Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-10-09T18:39:10-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
BOAS NOTÍCIAS

Gol começa a ver céu azul para suas operações em 2020

Companhia pretende encerrar outubro com 500 voos diários, equivalente a 60% do registrado no mesmo período de 2019

9 de outubro de 2020
12:33 - atualizado às 18:39
Avião da companhia aérea, Gol
Imagem: Divulgação/Gol

A Gol está se sentindo confiante para o restante do ano, depois de amargar perdas por conta do cancelamento das operações em função da pandemia de covid-19. Mas a situação ainda não deve resultar em lucro no terceiro trimestre.

Ela informou que, no início de outubro, ampliou a sua oferta de voos para 400 por dia em outubro e espera terminar o mês com 500 voos diários, o que colocaria a operação em aproximadamente 60% da programação registrada no mesmo período de 2019.

Os dados animaram os investidores no pregão desta sexta-feira (9) e as ações da Gol subiram 3,94%, a R$ 19,11. Veja como foi o dia dos mercados na cobertura do Seu Dinheiro.

Ela projeta ainda operar 93 dos 129 aviões este mês, além de retomar as atividades de mais três bases operacionais.

Bom momento

A situação já vinha bem desde o mês passado. Em setembro, ela viu que a demanda por voos no País cresceu 36%, na comparação com agosto. A oferta, na mesma base, aumentou 35%.

Além disso, ela registrou um aumento de 60% nas vendas em todos os seus canais de comercialização, comparado com agosto, junto com um crescimento de 79% da receita de passageiros transportados.

“Novamente, em setembro, a Gol observou um crescimento saudável da demanda por viagens entre os brasileiros”, disse, em nota, o diretor-presidente da companhia, Paulo Kakinoff. “Essa tendência deve persistir daqui para frente, uma vez que as buscas e vendas de passagens da Gol continuam crescendo.”

Prejuízo

Ainda que a situação esteja melhorando, a Gol estima fechar o terceiro trimestre com um prejuízo por ação de aproximadamente R$ 3,20.

A receita unitária de passageiro deve recuar 16% em relação ao terceiro trimestre de 2019, além de uma queda de 13% da receita unitária, por conta do aumento da participação da parte de cargas.

A margem do lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês), excluindo despesas não operacionais e não recorrentes, deve ficar entre 21% e 23%, abaixo dos 31% apurados no trimestre findo de 2019.

Despesas, caixa e liquidez

Kakinoff afirmou que a empresa adotou uma postura conservadora e cautelosa na expansão da malha aérea, além de estar concentrada em equilibrar a capacidade e os custos para atravessar o ano.

Uma das iniciativas neste sentido foi a redução da frota no acumulado do ano até setembro. A Gol diminuiu em dez aeronaves Boeing 737 arrendadas, e pretende devolver outros quatro aviões até o final do ano. A companhia também diminuiu em 34 aviões os recebimentos do Boeing 737 Max, previstos para chegarem entre este ano e 2022.

A Gol destacou as iniciativas para redução de custos de pessoal, como programa de licença voluntária e aposentadoria precoce, que resultou na redução total do quatro de funcionários em cerca de 1 mil pessoas.

A expectativa para o terceiro trimestre é manter os custos de pessoal reduzidos em até 40% dos patamares pré-pandemia.

Ela estima possuir liquidez suficiente para financiar seu capital de giro, despesas e para honrar suas dívidas. A geração líquida de caixa foi positiva em R$ 1 milhão por dia em setembro, sendo que ela encerrou o mês com aproximadamente R$ 2,2 bilhões em liquidez total.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

O FISCAL ENLOUQUECEU

Com furo no teto, XP e BTG já esperam que a Selic suba 1,5 ponto percentual na próxima semana

A corretora também reviu suas projeções para o câmbio, inflação e PIB deste e do próximo ano

E-commerce de pneus

Cantu Store não se assusta com a farra fiscal e registra pedido de IPO na CVM

A companhia paranaense conta com 26 filiais em 17 unidades federativas e quatro centros de distribuição, além de duas marcas próprias

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Guedes diz que fica, o puxadinho do teto de gastos e outros destaques do dia

Pelo menos um dos temores do mercado teve um desfecho nesta sexta-feira (22) — Paulo Guedes segue sendo o ministro da Economia, e o país não vai passar o fim de semana na incerteza. Após as baixas recentes na equipe econômica, mas o capitão do navio continua firme. Diante de tantas incertezas e a confirmação […]

SUPEROU AS EXPECTATIVAS

Hypera (HYPE3) inicia temporada de balanços com alta de 50% na receita líquida — veja os destaques da farmacêutica no terceiro trimestre

Apoiadas pelo portfólio cada vez maior de medicamentos e pelas vendas aquecidas, outras linhas do balanço também deixaram para trás as projeções

FECHAMENTO DA SEMANA

‘Fico’ de Guedes não apaga mau humor do mercado com furo no teto de gastos e Ibovespa despenca na semana; dólar volta a R$ 5,70

O principal índice da bolsa brasileira fechou o dia em queda de 1,34%, aos 106.296 pontos — longe das mínimas, mas no menor nível desde novembro de 2020. Na semana, a queda foi feia, e o Ibovespa recuou mais de 7%.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies