Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-03-25T17:35:26-03:00
Estadão Conteúdo
Em meio à crise

Iguatemi diz não pensar em demissões neste momento; objetivo é manter a folha

Iguatemi também está reavaliando sua meta de investimentos no montante entre R$ 170 a R$ 220 milhões para 2020; intenção é preservar o caixa para socorrer lojistas e fornecedores

25 de março de 2020
17:35
Fachada do shopping JK Iguatemi
Imagem: Shutterstock

A Iguatemi não tem planos de demitir funcionários neste momento de crise, afirmou a vice-presidente de finanças e relações com investidores, Cristina Betts. "O objetivo é manter a folha. Não estamos pensando em demissões neste momento", declarou a executiva durante teleconferência com investidores e analistas. O pagamento de funcionários representa um terço dos gastos da companhia.

Todo o contingente da sede da Iguatemi está trabalhando no modelo de home office. Já nos shoppings, 4% dos trabalhadores continuam nos locais em tarefas como limpeza, segurança e manutenção para garantir a operação de lojas como supermercados, farmácias e entrega de comida, bem como para deixar tudo pronto para reabertura dos estabelecimentos quando isso for autorizado. "Tudo que estamos fazendo visa preservar a saúde das pessoas e preparar as operações para uma volta rápido no futuro", sintetizou.

A Iguatemi também está reavaliando sua meta de investimentos no montante entre R$ 170 a R$ 220 milhões para 2020. A intenção é preservar o caixa para socorrer lojistas e fornecedores.

Ele disse que os alugueis de março estão suspensos para todos os lojistas, e que esses valores serão cobrados futuramente de maneira individual, pois os contratos são individuais. "É preciso união, empatia e bom senso", pediu.

Cristina Betts evitou prever por quanto tempo os shoppings continuarão fechados, mas ponderou que a empresa já está se preparando para a hipótese de a situação durar mais de um mês. Uma preocupação no radar é se lojistas estarão prontos, com estoque de mercadorias, para o Dia das Mães, uma das datas mais importantes para o varejo nacional, ao lado do Natal.

A executiva disse ainda que a Iguatemi está em contato com autoridades para entender como os shoppings podem colaborar para amenizar os efeitos da crise sobre a população em geral. Há ideia de usar os locais como pontos de coleta de doação de alimentos ou vacinação, por exemplo.

"O momento é de focar no que é imprescindível à saúde das pessoas. Estamos focados em fazer o que nos foi pedido (sobre decretos públicos). Queremos ser parceiros neste momento", comentou Cristina. "A atuação em parceria com os órgãos governamentais é fundamental para que possamos ser mais efetivos nessa situação. Estamos preocupados com a evolução de corona quando bater nas populações mais carentes."

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Muita calma nessa hora

Tem Vale Gás? Petrobras diz que não há definição sobre participação em programas sociais

Manifestação vem depois que o presidente Jair Bolsonaro disse em entrevista que a estatal tem R$ 3 bilhões em reservas para custear ajuda

Clube do Livro

Batalhas sem arma: Em “Cripto Wars”, Jim Rickards explica guerras cambiais e agora, com criptomoedas

Autor, conhecido também por suas previsões certeiras sobre o bitcoin, fala de como a tecnologia mudou as estratégias financeiras dos países

RUMO AO MILHÃO

O primeiro e mais importante investimento para quem atingir o primeiro milhão (ou ir além)

Por mais que você busque o conforto e a segurança de uma promessa de retorno garantido, digo, com convicção, que o único investimento com retorno garantido em longo prazo é aquele feito em educação

Ventos contrários

Renova Energia não consegue “proteção” contra minoritários da própria empresa

Empresa perdeu ação no TJ-SP que tentata impedir os acionistas de produzirem provas contra a empresa, relativas à investigação sobre desvio de recursos

Preocupação

Vidas secas? Bolsonaro admite que Brasil vive “enorme crise hidrológica”

Presidente citou a falta de chuvas como um dos grandes problemas econômicos do país, juntamente com os efeitos causados pela pandemia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies