Menu
2020-09-01T13:10:44-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
efeito covid-19

Zoom revisa projeções para 2020 e ações disparam mais de 35%

Salto no preço dos papéis levou a companhia de tecnologia a atingir um valor de mercado superior ao de empresas mais consolidadas, como Boeing e Starbucks

1 de setembro de 2020
13:10
Zoom
Imagem: Shutterstock

Uma das muitas mudanças provocadas pela pandemia do coronavírus foi o aumento exponencial no uso das plataformas de videoconferências.

Se antes elas aconteciam de forma esporádica, agora é quase impossível passar pelo menos um dia sem se ver em uma reunião online. Essa é só uma das demandas que precisaram ser atendidas com a necessidade do trabalho remoto.

E quem está aproveitando o bom momento é a Zoom. A empresa de tecnologia, especializada em plataformas de videoconferência, já se valorizou mais de 500% desde o começo do ano e atingiu uma nova marca histórica.

Após uma disparada de mais de 35% no valor das ações, a empresa atingiu um valor de mercado de quase US$ 122 bilhões. O valor é superior ao de empresas mais consolidadas como Boeing e Starbucks, além de ser maior que o valor de mercado da General Motors e Ford combinadas.

O salto no valor dos papéis se deu após a empresa apresentar resultados melhores do que o esperado no segundo trimestre e aumentar as suas projeções de receita para o fim de 2020.

Nos últimos meses, a empresa, que também oferece serviços gratuitos, viu um crescimento no número de assinantes para os seus serviços. No segundo trimestre, a receita da companhia foi quatro vezes maior do que o mesmo período do ano passado, chegando a US$ 663,5 milhões. Os resultados vieram acima das expectativas dos analistas de Wall Street.

A projeção da empresa é uma receita de quase US$ 2,4 bilhões, muito superior ao valor de US$ 910 milhões projetado no início do ano.

Fundada em 2011, o software do Zoom só foi lançado em 2013 - 7 anos atrás. 2019 foi o primeiro ano em que a companhia deu lucro. A estreia na bolsa de valores aconteceu em abril de 2019, quando a companhia terminou o primeiro dia de negociações avaliada em US$ 16 bilhões. Desde então, os papéis já se valorizaram mais de 1.200%

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

demandas em meio à crise

Concessões no crédito livre sobem 0,5% em agosto, revela BC

Em agosto, no crédito para pessoas físicas, as concessões subiram 2,1%, para R$ 153,3 bilhões. Em 12 meses até agosto, há alta de 3,0%.

análise

Duratex pode subir 22%, diz Goldman Sachs: ‘Melhor trimestre em 10 anos’

Analistas do banco veem alta demanda em todas as áreas de atuação da empresa, impulsionada pela retomada do mercado imobiliário no País; ação sobe 6% nesta segunda

EXILE ON WALL STREET

TINWO: carta a um jovem investidor

Investimento tem seu próprio momento de maturação; para amadurecê-lo, não há como apressar sua seiva

K-POP NA BOLSA

Agência de K-pop Big Hit faz oferta de ações na bolsa e deixa membros do BTS multimilionários

A companhia, que captou mais de US$ 820 milhões e fará a sua estreia no índice KOSPI em outubro, pretende pegar carona na popularidade crescente de suas estrelas

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta segunda-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements