Menu
2020-04-29T18:13:41-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
Decisão do BC americano

Federal Reserve mantém juro parado e vê manutenção como adequada até retomada

Fed sinaliza que apenas mudará taxa de juros após avaliar resultados e expectativas relacionadas à meta de emprego e inflação

29 de abril de 2020
15:07 - atualizado às 18:13
Jerome Powell, presidente do Federal Reserve
Jerome Powell, presidente do Federal Reserve -

O Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, decidiu manter a taxa básica de juros do país estável na faixa entre 0 ponto e 0,25 ponto, segundo comunicado oficial do Comitê Federal de Mercado Aberto (o FOMC, na sigla em inglês).

No informe de hoje, o comitê disse considerar adequada a manutenção da taxa no atual nível corrente até que a economia tenha resistido aos eventos recentes e esteja "no caminho" de alcançar o nível máximo de emprego e a estabilidade de preços.

O Fed também ressaltou que continuará monitorando as implicações das informações recebidas para as perspectivas econômicas, citando tanto a saúde pública como desenvolvimento global e a "silenciada" pressão inflacionária.

Futuro dos juros

O comitê sinalizou que apenas fará alteração na taxa de juros após avaliar resultados e expectativas relacionadas à meta de emprego e inflação.

Segundo o documento, serão avaliados os resultados econômicos e as condições econômicas esperadas relativas à meta máxima de emprego e à meta simétrica de inflação 2% "ao determinar o tempo e o tamanho de futuros ajustes na postura da política monetária".

O presidente do Fed, Jerome Powell, disse em coletiva que o banco central americano está preparado para elevar o nível de estímulos já em atuação, ao citar que a pandemia pesará na economia. A capacidade de conceder crédito de emergência, por exemplo, é "algo que podemos fazer mais", disse ele.

"Pode muito bem ser o caso de que a economia precise de mais apoio", afirmou Powell. "Por ora, acreditamos que nossa postura atual é apropriada."

O banco reiterou no comunicado que "usará suas ferramentas e atuará conforme apropriado para apoiar a economia". Em reação à pandemia do novo coronavírus, o Fed cortou o juro em 1,5 ponto em duas reuniões extraordinárias em março.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

dados do ministério da saúde

Brasil tem 1,1 mil mortes por covid-19 registradas em 24 horas

Com os novos óbitos, o total de vidas perdidas para a pandemia subiu para 211.491, segundo o Ministério da Saúde

seu dinheiro na sua noite

As incertezas da vez

Não sei vocês, mas desde que a pandemia de coronavírus começou, minha vida e rotina mudaram tanto, que tem estado difícil fazer planos para o futuro e ter boas perspectivas, do ponto de vista pessoal e social. Entrei no modo “um dia de cada vez”, já que ainda não temos uma data certa de quando […]

FECHAMENTO

Do céu ao inferno: Incertezas com vacinação pesam, Ibovespa derrapa e vai na contramão de NY

Enquanto o otimismo predominava nas bolsas americanas, por aqui as incertezas sobre a efetividade da campanha de vacinação contra a covid-19 se acumulavam

empresário bolsonarista

Luciano Hang, dono da Havan, está internado com covid-19 em São Paulo

Hang, ao lado de outros empresários bolsonaristas, tem promovido tratamentos sem comprovação científica como forma de prevenção à covid-19

dados da anp

Produção da Petrobras em dezembro fica abaixo dos 2 milhões de barris diários

Somada ao gás natural, a produção da estatal em dezembro ficou em 2,545 milhões de barris de óleo equivalente por dia,

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies