite desta terça-feira, 31, o presidente foi questionado se o chefe da pasta da Saúde fica no cargo.

"Comigo ninguém vai viver sob tensão, está bem o Mandetta", disse Bolsonaro. Nos últimos dias, o próprio presidente tem descumprindo recomendações da Organização Mundial de Saúde e do Ministério da Saúde, incentivando a população a deixar o isolamento e os lojistas a abrirem os comércios. Isso tem provocado atrito entre o presidente e Mandetta.

Na entrada do Alvorada, Bolsonaro foi cobrado por apoiadores sobre o voucher, de R$ 600, aprovado pelo Congresso. Ele disse "que vai sancionar o mais rápido possível", mas não estabeleceu uma data para o decreto ser assinado.

"Estamos correndo atrás porque tem vetos que precisam ser justificados. Não é só botar o X, não", disse ele, destacando que dependia do Paulo Guedes, ministro da Economia, a liberação para assinatura.

A reportagem questionou Bolsonaro sobre a postagem do diretor da OMS no Twitter, defendendo o isolamento. Na manhã desta terça, 31, o presidente distorceu uma fala do diretor para levar seus apoiadores a acreditarem que a Organização quer que a população volte ao trabalho.

"Ele falou ontem. Falou está falado. Ele deu azar, foi gravado", afirmou Bolsonaro, às gargalhadas.

Remédios

Bolsonaro chegou ao Alvorada depois de deixar o Planalto e gravar, segundo ele, seis minutos de pronunciamento oficial que deve ir ao ar na TV na noite de hoje. O presidente não quis dar detalhes da mensagem que vai passar em rede nacional.

Ele comentou, porém, que conseguiu negociar com a indústria farmacêutica um atraso de dois meses no reajuste da medicamentos. "Conversamos com toda indústria farmacêutica. Seria reajustado amanhã em torno de 4%."

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

ÚLTIMO ADEUS?

De malas prontas para deixar a B3, Banco Inter (BIDI11) reverte prejuízo em lucro líquido de R$ 19,2 milhões no terceiro trimestre

O banco digital também celebrou a marca de 14 milhões de clientes no período, um salto de 94% na comparação com o terceiro trimestre de 2020

Tecnologia em foco

As big techs na balança: veja como foi o trimestre de Google, Microsoft e Twitter

Três das principais big techs americanas reportaram seus balanços nesta noite; veja como se saíram Alphabet/Google, Microsoft e Twitter

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Pressão nos juros, Elon Musk mais rico e o brilho das ações das elétricas

As projeções de bancos e economistas para a alta da Selic não param de subir. É possível ver essa tendência semanalmente no boletim Focus, divulgado toda segunda-feira pelo Banco Central, em relatórios de diversas casas de análise e na curva dos juros futuros — que não param de ser revisados para patamares cada vez mais […]

ACIONISTAS FELIZES

Farra dos dividendos: Santander (SANB11), Klabin (KLBN11) e Porto Seguro (PSSA3) anunciam proventos; banco espanhol vai pagar R$ 3 bilhões aos acionistas

Confira mais detalhes sobre os valores por ação, previsão para o pagamento e a data-limite para entrar na festa de cada uma das três empresas

MERCADOS HOJE

Ibovespa volta a cair mais de 2% na véspera da decisão do Copom; inflação salgada e fiscal deteriorado comandaram o dia

O mercado financeiro aguarda ansioso pelas palavras do BC, que devem pesar a recente deterioração do cenário fiscal e a elevação dos preços. O Ibovespa teve novo dia de perdas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies