Menu
2020-12-30T12:43:37-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
justiça

Petrobras recebe R$ 232,6 milhões de acordo de leniência firmado pela Lava Jato

Recursos foram pagos pela Vitol, que subornou funcionários da estatal para receber vantagens na compra de petróleo e combustíveis

30 de dezembro de 2020
12:43
Petrobras
Imagem: shutterstock

A Petrobras (PETR4) anunciou na terça-feira (30) à noite que recebeu R$ 232,6 milhões em decorrência do acordo de leniência firmado entre o Ministério Público Federal (MPF) e a Vitol, no âmbito da Operação Lava Jato.

Uma das maiores tradings de petróleo do mundo, atuando na compra e venda da commodity e derivados, a Vitol foi um dos alvos da 57ª fase da Lava Jato, batizada Operação Sem Limites, deflagrada em 2018.

Na ocasião, a Polícia Federal (PF) cumpriu um total de 37 ordens judiciais, entre mandatos de busca e apreensão e prisões preventivas no Paraná e no Rio de Janeiro, um dos alvo sendo a Vitol.

A investigação apontou a existência de uma organização criminosa atuando na parte de trading, com pagamento de propinas a executivos da estatal.

Em acordo firmado com Departamento de Justiça dos Estados Unidos, um executivo da Vitol admitiu pagamentos indevidos a funcionários da Petrobras para saber o preço que a empresa deveria apresentar para vencer as licitações de venda de petróleo.

Com este pagamento, a Petrobras já recebeu de volta mais de R$ 4,8 bilhões em recursos recuperados por meio de acordos de colaboração, leniência e repatriações firmados no âmbito da Lava Jato.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

mudanças na estatal

Conselheiro recém-eleito da Petrobras renuncia

Marcelo Gasparino da Silva foi eleito no último dia 12; executivo indica medida como “irrevogável”

seu dinheiro na sua noite

B3 Fashion Week

A semana de moda da bolsa brasileira está pegando fogo! Flashes por todos os lados, comentários entusiasmados, queixos caídos a cada novo desfile. As grandes marcas não pouparam esforços para a coleção outono/inverno — e, como era de se esperar, um intenso burburinho toma conta dos bastidores. Essa sexta-feira foi particularmente animada, com a Renner […]

Moradia classe A

Pandemia, juros baixos e dólar caro: combo impulsiona o mercado de imóveis de luxo

Uma combinação que prejudicou boa parte das empresas brasileiras acabou beneficiando o segmento imobiliário de alto padrão

fechamento da semana

Brasília impede Ibovespa de decolar, mas saldo da semana ainda é positivo; dólar vai a R$ 5,58

No Brasil, o que garantiu um bom desempenho do Ibovespa foi a alta das commodities e a recuperação econômica de Estados Unidos e China.

em encontro com investidores

Arthur Lira sinaliza que Orçamento será resolvido ‘sem rupturas’

Presidente da Câmara mencionou ainda o posterior encaminhamento da reforma administrativa e ainda o início das discussões sobre a privatização da Eletrobras

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies