Menu
2020-05-25T20:40:45-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
Olho no balanço

Magazine Luiza tem lucro líquido de R$ 30,8 milhões no 1T, em queda de 77%

Empresa estima que as lojas físicas deixaram de vender cerca de R$ 500 milhões nos últimos dias de março com o fechamento pelas medidas de isolamento social

25 de maio de 2020
20:40
Magazine Luiza
Imagem: Divulgação

O Magazine Luiza divulgou que teve lucro líquido de R$ 30,8 milhões no primeiro trimestre de 2020, um tombo de 76,7% em relação a igual período de 2019, segundo comunicado desta segunda-feira (25). O resultado reflete o fechamento de lojas físicas em razão do coronavírus, o que reduziu em R$ 500 milhões as vendas em março.

No período trimestral, a receita líquida alcançou R$ 5,2 bilhões, alta de 20,9% na base anual. O Ebitda foi de R$ 332,6 milhões, em queda de 15,9%. A margem Ebitda ajustada passou de 8,9% para 5,2% no trimestre inicial do ano.

"O crescimento das vendas e o resultado positivo do e-commerce contribuíram novamente para o EBITDA", informou a empresa.

"Entretanto, a perda de vendas decorrente do fechamento temporário das lojas físicas e o aumento das despesas em relação à receita líquida influenciaram a margem."

Vendas

Vendas totais, incluindo lojas físicas, e-commerce tradicional e marketplace, cresceram 34,0% para R$ 7,7 bilhões, um reflexo do aumento de 72,6% no e-commerce total e 6,7% nas lojas físicas.

O Magazine Luiza também destacou a performance das 198 lojas inauguradas nos últimos 12 meses, com vendas acima das expectativas.

"O forte crescimento nas vendas totais do 1T20 foi alcançado mesmo com o fechamento temporário das lojas físicas no final de março, em função da evolução da pandemia do covid-19 no Brasil", disse o Magazine Luiza.

A empresa estima que as lojas físicas deixaram de vender cerca de R$ 500 milhões nos últimos dias de março com o fechamento pelas medidas de isolamento social, o que elevaria o crescimento mesmas lojas de -4,5% para aproximadamente +8% no primeiro trimestre inicial.

Enquanto isso, as vendas do e-commerce cresceram 72,6% no 1T20, comparado ao crescimento do mercado de 23,8%, representando 53,3% das vendas totais. No e-commerce tradicional, as vendas evoluíram 47,5%. O marketplace contribuiu com vendas adicionais de R$1,2 bilhão, crescendo 184,8% e representando 30,1% do e-commerce total.

Dívida e caixa

A dívida líquida do Magazine Luiza ficou em R$ 1,76 bilhão ao fim do primeiro trimestre de 2020.

A empresa informou que encerrou o trimestre com posição total de caixa de R$ 4,6bilhões, levando em conta o caixa e aplicações financeiras de R$ 2,6 bilhões mais R$2,0,bilhões em recebíveis de cartão de crédito.

O Magazine Luiza disse também que concluiu no início de abril uma emissão de debêntures de R$ 800,0 milhões, elevando sua posição de caixa total para R$ 5,4 bilhões.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

reta final de negociações

Senado americano aprova “pacote Biden” de US$ 1,9 trilhão

Agora, o pacote voltará para a Câmara dos Representantes, que analisará as alterações feitas no texto pelos senadores. Se for aprovado, o projeto será enviado à Casa Branca para a sanção do presidente

entrevista

‘Episódio Petrobras deu um susto grande nos investidores’, diz economista do Itaú

O economista-chefe do Itaú Unibanco, Mario Mesquita, diz também estar preocupado com as incertezas políticas, que ameaçam o crescimento do PIB

Dificuldades À vista?

Deputados falam em reduzir medidas de ajuste fiscal do texto da PEC do auxílio

Embora defenda celeridade na análise da proposta, Albuquerque admite que o texto pode ser enxugado

escolha da CEO

Investir no Brasil: se correr o bicho pega, se ficar o bicho come

Confira uma seleção de matérias feita pela CEO do Seu Dinheiro, Marina Gazzoni

Efeitos da pandemia

PEC do auxílio aprovada no Senado prevê abater R$ 100 bi da dívida pública

Pelos cálculos do governo, a necessidade de financiamento da dívida pública federal (DPF) neste ano é de R$ 1,469 trilhão, valor que aumentou por causa do maior volume de títulos de curto prazo que o governo precisou emitir para conseguir captar recursos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies