🔴 DÓLAR A R$5,38 E PODE SUBIR MAIS – VEJA COMO PROTEGER O SEU PATRIMÔNIO

Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Negócio fechado

Just do it: Centauro compra a Nike do Brasil por R$ 900 milhões e ações vão às máximas históricas

As ações ON da Centauro (CNTO3) dispararam quase 15% e chegaram a patamares inéditos de preço, com o mercado aprovando a compra da Nike do Brasil. Desde o IPO, os papéis já saltaram quase 300%

Victor Aguiar
Victor Aguiar
6 de fevereiro de 2020
11:37 - atualizado às 18:53
Loja da Centauro
Imagem: Reprodução

A Centauro foi derrotada pelo Magazine Luiza na disputa pela Netshoes, mas não desistiu dos planos de expansão nessa área. Na manhã desta quinta-feira (6), o grupo SBF — controlador da rede de artigos esportivos — deu uma tacada inesperada e anunciou a compra da Nike do Brasil, por R$ 900 milhões.

O mercado aprovou a ousadia: as ações ON da Centauro (CNTO3) fecharam em forte alta de 14,7%, a R$ 49,71, nas máximas do dia. Trata-se de um novo recorde de encerramento para os papéis.

Vale lembrar que as ações da Centauro estrearam na bolsa brasileira em 17 de abril do ano passado, a R$ 12,50 — assim, considerando o desempenho de hoje, os papéis acumulam uma valorização de quase 300%.

Pelo acordo, a Centauro será a operadora do canal de vendas online da Nike no país, além de atuar como distribuidora exclusiva dos produtos da marca — incluindo aí os itens de vestuário e calçados, além de acessórios e equipamentos.

As lojas da Nike no Brasil também ficarão sob responsabilidade da Centauro — decisões quanto à abertura ou não de novas unidades caberão ao grupo SBF.

Endividamento

Mas como a Centauro fará para pagar os R$ 900 milhões da compra da Nike do Brasil?

Em mensagem à CVM, a empresa diz que irá financiar uma parte desse montante, já tendo, inclusive, contratado o Santander Brasil, o Itaú BBA e o Bradesco BBI para ajudá-la a estruturar a operação.

A companhia não revelou a fatia que será financiada, mas uma análise de seu balanço trimestral revela que boa parte dessa cifra deverá ser obtida junto aos bancos. Ao fim de setembro de 2019, a Centauro possuía pouco mais de R$ 45 milhões em caixa e uma dívida líquida ajustada de R$ 212,7 milhões.

À primeira vista, esses números podem indicar uma situação financeira frágil e gerar preocupação quanto à viabilidade da compra da Nike do Brasil. No entanto, a geração de Ebitda — isto é, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização — da Centauro traz bastante tranquilidade nesse front.

Entre julho e setembro de 2019, o Ebitda da companhia totalizou R$ 117 milhões, um aumento de 42,8% na base anual — nos primeiros nove meses do ano passado, o Ebitda chegou a R$ 374 milhões, avançando 122,9% em um ano.

Assim, a relação entre dívida líquida ajustada da Centauro e o Ebitda gerado nos últimos 12 meses estava em 0,5 vez ao fim de setembro — no mesmo mês de 2018, essa relação era de 3,4 vez. Um patamar que abre espaço para um salto no endividamento sem maiores dores de cabeça.

Vale ressaltar, ainda, que a dívida da Centauro era muito maior em setembro de 2018, ultrapassando os R$ 800 milhões. Mas, com o IPO em abril, a companhia conseguiu levantar mais de R$ 700 milhões, e boa parte desses recursos foram usados para abater os compromissos financeiros.

Contra-ataque

No ano passado, a Centauro travou uma batalha com o Magazine Luiza pela compra da Netshoes. Inicialmente, o Magalu propôs US$ 2,00 por ação do site de artigos esportivos, mas o grupo SBF tentou atravessar a operação, oferecendo um valor maior.

A partir daí, as duas concorrentes foram dando lances crescentes, até que o Magazine Luiza saísse vitorioso ao ofertar US$ 3,70 por ação, em 14 de junho. Desde então, a Centauro não havia dado novos passos no campo das fusões e aquisições — uma história que mudou hoje, com a compra da Nike do Brasil.

A tacada da Centauro também vem com uma pitada de vingança, uma vez que, ao deter a exclusividade dos produtos da Nike, a empresa irá afetar a prateleira da Netshoes — e, consequentemente, impactar os planos de expansão do Magazine Luiza no comércio online de artigos esportivos.

Numa rápida consulta ao site da Netshoes, é possível encontrar mais de dois mil artigos da marca sendo comercializados:

Enquanto os investidores aplaudiram a jogada da Centauro, a reação foi mais cautelosa em relação ao Magazine Luiza. Sem saber ao certo qual será o efeito da transação para a Netshoes, as ações ON do Magalu (MGLU3) fecharam em queda de 2,57% hoje.

Compartilhe

Engordando os proventos

Caixa Seguridade (CXSE3) pode pagar mais R$ 230 milhões em dividendos após venda de subsidiárias, diz BofA

14 de setembro de 2022 - 13:22

Analistas acreditam que recursos advindos do desinvestimento serão destinados aos acionistas; companhia tem pelo menos mais duas vendas de participações à vista

OPA a preço atrativo

Gradiente (IGBR3) chega a disparar 47%, mas os acionistas têm um dilema: fechar o capital ou crer na vitória contra a Apple?

12 de setembro de 2022 - 13:09

O controlador da IGB/Gradiente (IGBR3) quer fazer uma OPA para fechar o capital da empresa. Entenda o que está em jogo na operação

novo rei?

O Mubadala quer mesmo ser o novo rei do Burger King; fundo surpreende mercado e aumenta oferta pela Zamp (BKBR3)

12 de setembro de 2022 - 11:12

Valor oferecido pelo fundo aumentou de R$ 7,55 para R$ 8,31 por ação da Zamp (BKBR3) — mercado não acreditava em oferta maior

Exclusivo Seu Dinheiro

Magalu (MGLU3) cotação: ação está no fundo do poço ou ainda é possível cair mais? 5 pontos definem o futuro da ação

10 de setembro de 2022 - 10:00

Papel já alcançou máxima de R$ 27 há cerca de dois anos, mas hoje é negociado perto dos R$ 4. Hoje, existem apenas 5 fatores que você deve olhar para ver se a ação está em ponto de compra ou venda

NOVO ACIONISTA

Com olhos no mercado de saúde animal, Mitsui paga R$ 344 milhões por fatias do BNDES e Opportunity na Ourofino (OFSA3)

9 de setembro de 2022 - 11:01

Após a conclusão, participação da companhia japonesa na Ourofino (OFSA3) será de 29,4%

Estreia na bolsa

Quer ter um Porsche novinho? Pois então aperte os cintos: a Volkswagen quer fazer o IPO da montadora de carros esportivos

6 de setembro de 2022 - 11:38

Abertura de capital da Porsche deve acontecer entre o fim de setembro e início de outubro; alguns investidores já demonstraram interesse no ativo

Bateu o mercado

BTG Pactual tem a melhor carteira recomendada de ações em agosto e foi a única entre as grandes corretoras a bater o Ibovespa no mês

5 de setembro de 2022 - 15:00

Indicações da corretora do banco tiveram alta de 7,20%, superando o avanço de 6,16% do Ibovespa; todas as demais carteiras do ranking tiveram retorno positivo, porém abaixo do índice

PEQUENAS NOTÁVEIS

Small caps: 3R (RRRP), Locaweb (LWSA3), Vamos (VAMO3) e Burger King (BKBR3) — as opções de investimento do BTG para setembro

1 de setembro de 2022 - 13:50

Banco fez três alterações em sua carteira de small caps em relação ao portfólio de agosto; veja quais são as 10 escolhidas para o mês

PATRIMÔNIO HISTÓRICO

Passando o chapéu: IRB (IRBR3) acerta a venda da própria sede em meio a medidas para se reenquadrar

30 de agosto de 2022 - 11:14

Às vésperas de conhecer o resultado de uma oferta primária por meio da qual pretende levantar R$ 1,2 bilhão, IRB se desfaz de prédio histórico

Exclusivo Seu Dinheiro

Chega de ‘só Petrobras’ (PETR4): fim do monopólio do gás natural beneficia ação que pode subir mais de 50% com a compra de ativos da estatal

30 de agosto de 2022 - 9:00

Conheça a ação que, segundo analista e colunista do Seu Dinheiro, representa uma empresa com histórico de eficiência e futuro promissor; foram 1200% de alta na bolsa em quase 20 anos – e tudo indica que esse é só o começo de um futuro triunfal

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar